História A Vida Continua - Until Dawn - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Until Dawn
Personagens Ashley "Ash", Beth Washington, Christopher "Chris", Emily "Em", Hannah Washington, Jessica "Jess", Joshua "Josh" Washington, Matthew "Matt", Michael "Mike" Munroe, Personagens Originais, Samantha "Sam"
Tags Romance, Until Dawn
Exibições 33
Palavras 966
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ficção, Mistério, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Canibalismo, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá pessoal, tudo bem?
Terceiro Capítulo
Comentem se gostaram.
Aproveitem: acomodem-se, façam um lanche gostoso e vamos nessa!
Obs: A história será contada a partir do ponto de vista de cada personagem

Capítulo 3 - Capítulo 3 - Revelações


Fanfic / Fanfiction A Vida Continua - Until Dawn - Capítulo 3 - Capítulo 3 - Revelações

Chris - Delegacia - 11:15

Minha cabeça não parava de rodar. Passei o dia passando as imagens na minha cabeça. O Josh sendo serrado, depois ele com a mascara de palhaço, a minha "tentativa de suícidio" para salvar a Ashley, a decapitação. Passei o dia chorando e agora estou preocupado com o que a Ash vai pensar de mim.

Então, quando achamos que tínhamos visto e ouvido de tudo, vem um senhor de idade - uns 55, 60 anos - falando a palavra mágica : wendigo. Mike e Sam se olham e a garota disse que não falou nada para o xerife nem para ninguém. Todos olharam para mim, inclusive o bigodudo com a estrela de xerife.

- Nenhum de vocês abriu o bico. - disse o xerife com o ar sério - Eu e meus homens conhecemos a lenda da maldição. A verdade é que ninguém sabe quando começou. Ela é mais antiga do que sabemos, provalvelmente.  Há muito tempo não havia um surto. Desde então tudo estava sobre controle. Até agora. Todos os que entram nesse trabalho conhecem essa lenda, mas não comentamos sobre isso. Confesso que não estávamos preparados para isso. Acho que amolecemos com o tempo. Deviámos ter feito mais buscas durante o desaparecimento de Hannah e Beth Washington...

Não fiquei surpreso com aquilo. Fazia todo sentido e ao mesmo tempo não fazia. Estávamos lidando com o sobrenatural. Tínhamos Sam, mas não tínhamos o Dean. Pelo menos o Mike e eu demos conta.

- Ei, Nerd! - o xerife falou mais alto -  Estou falando com você! Comece a falar!

Olhei para o Mike e a Sam eles fizeram sinal de positivo. Ash também.

Contei o que eu sabia sobre o estranho, e minha fuga dos wendigos. Mike e Sam falaram do Sanatório e sobre Josh. Matt e Emily falaram sobre  a torre e as minas. Ash só queria que aquilo acabasse.

- Não tenho nada a acrescentar além do que já falei - disse Ash.

Jéssica estava perdida e não disse coisa com coisa.  

- Tudo certo - disse com rispidez - mandarei uma equipe a procura do seu amigo. De acordo com o rei do baile ali, ele ainda pode estar vivo.  Esperamos encontra-lo em breve. Entraremos em contato.

Sam agarrou o braço do xerife com tanta força que achei que ia arrancar.

- Por favor! Achem ele. -Diz Sam com lágrima nos olhos,

O xerife olhou para ela e depois para nós com uma certa complacência.

- Faremos o melhor para encontra-lo, Senhorita. Aguarde nosso contato.

Ele esta indo embora, então ele volta e diz:

- Não se preocupem, ninguém será preso. Porém, peço que não digam nada sobre wendigos ou maldição. Vocês sobreviveram e fizeram o que tinham de fazer. Vivam suas vidas.

Ele saiu. Não antes de dizer:

- Você se saiu bem para um Nerd!

Respiro aliviado e corro até Ash. 

- Graças a Deus eu não vou ser preso!

- Graças a Deus.

Olho para aquela garota Ruiva e não me importo por ela estar suja de sangue ou machucada. Ela é a garota mais linda do mundo. Eu a abraço bem forte.

- Chris, para! Eu tô suja e fedendo.

- Dessa vez não, minha princesa guerreira. Já esperei tempo. demais

Então eu puxo ela para mim e eu a beijo. No começo ela não retribui. Será que ela não gostou. Acho que foi o susto, pois logo ela bota a mão na minha nuca e retribui meu beijo. Não foi um beijaço de cinema, mas foi puro e cheio de carinho. Nós teríamos muito tempo para expandir as nossas opções.

Olho para o grupo e todos estão surpresos com minha atitude, mas Felizes.

- Até que enfim! - disse Matt com alegria e Emily com ironia. Eles se olham e desviam o olhar um do outro. 

- Isso era o que Josh queria. Parabéns aos dois, vocês merecem!

Tudo que eu pense foi: "Você conseguiu Josh"!

 

10 DIAS DEPOIS

13/02/2015 

 

Mike - Sua Residência - 08:00

 Dez dias se passaram desde o caso da montanha. Teve uma certa repercussão, pois os pais do Josh são famosos. Tentamos evitar a imprensa, ficamos sem sair por um tempo só nos falamos via redes sociais. Não nos encontramos mais. De vez em quando falo com o Chris. Tá indo bem o namoro dele com a Ashley. A Sam me manda mensagem todos os dias perguntando se eu estou bem. Meu celular vibra. É a Jess mandando mensagem. 

Jess: Oi, Mike!

Mike: Oi Jess! Como você está?

Jess: Melhorando pouco a pouco.

Não tenho visto Jess. visitei ela umas três vezes nesses dez dias. Estou sendo um péssimo namorado.

Mike: Que bom! Melhora logo. Irei aí mais tarde

Jess: estarei esperando. bjo

Mike: Beijo

Meu namoro com ela está muito frio, nunca mais tivemos nada. Nada mesmo. Depois do evento da montanha o meu modo de vida mudou. Antes eu só queria estar acompanhado para não ter que ficar sozinho. Vivia os momentos ao máximo e agora... eu não sei. Quero mudar alguma coisa, mas ainda não sei bem o que é. Tô com inveja do Chris e da Ashley. Eles são amigos, amantes, companheiros. Comigo e com a Jess... O sexo é ótimo, mas depos não conseguimos conversar direito, não concordamos em nada... Preciso dar um rumo na minha vida, estudar, me formar, trabalhar.

Enquanto me perco em meus pensamentos. O telefone toca:

- Alô!

- Mike é  a Sam! Bom dia!

- Oi, Sam!  Tudo bem?

- Ainda não sei. Recebi uma ligação do pai do Josh.

- O que o Senhor Washington quer? - perguntei curioso.

- Você não vai acreditar! Encontraram o Josh!

No mesmo momento o celular de Mike vibrou com uma mensagem:

" Rei do baile, reúna a corte. Precisamos conversar".


Notas Finais


Agradeço o carinho. Postarei somente sábado agora. Essa semana terei muito trabalho. Abraços! Desculpem qualquer erro.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...