História Acasos da vida - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 5
Palavras 360
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, FemmeSlash, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 5 - O jantar


Elas chegaram na casa de Emma e foram logo preparar o jantar, pois já estavam morrendo de fome.

Emma estava lavando louça enquanto Enye preparava os ingredientes para começarem a cozinhar, Emma acabou de lavar a louça e quando virou se deparou com Enye  virada de costas para ela, Emma ficou observando seu corpo, até que chegou mais perto e abraçou Enye por trás na cintura, Enye se virou e pos seus braços ao redor do pescoço de Emma, e quando percebeu já estavam se beijando, um beijo lento que foi ganhando intensidade, Emma pegou Enye no colo, levou ela até o andar de cima onde ficava seu quarto, entrou no quarto anda com Enye em seu colo, encostou a porta e colocou Enye no chão prendendo-a entre a porta e seu corpo, Enye querendo avançar nas preliminares empurrou Emma até a cama, subiu em cima dela e começou a beijar e rebolar em seu colo, Emma foi logo tirando a blusa de Enye, coloco a mão na cintura dela e logo tirou seu sutiã, Emma já explodia de tesão, pegou Enye e a jogou na cama, tirou seu shorts e voltou a beija-la, Emma foi descendo pelo corpo de Enye, beijou seu pescoço, descer até seus seios e enquanto chupava um acariciava o outro, Emma levou a mão até a calcinha de Enye e notou que estava molhada e seu clitóris pulsando, Emma não aguentou e logo arrancou a calcinha de Enye com a boca, beijou sua coxa e a chupou com tanta vontade que parecia que o mundo estava acabando e ela precisava aproveitar cada segundo, Emma a penetrou um dedo com movimentos de vai e vem e continuou chupando seu sexo. 

Enye: Amor, eu vou gozar - falou entre pausas.

Emma: Goza ruiva gostosa, goza pra mim sua safada.

Enye com sua mão precionou a cabeça de Emma contra seu corpo e logo sentiu seu líquido quente escorrer, Emma lambeu todo seu líquido e voltou para beija-la, fazendo assim com que sentisse seu próprio gosto.

No meio do beijo Enye joga Emma na cama, sobe em cima dela, a olha fixamente nos olhos e diz:

Enye: Agora é minha vez minha loira.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...