História A vida por trás das máscaras - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Tags Ladybug
Visualizações 58
Palavras 717
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Lírica, Magia, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Obrigada pelos comentários.
Espero que gostem. ♥

Capítulo 12 - Voltando pra aula.


Fanfic / Fanfiction A vida por trás das máscaras - Capítulo 12 - Voltando pra aula.

Ouvi o despertador Adrien tocar. Eu desligo, acaricio o seu cabelo, mordo sua orelha e digo:

- Bom dia... alguém tem que ir para escola...

- Nós temos que ir pra escola...

- Eu não sei se estou pronta...

- Meu pai vai ficar bravo se descobrir que eu vou faltar aula de novo...

- Mas você vai... eu que não vou.

- Mas se você não for eu não vou conseguir ir também...

- Tá.  Eu vou.

Ele sorriu satisfeito, me deu um celinho e foi tomar banho. 

Levantei, me arrumei pois afinal eu iria pra aula. Depois de tomar o café com o Adrien fomos de mãos dadas pro carro. Quando chegamos na porta do colégio saímos de mãos dadas até a sala. Todos nós olharam com surpresa... o Adrien não parava de sorrir pra mim. Quando sentamos ele passou o braço no meu ombro e disse:

- Você se importa com essa atenção toda? 

- Nunca. E mesmo se não gosta-se aguentaria por você...

Ele me deu um celinho e bem nesse momento a A Alya surgiu com um sorriso. O Adrien me olhou e falou:

- Acho melhor eu deixar vocês conversarem...

Assenti com a cabeça... Alya sentou e eu contei tudo pra ela. Ela não parava de sorrir. Ela me olhou e disse:

- Eu nem o Nino não dissemos que nos amamos...

- Mas você o ama?

Ela olhou na direção dele e sorriu.

- Você o ama... Então por que você não fala?

- E se ele terminar comigo?

- Se ele não te amasse não estaria com você a um ano. E se terminar, quer dizer que se durasse uym de vocês seria infeliz...

- Quando eu digo?

- ah. Não sei, quando rolar um clima ou quando tiver uma oportunidade...

- Acho que você tem razão. 

Povs Adrien:

Acordei com as carícias da Marinette. Ela mordeu a minha orelha e disse:

- Bom dia... alguém tem que ir pra escola.

- Nós temos que ir pra escola.

- Não sei se estou pronta...

- Meu pai vai ficar bravo se descobrir que eu vou faltar aula de novo...

- Mais Você vai... eu é que  não vou.

- Mais se você não for eu no vou conseguir ir.

- Tá eu vou.

Sorri satisfeito. Como eu iria pra aula sem a mulher da minha vida? Eu a amo mais do que tudo, não consegueria ir à deixando sozinha.

Lhe dei um celinho e fui para o meu banheiro. Tomei um banho, escovei os dentes. Quando fiquei pronto fui tomar café com a Mari. Fomos para o colégio. Não desgrudei a minha mão da das a nem por um minuto. Todos nos olhavam, eu sempre sorria para ela se sentir melhor. Quando chegamos na nossa carteira eu passei a mão em seu ombro e disse:

- Você se importa com essa atenção toda? 

- Nunca. E mesmo que me importa se aguentaria por você. 

Botei as minhas mãos em seu rosto e selei os nossos lábios.  Assim que retirei o meu rosto do seu vi a Alya sorrindo. Nunca entendi as mulheres muito bem, mais desde que ela e o Nino namoram entendi mais os olhares, aquele com certeza era o: "preciso conversar com ela!" Sorri pra Mari e as deixei conversarem. Fui falar com o Nino. Assim que eu cheguei ele falou:

- Finalmente vocês estão juntos. 

- É... Não aguentava mais não poder ficar com ela.

- Mas o lance com ela é sério ou só tá brincando?

- Nino, eu a amo mais do que qualquer um na minha vida... É sério. 

- Ela te fisgou né? 

- Mas é você e a Alya? Já falou o que sente?

- Cara não é tão fácil. Eu nunca sei quando é o momento certo.

- Cara, se ela te ama qualquer momento é certo.

Eu Sorri e sai. A Marinette estaca sozinha, tampe os seus olhos e disse:

- Quem é?

- Talvez o amor da minha vida?

- Que é o...

- Adrien!

Nos beijamos e a aula começou. No intervalo o Nino e aula Alya não paravam de perguntar sobre ontem. Depois da aula a Marinette ficou pra me ver no basquete. Ela é Alya não parava de conversar, já que o Nino fazia basquete comigo. Depois nós quatro saímos pra tomar um sorvete, fomos pra minha casa. Na sala de multimidia assistimos Screm 4. As meninas não paravam de gritar a cada três segundos. Fizemos os deveres e a Alya e o Nino foram pra suas casas.



Notas Finais


Gostaram da troca de personagens? Se quiserem que eu continue...
Beijos LuluP♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...