História A vida de Alice! - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Vida da Gente
Exibições 1
Palavras 728
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 3 - Cap 3


No outro dia

Eu resolvo sair com algumas amigas minhas.

- meninas eu vou ao banheiro e já volto, e quando ia saindo dou de cara com a namorada de Lucas

- eii guria 

- oi conheço você?

- não se faz, sou a namorada do Lucas

- ah oi desculpe não reconheci

- claro que não ne, só olhou pra ele mesmo

- credo menina quem você acha que é pra fala assim de mim

- só estou dando um aviso pra vc ok fique longe do Lucas.

E então ignoro ela é volto pra mesa.

No outro dia levanto cedo limpo o ape e depois vou até o mercado e então Lucas estava lá e me vê e vem falar comigo eu o ignoro e saio andando e ele me chama

- eii Alice o que aconteceu?

- na boa eu tô com pressa

- calma 

- olha eu não quero mais da motivos pra sua namorada na boa

- o que ela fez?

- nada Lucas eu só quero ficar longe melhor

- não claro que não... na boa já chega a Manuela já passou dos limites.

Então Lucas sai do mercado, e eu vou embora chego em casa e pego meu celular é olhos meus e-mails. 

E então recebo uma msg no face do Lucas. 

- Desculpe Alice. 

- você não tem culpa de nada Lucas não precisa me pedir desculpa.

- preciso sim.. Posso ir aí?

Penso antes de responder... o que será que eu falo.

- tá vem.

E ele nem respondeu....

Então eu fui ao meu quarto me troquei me arrumei um pouco pois eu estava bem desarrumada.

E então a companhia toca.

- eu vo lá e abro a porta e era o Lucas

- oie 

- oie entra

- Desculpe tá vir aqui assim.

- imagina fica a vontade quer beber algo?

- não imagina obrigado, legal teu ape

- siim e o melhor lugar pra fica mesmo

- é, mais então foi mal lá pela Manuela

- já disse que não tem nada a ver. 

- ah cara eu fui lá falei umas verdades pra ela e  mandei ela embora

E nisso toca a companhia

- pera aí já venho viu atender 

Abro a porta e quem era? Manuela. 

- ah achei o menino o que vc tá fazendo aqui Lucas??

- eu já não deixei claro Manuela

- cala boca Lucas não acredito que vai troca por essa aí

- pera aí guria vc não Vem aqui na minha casa fala nesse tom e falar de mim assim agora pega e vai embora que ninguém te chamou assim

- ah mais sem o Lucas eu não vou mesmo.

- ah não vai? eu chamo a polícia pq a casa e minha e quem manda aqui sou eu

- Manuela vai embora será que tu ainda não entendeu que eu não quero mais nada com você vai embora

- eu vou pq eu nao vou me rebaixar por causa de você mais vai ter troco

E então fecho a porta na cara dela.

- Desculpe mais uma vez Alice

Pego e vou a cozinha e preparo um vinho.

- vinho?

- sim pode ser

-eu adoro vinho, as vezes eu fico olhando minhas fotos que eu tiro e então bebo um bom vinho me relaxa.

- é bom também gosto de vinho

Me sento do lado dele coloco a Taça na mesinha e ele também pego meu celular 

Então ele fica me olhando e eu digo: o que foi? porque tá me olhando?

- você é muito linda, vo fala verdade eu desde aquele dia quando vc tiro a foto eu te vi de um jeito diferente depois se falamos mais vezes aí comecei te querer ver mais vezes

- aí Lucas vc me deixa sem jeito assim

- eu sei mais não precisa fica sem jeito 

Sorrio pra ele e tomo mais um gole e ficamos conversando. Mais tarde ele diz que deve ir embora e então levantamos e íamos indo até a porta. 

- me desculpe Alice mais vou ter que fazer uma coisa

- o que?

- isso.

Então ele coloca sua mão em minha nuca entre os meus cabelos, e me beija na hora me impressionei mais gostei então beijei também, me beijando e me encostando contra a parede. E então eu paro com o beijo porque ele estava ficando empolgado demais.

- acho melhor você ir né Lucas

- sim também acho ... fala me olhando com uma cara de desejo.

E então ele vai embora. Eu vou até ao meu quarto sento na cama e fico lembrando. do beijo o como foi bom mas então me arrumo para dormir.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...