História About Love - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Barbara Palvin, Justin Bieber, One Direction
Tags Gangster, Justin Bieber, Máfia
Visualizações 107
Palavras 1.125
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Mais um capítulo para vocês, espero que gostem :) <3

Capítulo 18 - Barbados - Part 3


Fanfic / Fanfiction About Love - Capítulo 18 - Barbados - Part 3

Miranda Johnson P.O.V

- Alguém pode ver a gente Justin. - Falei baixo em seu ouvido.

- É bom correr perigo as vezes. - Deu uma leve mordida em minha orelha. - Apenas aproveite.

A mão gélida dele pousou sobre meu seio direito e um arrepio gostoso percorreu sobre todo o meu corpo, minhas mãos foram até suas costas e arranhei a mesma quando senti seu quadril pressionando o meu. Ele distribuía beijos molhados por todo o meu pescoço e sua mão que estava em meu seio foi parar em minha coxa, que foi acariciada pela ponta dos seus dedos.

- Eu te amo. - Sussurrou olhando para os meus olhos e um sorriso surgiu em meus lábios.

- Eu também te amo.

 Justin foi com suas mãos até a parte interna da minha coxa e a acariciou, seus dedos aos poucos foram descendo até que os mesmos tocarem minha vagina.

- Molhada desse jeito já? - Perguntou passando dois dedos sobre minha entrada.

- Você que me deixa assim. - Sussurrei e seus dedos se afastaram de minha intimidade para dar lugar a sua glande, que roçou sobre meu clitóris fazendo com que eu ficasse toda arrepiada. - Awwn Justin. - Gemi. - Anda logo Justin. - Murmurei em súplica e rebolei em baixo dele fazendo com que nossas intimidades se roçassem.

- Pode deixar. - Se ajeitou sobre mim e seu membro entrou em minha vagina.

- Justin. - Soltei um gemido alto e prazeroso. - Mais rápido amor.

- Não, posso acabar te machucando. - Seu hálito quente batia sobre meu pescoço causando arrepio por todo meu corpo, seu quadril se chocova com o meu fazendo um barulho delicioso. - Você é tão apertada. - Sussurou e seus movimentos com o passar dos segundos aumentaram um pouco.

 Mexi meu quadril e passei rebolar embaixo dele fazendo com que nosso prazer aumentasse.

- Porra Justin. - Meus olhos se fecharam com força, minha intimidade contraiu apertando seu pênis.

- Awwwn. - Grunhiu e deu mais algumas estocadas nos levando ao ápice da nossa prazerosa transa.

- Meu Deus. - Justin apoiou sua testa na minha fazendo com que nós dois encarasse um ao outro. - Isso foi ótimo. 

- Foi mesmo.

Seu corpo caiu ao meu lado, estávamos com o cabelo todo bagunçado, com a respiração descompensada e com o suor escorrendo pelo nosso rosto.

- É tão bom transar com o barulho do mar. 

- Nem deu pra ouvir o barulho com o seus gemidos Miranda. - Olhei para ele que estava de olhos fechados. - O que foi?

- Vai a merda Justin.

No Dia Seguinte

- Quer mais alguma coisa amor? - Justin perguntou enquanto caminhávamos dentro do shopping.

- Não, se eu pagar mais alguma coisa acabo com o seu dinheiro. - Eu havia pegado muita coisa, muita coisa mesmo, tinha pegado roupas para a bebê e pra mim, para a Cait, Julian, Pattie e minha mãe escolhi algumas peças intimas da Victoria's Secret, para os meninos e para o meu pai o Justin pegou um relógio da Rolex e um cordão de ouro para cada um.

- Pra acabar com esse dinheiro vai demorar Miranda. - Fomos até a praça de alimentação. - Onde vai querer comer?

- No McDonald's. - Apontei para o mesmo.

- Senta nessa mesa que eu vou lá fazer nosso pedido. - Colocou as sacolas em cima da mesma. - Vai querer o combo do Big Mac? - Concordei. - Já volto.

 Peguei meu celular dentro da minha bolsa e fui ver as mensagens que havia recebido.

" Como vocês duas e Justin estão? Como está a viagem? Já comprou meu presente? Amo vocês, beijos (volta logo). " - Juliana.

" Nós três estamos bem. A viagem está maravilhosa. Sim, eu já comprei seu presente. Também amo você, beijos (logo vou embora). " - Miranda.

" Estou morrendo de saudades de vocês filha, a minha netinha está bem? Quando der me ligue, por favor. Amo vocês meu amor. " - Mamãe. 

" Também estou com saudades de vocês mãe, ela está bem graças a Deus. Assim que der eu irei ligar. Amo vocês. " - Miranda.

" Como a minha afilhada está? Como você e o Justin está? Volte logo, mas volte com o meu presente (estou precisando te contar algumas coisas). Amo vocês (menos o Justin). " - Cait.

" Nós três estamos bem. Eu irei voltar logo, mas sem seu presente (me conte agora). Amo você. " - Miranda.

" Estou morrendo de saudades de vocês minha norinha, curtam bastante a viagem, qualquer coisa liguem. Amo vocês " - Pattie.

" Também estou com saudades, pode deixar que iremos curtir sim. Amamos você também. " - Miranda.

 Fui até a galeria do meu celular e postei a foto no Instagram que eu e Justin havíamos tirado hoje cedo, a legenda que eu coloquei era:
Vocês são exatamente tudo que eu preciso pra viver (Notas Finais). 

- Aqui amor. - Justin colocou as duas bandejas sobre a mesa.

- Obrigada. - Guardei o celular em minha bolsa. - Estamos com tanta fome. - Acariciei minha barriga.

- Então come. - Ele se sentou na cadeira da frente. - Precisamos decidir o nome da nossa filha Miranda.

- Temos mais quatro meses ainda. - Dei uma mordida em meu lanche. - Quando voltarmos para Atlanta decidimos.

- Não fala com a boca cheia, isso é falta de educação. - Revirei os olhos. - É essa educação que você vai dar pra nossa filha?

- Sim. - Coloquei o canudo em minha boca e puxei o liquido logo podendo sentir o gosto da coca. - O que está olhando? - Ele olhava para alguma coisa atrás de mim.

- Nada. - Olhei para trás e não havia visto nada de diferente, a não ser uma roda onde tinha cinco meninas que eram muito bonitas por sinal e elas estavam olhando para a nossa mesa.

- Está olhando aquelas garotas? - Negou. - Vou fingir que acredito em você. - Ele continuava olhando e aquilo estava me irritando. - Porra Justin, já que está gostando vai lá com aquelas garotas. - Falei alto fazendo com que as pessoas que estava em nossa volta olhasse.

- Fala baixo. - Olhou bravo. - Já falei que não estou olhando para elas, é que tem um cara ali atrás e eu já vi ele em algum lugar. 

- Sei. - Peguei o guardanapo e limpei meus dedos que estava cheio de cheddar. - É seu amigo ou inimigo?

- Meus únicos amigos estão em Atlanta. - Justin estava sério e encarava o homem que estava atrás de mim. - Termina de comer e vamos voltar para o hotel.
 
 


Notas Finais


Foto: https://the-liar-vampire.tumblr.com/image/164084586719 (imaginem que sejam o Justin)

Espero que tenham gostado deste décimo oitavo capítulo, quem quiser me seguir o instagram que posto noticias dos famosos:

Instagram: VoceSabiaPop


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...