História Acaso ou destino - Capítulo 13


Escrita por: ~ e ~LeahPinheiro

Postado
Categorias Amanda Seyfried, Austin Mahone, Becky G, Camila Cabello, Candice Accola, Daniel Gillies, Demi Lovato, Fifth Harmony, Ian Somerhalder, Jennifer Lawrence, Joseph Morgan, Justin Bieber, One Direction
Personagens Ally Brooke, Amanda Seyfried, Austin Mahone, Becky G, Camila Cabello, Candice Accola, Daniel Gillies, Demi Lovato, Dinah Jane Hansen, Harry Styles, Ian Somerhalder, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jennifer Lawrence, Jeremy Bieber, Joseph Morgan, Justin Bieber, Lauren Jauregui, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Normani Hamilton, Personagens Originais, Zayn Malik
Visualizações 220
Palavras 1.171
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Vocês irão adorar isso.
coloquei essa foto em homenagem ao novo clipe

Capítulo 13 - Primeiro passo


Fanfic / Fanfiction Acaso ou destino - Capítulo 13 - Primeiro passo

Lauren


 acordei com o sol forte saindo pela janela Droga! esqueci de fechar a janela, olhei para o lado encontrando uma mulher nua em minha cama, flashs da noite passada me fizeram voltar a realidade, depois que eu tive um pequeno encontro com a mimadinha, eu estava louca para sair, pegar algumas garotas, mas nunca fui muito de levar para o meu apartamento, eu devia de estar muito bêbada mesmo, nem me incomodei muito de ir ver a hora, sabia que ainda era antes do meio dia, tinha marcado com Sinuhe por volta das 13:00 passariam em sua casa, a mulher ao meu lado dormia tranquilamente, e eu tentava lembrar o nome dela,.mas parece que o mesmo não me vinha a cabeça. 



 Eu levantei sem fazer barulho e caminhei até o meu banheiro fazendo minha higiene matinal, respirei fundo olhando no espelho, vendo que tinha olheiras que não via a muito tempo, as de preocupação, entrei no box... Sai do banheiro enrolada em uma toalha em meu corpo, quando vi que a garota estava se arrumando.

 -Não se preocupe, já estou de saída. 

 Ela parecia diferentes das mulheres que eu já dormi, as outras dariam tudo para passar mais uma noite comigo, mas essa na verdade estava cagando para mim, isso é bom.

 -Se quiser ficar para comer alguma coisa? eu perguntei entrando no closet, essa garota parece bem diferente mesmo.

 -Olha eu adoraria mesmo, pois eu amo comer, mas tenho que trabalhar. 

Ela disse se levantando, eu pus uma roupa rápida e acompanhei a mesma até a porta. 

 -Me desculpe, mas eu não lembro o seu nome.

 eu disse meio sem jeito, é meio terrível você esquecer o nome de uma pessoa que você dormiu a poucas horas. 

 -Não se preocupe, na verdade pelas coisas que me lembro ontem a noite, você deixou bem claro que poderia esquecer meu nome, e que não queria nada sério. 

 uma coisa minha é que sempre fui sincera quando quero deixar claro que não quero nada com alguém.

 -Ok, mas isso não significa que eu possa esquecer seu nome, é muito deselegante da minha parte.

 Ela apenas riu e negou com a cabeça, pegando sua bolsa e sorrindo.

 - Para você ficar mais tranquila, eu me chamo Keana, Keana Marie. Ela disse sorrindo, e que sorriso lindo meu Deus. 

 -Ok keana, foi realmente um prazer te conhecer.

 -Igualmente. 

 Ela disse e saiu, eu fechei a porta, mas que mulher linda gente, caminhei até o meu celular e quase cai quando vi que faltava 15 pra 13 hrs, pulei para o meu quarto, e peguei uma saia Short das que eu tenho, peguei um tope e pus uma regata branca por cima, peguei minha bolsa e meu celular vendo várias ligações de Demi, com certeza é sobre aquele assunto, desci meu apartamento correndo, e peguei a minha moto, dirigi em alta velocidade até a casa dos Cabello's, é hoje que essa Camila me paga. Cheguei na mesma, vendo alguns seguranças me olharem com cara feia, devolvi o olhar e ainda revirei meus olhos, logo um empregada chegou.

 -A senhorita Camila ainda não chegou da escola, e a senhorita Sinuhe foi ao mercado, eu ao acompanho. 

 Ela disse e eu assenti, segui a mulher até os arredores da casa que era incrívelmente grande, bem que a mimadinha disse que era bem rica. esperei na academia nos fundos apenas para não ter que ficar dentro da casa, não sei por que, mas ambientes familiares sempre me fazem chorar e não é isso que eu quero. 


 -Deve se sentir muito importante agora que colou filha contra mãe. Ouvi uma voz grossa e me virei vendo Alejandro com os braços cruzados, legal! Quando não é a filha é o pai. -Me perdoe se a sua filha não tem uma certa maturidade. eu disse ficando de pé, nunca tive medo de homem,.muito menos os como ele. 


 -Veja lá como fala da minha filha sua lésbica nojenta. a nossa! homofóbico também? meu dia não poderia estar melhor.

 -Primeiro: obrigada pelo elogio, segundo: nojentos são você e a sua filha, terceiro: vê se toma vergonha nessa cara, sua filha já é bem grandinha para entender quando estar errado ou certo, e vai por mim ela não está nesse momento.

 ele sai dali soltando fumaça, talvez isso sirva de lição, ninguém se mete com Lauren Jauregui, posso ter sido expulsa de casa e da família,.mas nunca vou deixar de carregar meu sobrenome. minutos depois Camila apareceu com sua mãe ao seu lado que logo se propôs a me abraçar do qual eu retribui com muito gosto. 

 -Se comporte Camila.

 a menina revirou os olhos, a mãe saiu e Camila ficou me olhando igual a uma pateta. 

 -Muito bem Camila, eu vim aqui para ver se você conseguia pegar a coreografia,as você simplesmente me deu uma bofetada, então vamos esquecer o assunto, pois eu tive uma grande idéia que não vai salvar só você de me ter por perto, mas vai salvar a mim também de ver a sua cara. 

 Ela me olhou confusa e depois sorriu. 

 -Você só pode estar brincando Lauren

- ela falou de um jeito nojento o meu nome 

-Mas diga, o que tem em mente? eu apenas soltei um risada nasal, e tirei minha regata, ela paralisou nos meus seios, estava babando, eu tinha que provocar

. -Perdeu alguma coisa aqui? Ela piscou os olhos várias vezes.

 -Cala a boca. eu fui até a caixa de som. 

 -Para aprender a coreografia da valsa você tem que aprender a coreografia solo primeiro, ela irá soltar seu corpo.

 -E como vou fazer isso fessorinha? oh menina debochada.

 -Você é completamente incapaz de dançar

- ela fechou a cara, parece que o sorrizinho debochado sumiu

- mas como você tem uma professora incrível diante dos seus olhos

- ela revirou os olhos

 -Vou te ensinar na moda antiga vem cá. Ela me olhou incrédula. 

 -Vem logo Camz! Ela veio, parecia um cãozinho.

 -Camz? -Seu novo apelido, agora se concentra. Logo a música com controle, e pego em sua cintura, coloco seu cabelo de lado. 

 -Só deixe música fluir, e relaxe, acompanhei meus passos. Ela estava fazendo bem até agora, mas seu cheiro adentra as minha narinas, que vontade loca de agarrar essa garota me deu... Lauren se concentra, como as coisas estavam bons de mais para ser verdade, ela tropeça e cai me levando junto eu estava em cima, seus olhos estavam nos meus, castanho no verde, verde no castanho, essa era minha deixa, essa menina vai sofrer em minha mão, ela estava tão entretida em mim, que estava pronta para mim beija-la, levei minha mãe até seu rosto, lhe dando esperança, mas quem disse que Lauren jauregui da esperanças. Sai de cima dela num pulo. 

 -Você tem que ter mais cuidado. Ela me olhava incrédula, parecia que ia pular em cima de mim a qualquer momento, pirralha estúpida. 

 -Eu já vou Camz, até logo. Peguei minha bolsa e saí sem dar tempo dela falar algo, essa menina ainda vai aprender muito, essa foi a primeira lição.


Notas Finais


gostaram, falem nos comentários.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...