História The Vampire Girl - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Ação, Mistério Etc, Romance, Sexo, Sobrenatural, Suspense, Vampire
Exibições 12
Palavras 4.271
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


oiii não tenho muito a falar então sem mais delongas vamos para o capitulo bjos espero que gostem <3

Capítulo 19 - Festa- parte 1


Fanfic / Fanfiction The Vampire Girl - Capítulo 19 - Festa- parte 1

 

 

Acordei irritantemente com o som do despertador, mas eu não me incomodei estava de bom humor e nada iria atrapalhar meus             planos para hoje afinal tive uma noite muito cheia...............

                          FLASH BLACK ON 

tirei minha blusa fiando só de calçinha e sutiã começei a massagear meu seio um de cada vez quando percibi eu ja estava enxancarda retirei minhas roupas ficando nua desci uma de minhas mãos até minha intimidade e quando começei a fazer movimentos circulares em meu clitoris mordi o labio inferior para que meus gemidos não saissem muito altos mas quando almentei o ritmo soltei um gemido alto o que me fez perceber que se eu não acabasse logo com aquilo eu iria explodir de tesão coloquei dois dedos em mim me fazendo soltar um suspiro nunca pensei que sexo fosse tão bom fiz movimentos de vai e vem repetidas vezes quando eu estava prestes a gozar eu para mesmo que eu não queira peguei meu consolo e o liguei na velocidade media, me penetrei devagar pois o negocio não era pequeno assim que me acostumei fui fazendo estocadas rapidas e profundas as vzes fortes demais e eu acabava soltam uns gemidos ou outros quando estava chegando ao meu ápice soltei meu labio fazendo todos os meus gemidos se escaparando fui almentando o ritmo igual a uma loka até que atingi meu orgasmo todos os meus musculos do corpo se relaxaram uma onde de prazer e cansaço invadiram meu corpo mas o cansaço era bom, eu estava toda suada e eu disse a mim mesma " 

                               FLASH BLACK OFF 

Afastei minhas lembranças se não teria que me aliviar igual oite passada fui ao banheiro tomei um banho rapido, troquei meu lençol e desci para tomar cafe e terminar os preparativos para a festa

- bom dia mãe - digo indo em sua direção e lhe dou um beijo na bochecha 

- olha alguem acordou de bom humor hoje em - ela diz com um sorriso no rosto 

- não e só impolgação para minha festa - falo me sentando a mesa 

- hum mas  vai ser aonde 

- ha vai ser em uma chacara com um palco com luzes roxas e tem piscina tambem - digo mechendo meu café 

- nossa que legal mas vc ja descidiu qual vai ser o seu biquini 

- NOSSA!!! e mesmo me preocupei com todas as coisas menos com a minha roupa

- toma, eu sabia que vcc iria esquecer algo então guardei isso para você - ea me entrega uma nota de 100 reais 

- obrigada mãe - digo e pego a nota 

- compra é...... e pode ficar com o troco  se vc quiser 

-  ok bjos ja estou indo por que tenho um dia cheio pela frente 

- bjos - ela beija a mão e assopra em minha direção, e eu agarro ja perto da porta 

          Vou até a garagem e pego meu carro entro ligo uma musiquinha e vou para o shopping  passo por varias e varias lojas e nada até eu lembra de uma lojinha que fica no centro pago  o estacionamento e vou rumo a loja e bingo de cara na vitrine havia um maio preto trançado nas costas e abertura nas laterais da barriga e um decote mas nada que eu não usaria né gente até por que não sou nenhuma prostituta que usa os decotes até o umbigo para mostrar os seios para deus e o mundo inteiros de uma vez só  

fui até a atendente e pedi o maio mas ela disse que ela havia esgotado e que só tinha o da vitrine que não é  venda, que saco quando encontro um que eu gosto ja não tem mais, mas que DROGA!!!! até uma mulher surgir do nada e falar 

- Sarah minha querida  nossa quanto tempo - ela vem em minha direção e me da um abraço e eu sem reação retribuo com uma certa desconfiança 

- ué o que foi não se lembra de mim, ha claro por que vc era muito  pequena da ultima vez que tivi olha não sei se vc lembra mas eu sou Magda uma velha amiga de sua mãe vc ia na minha casa para brincar junto com a minha filha Natale 

- Nossa e mesmo, quanto tempo não - digo 

- e como esta a Nat 

- ai ela esta bem, essa hora ea deve estar na cama ainda o menina preguiçosa viu - ela fas cara de " só por deus mesmo " 

- mas e ai o que te tras a minha humilde loja 

- ai eu estava atras de um maio da sua vitrine mas  a sua atendente disse que acabou e que o que esta na vitrine não esta avenda 

-  que nada pra vc eu fasso uma exsessão tita pega lá o maio que ela quer - ela diz olhando para tras em direção a mulher 

- AI SERIO OBRIGADA - digo  dando-a um abraço 

- de nada tudo pela minha pequena - ela diz com um sorriso no rosto  a atendente dobra a roupa e cloca em uma sacola eu pago me despeço da Mag e vou embora 

Quando chego em casa subo e me troco arrumo minha mala por que iremos passar dois dias lá, mando uma mensagem para todos da festa com o local e claro o horario tambem mas pedi para a cloe,Mary,e a alyson  a irem mais cedo, era 10:00 quando cheguei na chácara abri o portão e me dei de cara com a piscina ela é linda e gigante prosigo e entro no salão ele tem um palco com luzes e um espelho no meio do palco eu achei meio estranho mas vai né fui ao bar pegar uma bebida e derrepente escuto vozes de garotas saio do bar e vou a entrada e vejo as meninas 

- EAI SUAS PUTAS - digo enpurrando todas com o corpo e todas nos caimos na piscina e elas começam a gritar

- sua idiota por que fez isso - diz alyson 

- OIIIIIIII MINHA VACA - diz Mary pulando encima de mim  me abraçando na agua 

- sabia que eu não estou de biquine sua desgraça - fala cloe saindo da agua 

- idai era pra mim vcs todas ensopadas - digo saindo da agua 

- gento vou ali trocar de roupa e ja venho ok ha e jaja os meninos chegam - subo as escadas e vou ate meu quarto ( sim tem quartos na chacará mas só eu a Mary somos as unicas  que temos  um quarto só para cada uma ) entro e abro minha mala pego meu maio e visto enquanto o coloco escuto vozes lá em baixo coloco um short jeans azul claro curto de bolsos para fora e uma regata preta  por cima  do maio assim que termino  de me arrumar desço e vejo todo mundo de roupa de banho e conversando menos o art que esta de camisa branca um short preto de chinelo  um oculos de sol preto e um bone cinza não nego mas ELE ESTA UM GATO QUE PUTA QUE PARIU ME ABANA!!!! mas claro que não deixei minha baba aparecer 

- OIIIIIIIIIIIIII MEU POVO  - gritei abrindo os braços como se fosse dar um abraço em todo mundo 

- OIIIIIIII - gritaram em unissolo fui ate mike e dei um abraço nele fui ate o cris o boy dele dei um abraço nele e depois fui ate o Art e lhe dei um abraço e falei em seu ouvido " senti sua falta " e ele respondeu " eu mais ainda "  assim que ele falou isso abri um sorriso maior ainda, quando nos afastamos ele falou 

- esse aqui e meu primo - ela aponta para um rapaz mais ou menos maior que eu tinha cabelos loiros meio castanhos e olhos azuis bem do jejito que a Mary gosta a meu pai Mary me aguarde, eu o comprimento com um abraço e eu falei 

- prazer eu sou Sarah digo - e ele faz cara de quem ja tinha ouvido sobre mim ai ele falou 

- ha então vc é a..............- o Arthur o interonpe e fala 

- é ela mesma - eu fiquei tipo " o que vc falou de mim para ele sua cabrita desmamada " 

- aham vc falou o que sobre mim em dono Arthur - digo fazendo cara de desconfiada 

- n-nada - ele gagueja e eu dou risada de sua cara e falo

- deixa queto  VAMO CURTIR MEU POVO  - grito e ligo o som em uma musica eletronica e todos começamos a dançar eu vou até o bar para pegar uma bebida eu estou lá rebolando timida mente fazendo meu drink e cantarolando a batida da musica quando alguem adentra  o bar mas não dou importancia e continua mexendo meu drink estou mau destraida até sentir uma mão na minha cintura e uma respiração quente em meu pescoço, meu coração acelera e minha respiração por algum motivo ela passa de passiva para ofegante olho para a pessoa que esta atrás de mim e vejo Arthur ele olha em meus olhos  eu me viro e eu pergunto 

- o que vc esta fazendo - pergunto confusa 

- ué o que eu não pudi fazer quando te vi - ele diz e se aproxima estavamos nossos labios estavam a  1 centimetro de distancia  quando alguem entra no bar e nos olhamos em direção a entrada  

- opa desculpa ai - Mary diz e vai dando as costas  e eu falo 

- não tudo bem Arthur ja estava de saiada né - digo fazendo depois com as mãos para ele e ele revira os olhos 

- é.... é mesmo - ele bufa e sai  nos deixando  a sozinha 

- O QUE ACONTECEU  - ela fala super alto e eu escuto uma risada de longe obvio que Arthur ouviu que saco em Mary 

- nada não - digo e vou atras do balcão para pegar a vodca 

- NADA NÃO ENTÃO POR QUE VCS ESTAVA QUASE SE BEIJANDO -  ela grita de novo 

- CALA BOCA FALA BAIXO SE NÃO EU NÃO VOU TE CONTAR PORRA NENHUMA -  digo nervosa 

- ta fala 

- bom eu tava aqui na minha preprando meu drink de boas e ele vem aqui e tenta me beijar 

- ta mas vc n falou nada 

- claro ne, eu perguntei para ele o que ele estava fazendo e ele respondeu "ué o que eu não pudi fazer quando te vi " - digo e ela fica com cara de " eu n creio ele ta doido pra te comer " 

- vc vai dar pra ele né 

- NÃO VC TA LOKA  - digo cruzando os braços 

- por que não 

- ue por que depois daquele fiasco com o teiton  NUNCA MAIS  - digo 

- ai cara vc fica com essa desculpa mas e que vc n gozou ainda pra ver como e bom - ela fala o BOM como se fosse um gemido enquanto passa a mão no pescoço 

- ai para com isso - digo lhe dando um tapa no braço e completando - e eu já............- eu mesma me interronpo e ela diz 

- ãh como assim já -ela diz desacreditada

- é....... eu meio que " usei o meu presente de aniversario " - digo fazendo aspas com os dedos 

- HAAAA VC TENTOU UHUUUUU  mas e ai vc gostou ?

- que pergunta mais besta, E CLARO NÉ  so que eu acho que estou meio viciada eu estou sentindo vontade de fazer toda hora todo tempo - digo tampando a cara com as mãos morrendo de vergonha 

- sabia que vc ia gostar se tenta-se - ela fala com cara de convencida 

- ta agora vamos parar com ese assunto que eu tenho mais o que fazer vamos voltar para lá 

- ta bom vamos, afinal estava querendo brincar de verdade ou desafio - ela diz eu já penso que isso vai dar merda toda brincadeira de verdade ou desafio sempre da merda que apostar quanto 

- o que foi ?

- e que toda brincadeira de verdade ou desafio sempre da merda 

- ha então agente brinca de chupa ou assopra 

- NAO ta doida prefiro brincar de verdade ou desafio do que beijar qual quer um - digo 

- hahahaah ok - ela da risada  ficamos conversando de coisas alheias e nos esquecemos do tempo ate vim a aly nos chamar 

- ué seis não vão pra festa não o coisinhas - ela pergunta 

- e mesmo ficamos aqui conversando e nos esquecemos de voltar pra festa - digo 

- então vamos - diz ela 

- uhum - diz eu e a Mary fomos para a pascina e estava todo mundo dançando, era 13:00 e o sol estava muito quente eu tava morrendo de calor então propus 

                                                                         P.O.V. ARTHUR 

Quando cheguei na festa as meninas ja estavam lá e os meninos chegaram junto a mim comprimentei todo mundo mas não encontrei Sarah e disseram que ela estava se trocando as meninas estavam todas molhadas acredito que Sarah tenha aprontado com elas, ela não demorou pra descer, quando ela desceu ela estava a mesma pessoa e antes so que agora sem pesadelos e alegre ela comprimentou todo mundo eu apresentei meu primo a ela e ela o comprimentou como todo mundo, quando ela ligou a musica e se afastou fui atrá dela obvio ela estava preparando um drink e rebolando quando a vi assim AI MEU DEUS  que minina em agora não respondo mais por mim..........................................
        Quando sai da cozinha só pude ouvir a Mary gritando e eu caio na risada essa menina ainda vai pegar muito no pé, volto para a festa pego uma bebida e danço como todo mundo ficamos ali ate a Sarah e Mary aparecerem e Mary falar  para as meninas 

- gente ta um calor vamo mergulhar - todas concordam menos Sarah depois ela caminha ate agente e pegergunta se nos vamos querer entrar com elas eu não estava muito a fim então disse que não mas James e Mike disseram que iam entrar assim que a ela terminou de falar com os meninos ela saiu correndo e pulou na piscina e logo todos pularam em seguida e Cloe falar 

- vem Sarah e aguá esta uma delicia vem - ela fala espirrando agá nela 

- ha não gente deixa u aqui vai - ela diz fazendo cara de bosta 

- ha vem vai se não eu vou ai te jogar na aguá - diz Mike ameaçando-a 

- ta ta bom mais só vou por que eu não quero ser jogada na piscina - ela diz se levantando ela tira a sua regata preta e deixa aparecer seu maio preto que tem um decote que valoriza (HOO se VALORIZA)  seus seios e depois abre seu shorts e e vai tirando devagar pois ele era muito apertado ela estava uma delicia ela sotou o cabelo que estava em um coque alto e sacudiu a cabeça 

- EEh  Arthur fecha a boca se não a baba escorre - diz Mary dando risada e me tirando de meu desvaneio 

- HA  cala boca vai - digo meio envergonhado quando vejo que Sarah esta olhando para mim ela se afasta da espreguiçadeira e pula em um mergulho, passamos horas e horas dançando, bebendo,comendo,e conversando quando alguem chama todo mundo e diz 

- vamo jogar verdade ou desafio. Par animar. Um pouco. Essa festa -  fala 
-........- ninguem. Responde

- vamo vai ser legal - ela incentiva 

- ta vai - digo 

- eu tambem vou - diz Mike 

- ha vai pode ser legal - diz cloe 

- vai né - diz Sarah 

- claro ja to indo - diz  Mary 

- vamo - diz James 

-  ha brinca vcs ai eu n vou não - diz aly e um menino que não sei o nome 

- tabom vamos - diz nos reunimos sentados no chão e pegamos uma garrafa de cerveja cloe girou e caiu nela e Mike

- verdade ou desafio

- hum.........................desafio

- hum...... ta te desafio vc falar uma fantasia que vc realisou

- haa não serio

- serio - diz ela com cara de convencida

- é que eu não tenho uma fantasia - ela fala meio envergonhado 

- ava serio - pergunta 

- serio - hum ela fala meio decepcionada 

- ta vamos continuar gira a garrafa - digo Mike gira a garrafa e cai em mim e James ela pergunta 

- verdade ou desafio 

- verdade 

- nossa vc é muito chato 

- idai vai pergunta logo 

- qual foi o seu trabalho mais humilhante ou "diferente " mas que vc gostava - ele fala e PUTA QUE PARIU ASSIM ELE ME FODE

- hum............ tem que falar mesmo ?- pergunto 

- claro né 

-ta......é.......e-eu.....

- ha vai logo não pode ser tão ruim assim 

- ta...é...eu já fui um artista de strip - assim que eu falei todo mundo ficou com cara de " AI MEU DEUS " 

- não serio eu achei que vc fosse falar caixa de super mercado lixeiro mas um striper - diz James rindo da  minha cara 

- ha vai te catar e vamos continuar com o jogo - digo e giro a garrafa e cai em James e Sarah e ela pergunta 

- verdade ou desafio 

- desafio 

- ta.....hum... como não tenho nada de bom pra vc fazer eu te desafio a dar um beijo na Mary 

- PERA AI OIII - diz Mary desacretiada 

- é isso mesmo - diz Sarah

- vamo vai vai vai - fala  batendo palma 

- nossa Sarah vai ter volta em - ela diz com um olhar ameaçador 

- vai logo é só um beijo - digo dando risada, ele levanta e ela tambem eles se aproximam e colam os labios e iniciam um beijo as mãos dela sobem aos cabelos dele e as mãos dele vai para sua cintura depois decem a sua bunda e apalpa. Um pouco e eu digo 

- calma se quiserem trepar vão ao motel ok - digo rindo junto a todos com o meu comentario  e assim que eles persebem que estão em uma roda com pessoas eles se largam  e Sarah diz 

- ta tudo bem ai quer um extintor - diz rindo 

- hahaha engraçadinha - ela diz se sentando ela gira a garrafa e cai no Mike e na Mary e Mike pergunta 

- verdade ou desafio 
- verdade 
- e Verdade Que vc gostou. Do seu beijo. Com o James ou não  - ele pergunta com a cara de malicioso 

- é serio isso ? 

-claro né deer, mas e ai gostou ou não 

- é....s-sim - ela gagueja e  fica corada e todo mundo fez " hummm" e deram risada 

- ta gira logo isso - diz ela envergonhada,e Mike gira e cai em mim e na Mary e ela pergunta 

- verdade ou desafio 

- acho que desafio se não vou acaber contando muito sobre a minha vida aqui nesse jogo - digo 

- hahaha escolha errada BaBy , eu te desafio a vc fazer um "strip" sem tirar a roupa so que vai ser para uma pessoa e essa pessoa vai ser a que me ferrou né Sarinha - ela diz piscando para ela 

- ha não, não não não  eu nem lembro os movimentos e nada - minto 

- ha sabe sim agora para de graça e vai logo 

- mesmo se ele aceitasse eu não iria - diz Sarah cruzando. Os braços e fazendo. Biquinho

- ha se vai, vc não gosta de ferrar os outros agora vai 

- haaaaa te o deio 

- ai eu tambem te amo - ela fala e manda um beijo pra ela, ela levanta e fala 

- vamos acabar logo com isso

- ta bom, grossa - digo olhando. Para. Aquela. Perfeiçao de bunda.

                                                                     P.O.V. SARAH 

  Ele Olha para. Minha bunda. Descaradamente. Como Pode em, e Por mais que eu tenha gostado da ideia desse strip  não significa que tenho que demostrar ok meu filho, nos fomos para o palco ele pegou uma cadeira e deixou de frente com o espelho e fala 

- relaxa querida - ela fala sarcasticamente 

- eu estou relaxada o problema e que eu não sei o que vc vai fazer é isso 

- só aproveite - ele diz e apaga as luzes mas não para ficar um breu mas sim meias luzes me puxa pela cintura um pouco para frente olhando em meus olhos ele me senta na cadeira se ajoelha beija minha mão liga uma musica da Ariana Grande Let me love you dá ariana grande   ( p.o.v. autora:  leiam essa parte com essa musica vc vão amar serio ) ele  dança um pouco na minha frente, ele senta me meu colo e rebola um pouco nele ele tira a camisa e eu adimiro aquele seu  abdomen perfeito,quando ele sai fica um pouco afastado e vem correndo de costas e faz algo com as minhas penas nas dele que faz nossa intimidades encostarem ele fica rebolando rossando nossos sexos de alguma forma eu estou gostando disso e ao ver ele nos exfregar desse jeito eu estou começando a ficar excitada sem eu perceber  ele vira em me faz ficar sentada em seu colo e com as pernas faz com que eu QuiQue em seu membro dá pra mim sentir seu volume em quanto eu sento nele,  ele me pega no colo e me põe no chão de pernas abertas finge que vai beijar meu pescoço mas logo em seguida puxa o meu cabelo e eu abro a boca sem perceber ele desce com o seu rosto para ao meio de minhas pernas e eu sinto sua respiração quente em minha coxa eu. Estou. Morrendo. De tesao a Mary. Me paga. Sentir. Ele esfregar. Seu. Menbro. Em minha. Vagina. Esta de endoidecendo, depois sobe e coloca seu membro centimetros de meu rosto e começa a fazer movimentos vai vem, o vontade. De agarralo e fazer. Um sexo. Selvagem agora. Mesmo. AI MEU DEUS O QUE ESTA. ACONTECENDO. COMIGO. EU VOU. FICAR. LOUCA. DESSE. JEITO, ele sai de cima de mim e me estende a mão eu levanto pensando que acabou mas ele pega pelas pernas e fica com o rosto  encostado em minha virilha ele. Rossa. O seu. Queixo. Em minha.vagina e eu de cara com o seu pênis ele esta me segurando com umas das mãos e a outra. Dá um tapa. Em minha. Bunda ele me pega com a outra e me põe cara a cara com ele mas logo em seguida ele me vira e me abaixa fazendo eu ficar de bunda para cima e ele "estocar " em mim isso esta me deixando loka sentir ele sem poder toca-loe ainda ele esta de roupa ele me sobe tão rapido  que eu fico tonta e eu nem percebo que a musica ja acabou eu coloco as mãos no rostoe  afasto o cabelo em quanto ele põe a camisa assim que o pessoal percebe que acabou  todo mundo começa a gritar 

- EITA  PORRA  ME ABANA 

- PULA NA PISCINA QUE O NEGOCIO  TA QUENTE 

- AI DEU ATÉ TESÃO AGORA 

- TOMARA QUE VC NÃO FI QUE GRAVIDA EM 

- PRONTO QUER UMA AGUÁ, POIS ACHO QUE ESTA PRECISANDO DEPOIS DESSE FOGO TODO 

- TO SEM PALAVRAS EM MAS O QUE É QUE FOI ISSO - eu estou imovel nem faço ideia da metade das coisa que aconteceram em quanto eu estava em meu mundinho mas porra 

- E AI SARAH GOSTOU- grita a Mary dando risada 

- calma ela em choque - Mike diz dando risada 

- to nada - digo cruzando os braços,e  Arthur me pergunta 

- vc ta bem 

- claro que ela ta né 

- ta ta mas agora acende essas luzes - digo, eles acendem as luzes e eu vou na piscina pendo meu cabelo e falo 

- gente, como iremos fazer para dividir os quartos 

- bom eu posso fic19 com a cloe - diz a aly 

- e eu com o Art - diz James 

- ta e Mike vc vai ficar com o Conor ok - digo 

- ta bom 

- gente como já é 19:37 eu vou lá em cima tomar um banho e vc ficam ai tá que eu já volto 

- ta bom agente vai escolher um filme não demora muito não em - diz Conor 

- ok  

        digo e subo entro em meu quarto ligo a banheira e sento na cama porra o que foi  que aconteceu lá em baixo toda aquela tenção o Arthur e aqueles seus olhares em mim e em meu corpo o que foi aquilo  ai eu preciso de um banho ta muito quente aqui                              (...)    continua   ......................................................................


Notas Finais


SEM PALAVRAS SÓ QUERO COMENTARIOS POR FAVOR O ACHAM QUE VAI ACONTECER


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...