História A vampira - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Ação, Lutas, Monstros, Original, Poderes, Revelaçao
Visualizações 6
Palavras 618
Terminada Não
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Nossa eu postei mais um capítulo? !
Milagre de novo!
Bom pessoal espero que gostem. Beijos de maçã 😘😘🍎🍎🍎🍎

Capítulo 10 - Quem é Irene?


Pov Narrador 
 

Ao dizer isso a mulher aparece com as mãos brilhando um amarelo alaranjado, a figura da mulher que apareceu era de Irene, que não parecia amigável. 

_Me diga, o que vocês querem se não os matarei. - diz Irene que ao dizer isso plantas saíram de seus braços e nas pontas havia estacas apontadas para o coração dos desconhecidos.

Do lado de fora dava para se ouvir os gritos de desespero de Dália pedindo para sua mãe que voltasse imediatamente para ajudar a pequena, assustando Irene que achava que Miyu poderia te - los lastimando de alguma forma. Sem falar nada os dois jovens que estavam imobilizados se transformaram em morcegos escapando de seu prisão vegetal. 

_Ei voltem aqui! -Diz Irene perseguindo as criaturas voadoras na chuva forte.

Os morcegos se separaram indo um atrás de Miyu enquanto o outro para as ruas  fazendo uma alusão para que Irene não notasse o sumisso do seu companheiro tentando despistar Irene, que parecia uma maluca tentando pular para pegar algum dos dois e ainda gritando com eles. 
    Já Miyu já estava descabelada de tanto nervosismo com a demora de Jasper. Derrepente a maçaneta da porta começou a se mover, deixando Miyu mais aliviada. 

_Jasper! Finalmente! Você demorou muito...- Diz Miyu destrancado a porta mas tendo um supresa ao ver quem era.

Ela viu a figura de Marco parado bem na frente dela a assustando, afinal suas presas estavam a mostra e ela estava com muita fome podendo atacar ele. 

_Miyu... - Quando Marco ia dizer algo ela interrompeu. 

_Olha Marco eu posso explicar essa minha aparência bizarra...- Diz Miyu pensando intensamente em uma desculpa.

_ Espera aí deixa eu falar primeiro... - Ele é interrompido de novo. 

_ Olha é que eu morro de medo de sangue é por isso que eu estou assim descabelada de nervosismo! Mas agora por favor saia daqui que eu estou usando o banheiro! - diz ela o mais rápido possível começando a empurra-lo para fora do local.

_ Espera aí Miyu! - diz ele ficando parado no mesmo lugar - Sou eu o Jasper! Eu estou nessa forma para passar despercebido     quando o garoto saiu para pegar mais alguns remédios. - diz Jasper entregando já a garrafa de sangue para Miyu satisfazer sua fome, que mesmo com uma cara de sonsa e surpresa ao mesmo tempo pegou e literalmente mamou tudo que tinha naquela garrafa. -Você tinha que ver a sua cara quando pensou que eu era o menino, foi impagável! Nossa você estava mesmo faminta nem notou que o meu cheiro era diferente.

_Cala a boca Jasper!- diz Miyu levemente constrangida e ao mesmo tempo irritada - Eu estava mesmo me perguntando como não te ataquei na mesma hora.

_É olha a sua desculpa de ter medo de sangue foi até bem criativa e até uma resposta rápida mas nunca iria funcionar, se eu fosse você eu acho que iria desmaiar a pessoa, ou você não teria coragem de desmaiar o seu amiginho! - diz Jasper fechando a porta novamente e falando a última parte principalmente o "amiginho" com um sorriso sapeca e mudando um pouco o tom de sua voz. 

_Ah vai tomar banho coelho idiota! E se destransforme que é muito estranho ver o Marco falando como você. - diz Miyu começando a tentar arrumar o seu cabelo para quando saísse de lá. 

_Atá claro que é por isso! - diz Jasper continua com o seu sorriso de segundas intenções enquanto voltava a ser um coelhinho, ele então ficou na pia vendo a exceção irritada da pequena vampira.

Enquanto isso o morcego que estava perceguindo Miyu ainda procurava uma forma de entrar  sem saber que Jasper já havia voltado.


Notas Finais


Gostaram? Odiaram?
Comentem aí embaixo. Beijos de espaguete 😘😘🍝🍝🍝🍝


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...