História Accept me - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Hoseok, Jhope, Suga, Yaoi, Yoongi, Yoonseok
Exibições 30
Palavras 246
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Bem, é minha primeira fanfic desse gênero mais pesado. Prometo melhorar mais para frente ^^

Capítulo 1 - One


HOSEOK POV'S

Minha mãe morreu há dez anos quando se envolveu em um acidente de carro. Um motorista bêbado dirigia em alta velocidade e acabou perdendo o controle do carro, batendo de frente com o carro em que ela dirigia. 

Sim, levei muito tempo para me recuperar da perda, na verdade, ainda não superei. 

Meu pai, Jiyong, assim como eu, demorou muito tempo para aceitar que ela tinha se ido, mas como sempre foi mais forte de que eu, seguiu sua vida.

Hoje ele namora com Chaerin, melhor madastra que eu poderia ter. 

Noite passada, eles acabaram por me contar que iriam se casar. Eu fiquei feliz, extremamente feliz, mas depois que parei para pensar, que ela entraria no lugar de minha mãe, meu mundo caiu. 

Eu tinha que me manter forte, e demonstrar felicidade para os dois, pois sabia como eles se amavam.

Ah, e tem mais um problema. Chaerin tem um filho.

De princípio não gostei muito da história, pois sempre fui filho único, mas como teria que passar o resto da minha vida -até sair de casa- com ele, aceite o fato.

Eu sempre fui uma pessoa relaxada, calma e otimista. Não via a vida como um problema, e sempre fazia com que as coisas parecessem interessantes e animadas para mim, caso contrário, sei que entraria em uma depressão profuda.

Bem, é isso. Neste momento, estou sentado no sofá de minha sala enquanto espero Chaerin,e seu filho chegarem para podermos almoçar.

—x—

continuo??

 

 


Notas Finais


toda crítica é bem-vinda :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...