História A vida normal de uma garota - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amizade, Amor, Aventura, Doidice
Exibições 10
Palavras 333
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Esse horário de verão está me matando.

Capítulo 4 - De novo...


Fanfic / Fanfiction A vida normal de uma garota - Capítulo 4 - De novo...

Depois do lanche, as filhas da puta vieram perturbar eu e Paula:
-Olha só, a novata está se metendo com uma preta sem noção.
Disse a loira, aí tomei coragem e disse:
-1° eu tenho um nome que é Larissa e 2°ninguém é preto, a única coisa que é preta aqui é o seu coração.

Eu falei isso bem alto, no final da frase alguém gritou:
-Chupa vadia!!!
Depois disso todo mundo riu dela que ela saiu chorando.
Depois do lanche eu falei à Paula se ela sofria racismo na escola, ela disse que sim:
-Então, por que você não denúncia ela?
                      15:00 HRS

Eu sempre tive vergonha de chegar perto do diretor, só que agora tomei coragem e disse:
-Diretor, Rebeca está violando as leis da escola.
-O que Rebeca fez?
-ela está fazendo bullying com Paula.
-Paula é uma vítima de racismo?
Disse sim com a cabeça.

O diretor foi logo pra sala de Rebeca e expulsou ela da escola por 1 mês.
-Bem feito pra ela- Disse eu
-É, eu não aguentava a voz irritante dela.
Nos rimos e conversamos bastante, até que tocou para ir para casa.

Fui pra casa, esqueci totalmente daquela criatura e fui cochilar um pouco em paz já que o meu pai trabalha das 7 da manhã até 11 da noite.
Deitei e cochilei um pouco.

                          15:50

Acordei com um barulho no banheiro, eu fui olhar com muito medo porque achei que iria ser uma daquelas coisas que apareçam.

Peguei uma nerf(sim uma nerf)e fui no banheiro andando bem devagar.
Quando cheguei eu vi uma garotinha.
Ela tinha cabelos curtos e morenos, pele bem branca e olhos azuis
- Oi - ela falou
-Oi
-Quem é você?
-me chamo Larissa mas pode me chamar de Lary
-Eu me chamo Sophia

Foi aí que eu percebi que ela estava um pouco transparente:
-E o que você é?
-Um espírito
-Você não vai me possui ou assombrar essa casa?
-não, eu sou um espírito bom.

                     PRÓXIMO CAPÍTULO...


Notas Finais


Olha só que amigável huehuehue


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...