História Accept • yoonseok - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jungkook, Personagens Originais, Suga, V
Visualizações 128
Palavras 683
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ficção, Fluffy, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Cross-dresser, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 10 - Festa/Parte três.




— É a primeira vez que eu estou na casa do Jungkook, mamãe nunca me trouxe antes para conhecer ele, nem a tia Jeon — Jimin dizia, com um sorriso doce sobre os lábios, enquanto tinha a cabeça apoiada no ombro do primo mais novo.

— Jungkook não falou nada sobre as suas... roupas? — Yoongi perguntou, evitando olhar Jeon nos olhos, que parecia surpreso com a sua pergunta.

Mas quem não perguntaria? Para quem xingava Yoongi de "bixinha" a pouco tempo, e estava agora tratando seu primo com todo amor do mundo, mesmo que ele usasse roupas femininas como Yoon, era estranho.

— Ah, não! Jungkookie não gostava das minhas roupas antes — o pequeno formou um bico em seus lábios cheinhos. — Mas agora ele gosta. Minha mãe conversou com ele — assentia freneticamente, como se afirmasse a própria informação.

Todos os quatro estavam no quarto de Jeon. Haviam abandonado a festa, pela quantidade de olhares tortos sobre Jimin e Yoongi. Foi quase automático, Hoseok e Jungkook se entreolharam e imediatamente pareciam ter entrado em uma espécie de discussão telepática. Em seguida, pediram aos meninos para que todos eles subissem, sem falar o motivo para ambos.

— Entendi — Min murmurou e olhou para Hoseok, que até então não havia se pronunciado. — Seok-ah... — Chamou manhoso, fazendo o mais velho responder ao seu chamado, encarando-o. — Você 'tá bem? — O maior sorriu, e abraçou o menor de lado, afundando seu nariz nos cabelos de Yoon, suspirando com seu cheiro que ele julgava o melhor de todos que já havia sentido.

— Claro, Yooni — respondeu, brando como a maioria das vezes.

— Podemos ir embora? E-eu estou com sono — coçou os olhinhos, bocejando em seguida.

— Vamos — Hoseok afirmou, olhando para Jeon e Jimin, que também pareciam bem cansados. — Estamos indo embora — avisou, se levantando em conjunto com Yoongi.

— Mas e o bolo? — Jimin perguntou evidentemente chateado.

— Você quer esperar o bolo? — Perguntou a Yoongi, que já segurava a barra de sua blusa, sabendo que ambos passariam por muitas pessoas no andar debaixo. O pequeno apenas negou com a cabeça. — A gente come outro dia, Jimin — disse de um jeito meigo, que fez o outro sorrir e assentir. — Tchau.

Se despediram, e encontraram a mãe de Hoseok, para que fossem embora. No caminho nenhum dos meninos falou nada. Jung pensou que tivesse algo de errado com o garoto calado ao seu lado, com a cabeça apoiada em seu ombro. Mas ao ver um pequeno fio de saliva escorrer por sua blusa, teve certeza de que ele estava bem, apenas, dormindo.

No caminho a mãe de Hoseok perguntou ao filho se não seria melhor que Yoongi dormisse na casa de ambos, já que a casa do menor ficava mais longe do que a deles. Ele escolheu levar Yoon para sua casa, levando em conta que seria menos trabalhoso.

Chegando lá, a Jung mais velha puxou Yoongi para seu colo, e o carregou para dentro, com Hoseok em seu encalço. Subiu as escadas e entrou no quarto do filho, deitando Yoon na cama do mesmo. Perguntou se Hobi precisava de um colchão para que jogasse no chão, mas ele apenas negou, alegando que não faria mal dormir com o menor. Assim, sua mãe se retirou, e ele ficou lá, sentado ao lado do corpo adormecido de seu melhor amigo, encarando-o carinhosamente. Yoongi era tão fofo dormindo, Hoseok não podia evitar sorrir, ao vê-lo daquela forma.

— Hobi... — Murmurou, ainda dormindo, assustando Hoseok de repente. — E-eu... — Se remexeu inquieto na cama, e quando seu corpo sentiu que havia outro alguém consigo na cama, imediatamente seus bracinhos se ergueram, e capturaram o pescoço de Jung, o trazendo para mais perto, abraçando-o. — Quentinho... — Sussurrou, fazendo Hoseok rir baixinho, tentando não se mexer para não acordar Yoongi.

  E ficaram daquela forma, onde Hoseok adormeceu, abraçado no corpo pouco menor que o seu, mesmo que a posição não favorece muito bem o conforto, mas era único, afinal, era Yoongi e Hoseok. Era perfeito.


Notas Finais


não tenho nada a declarar rs
espero que tenham gostado ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...