História A Vida Que Sempre Quis - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Kono Subarashii Sekai ni Shukufuku wo! (KonoSuba)
Visualizações 2
Palavras 875
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Fantasia, Luta, Magia
Avisos: Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpe, acabei esquecendo uma pequena parte do primeiro capítulo
Sorry :p

Capítulo 2 - A Morte E A Vida


Fanfic / Fanfiction A Vida Que Sempre Quis - Capítulo 2 - A Morte E A Vida

…Passa o tempo…

Agora terei que mostrar a escola para um certo alguem né, caramba, queria ir para o telhado descansar um pouco, virei a noite jogando e é claro que isso é natural para um Player como eu, já sei, por que não começar por lá? É um ótimo lugar e também posso mostrar a escola inteira de lá, perfeito :)

- Então Leandro, aqui é o telhado, é como um lugar sagrado para mim, e também será daqui que vou te mostrar o resto da escola, vamos? - falei meio animado, pois já estava no final da aula e eu ia chegar em casa e jogar feito louco.

- Bem, antes de dar um fim a nossa conversa, vamos falar sobre algo que está me deixando curioso - falou como se fosse outra pessoa, alguem mais sombrio.

- Pode falar, estarei aqui para ouvir - falei meio assustado por algum motivo.

- Daniel, o que mais te assusta? - falou com uma voz mais grossa e um olhar mais sombrio ainda.

- Bem, eu acho que a morte em sí já é assustadora - respondi a pergunta com minhas mãos tremendo, o que está acontecendo? Por que estou tão assustado?

- Boa resposta, acho que agora já sei o que posso fazer - disse colocando sua mão no bolso, logo em seguida tirou uma faca de lá, não podia acreditar no que estava acontecendo.

O que eu farei para me livrar disso? Por que ele está segurando uma faca? Alguém por favor me ajude!?

Mas por que não consigo nem se quer falar, minhas pernas não param de tremer, eu estou em pânico …. E agora? O que será de mim?

No momento, me encontro numa situação difícil de se lidar, acho que vou ser vítima de um assassino novato, nessa hora acho que não tenho mais salvação, estou em de pânico puro. T_T

- Não me resta escolha, vou cortar seu pescoço e depois vou te jogar do telhado - falou com uma tranqüilidade assustadora.

Em seguida ele corre na minha direção e estica sua mão para alcançar meu pescoço e no ultimo segundo, consegui dar um grito na esperança de alguem vir ajudar, porém já era tarde de mais, minha garganta já estava em sangue e continuou sangrando.

- Você gritou, agora não vou conseguir me divertir, como você é mal ;p - ele acabou com um olhar sádico.

Tudo está escurecendo, não consigo pensar em mais nada, apenas em descansar.

………………………….

Abro meus olhos e vejo uma mulher com asas sentada em uma cadeira, ela se levanta e fala:

- Você teve uma vida muito curta, lamento por sua morte - falou enquanto abaixava sua cabeça em sinal de respeito.

- Eu realmente morri? - falei mais confuso do que eu estava a pouco.

- Sim - disse a mulher - você morreu nas mãos de um assassino jovem, quase que invisível para todos, mas graças a você ele foi detido, em seus últimos suspiros você gritou e isso alertou os professores que chegaram logo em seguida da sua morte, agora ele está preso e não vai machucar mais ninguém.

Senti como se tivesse tirado um peso de cima do meu coração, acho que me senti aliviado pelas outras pessoas que não se machucaram - Como você morreu devo lhe dizer que haverá duas escolhas, porém você conquistou a terceira escolha, as duas primeiras são: ir para o céu e continuar vivendo para sempre como um homem mais velho ou recomeçar o ciclo de vida na Terra novamente, no entanto a terceira opção será mais do seu agrado - falou sentando na cadeira onde estava - você gosta de jogos não é? Então lhe darei a oportunidade de reviver em um mundo com a ameaça de um Maou e magia existente, o que me diz?

- Eu aceito!!!! - falei sem nem pensar duas vezes, até por que seria muito bom viver junto a magia.

- Então, lhe darei o direito de levar qualquer coisa com você, uma arma mística ou uma habilidade incrível, basta escolher.

- Mas com tantas possibilidades é difícil escolher, apenas uma …..

- Mas não se preocupe com o tempo, pode escolher uma habilidade para que posso derrotar o Maou e assim colocar um fim a sua tirania.

Eu já tinha algo em mente, mas isso foi em um sonho que tive quando eu era criança, mas não vejo nenhum problema.

- Eu quero ter a habilidade de criar outras habilidades que somente eu possa usar sem nenhum tipo de limite e com total liberdade - falei realmente empolgado, acho que nunca senti tanta alegria na vida, tirando o fato de eu estar morto -_-

- Hmmm, então está decidido - falou se levantando da cadeira.

- Oque? Não há mesmo nenhum problema eu ter esse tipo de habilidade? - perguntei confuso pois essa é uma habilidade muito poderosa.

- Não vejo mal nenhum se for para derrotar o Maou - falou com um sorriso no rosto, então ela abre os braços e um círculo aparece em baixo de meus pês, logo, começo a flutuar - reso por sua vitória meu bravo guerreiro.

Então em meio ao ar do lugar onde estava, abri meus olhos e estava eu em uma estrada no meio de uma cidade que aparentemente estava bem tranqüila, nem se quer sinal do mal, eu realmente estou no lugar certo?


Notas Finais


Por favor, n deixe de dizer o que está achando da história. ;)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...