História Acho que é amor - Bibidro - Capítulo 14


Postado
Categorias Bianca Tatto Marques (BIBI), Jhennifer "Coelha" Angelina, Pedro "SrPedro" Montanari, Pedro Afonso "RezendeEvil" Posso
Personagens BIBI Tatto, Pedro "SrPedro" Montanari
Tags Bibidro, Toelha
Visualizações 139
Palavras 1.225
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


HELLO HELLO!!!!
Voltei com mais um capitulo.
O capitulo está meio bosta porque eu tô sem ideias.
Espero que gostem e até ás notas finais.

Capítulo 14 - Você já é como uma irmã para nós


 

Point of view Bibi Tatto

Meu Deus! A Flokiis está gravida. Quando ela revelou que estava grávida eu simplesmente paralisei. Eu não sabia o que fazer ou o que dizer. O que nós temos que fazer é aceitar, até porque se nós não aceitarmos não vai mudar nada, ela já está grávida. O melhor a fazer é apoiar ela o máximo possível.

-Parabéns.- eu digo me levantando e indo abraçar os dois.

-Pedro?- eu digo.

-Eu não sei o que fazer nessa situação, mas eu estou feliz por vocês dois.- ele disse.

O que me preocupava mais era que a Coelha e o Total não disseram nada. Mas eles têm que aceitar, até porque eles sabem o que a Flokiis e o Rezende estão sentindo melhor que eu e o Pedro.

-Vocês sabem que um bebé vai mudar a sua vida agora, né?- a Coelha diz.

-Claro que nós sabemos mas nós estamos muito felizes e só faltam 2 meses para terminar o ano.- o Rezende diz.

-Se vocês estão felizes, nós também estamos felizes por vocês.- o Total diz.

-Bianca eu também quero um filho.- o Pedro diz.

-Vai sonhando Pedro.- eu digo.- Nada de filhos por agora.- eu completei.

-Concordo com a Bibi, Pedro.- a Coelha disse.- Um filho é uma responsabilidade muito grande.- ela disse.

-Eu também acho que você não está preparado para ter um filho Pedro.- eu digo

-E porquê?- ele pergunta.

-Talvez porque hoje de manhã você queria matar o Matheus porque ele não parava de chorar e você queria dormir.- eu digo com deboche.

-Como assim você queria matar meu filho, Pedro Montanari?- a Coelha pergunta.

-Eu não queria matar ele, eu só queria que ele calasse a boca, mas ele não queria de jeito nenhum.- ele diz se defendendo.

-Pedro, ele é um bebé.- a Coelha diz.

-Tá, esqueçam esse assunto.- eu disse.- De quanto tempo você está grávida Flokiis?

-De 2 semanas.- ela diz.

-Vocês já pensaram em nomes?- a Coelha pergunta.

-Se for menina vai ser um nome que o Rezende sempre quis, vai ser Yasmin, e se for menino vai ser um nome que eu sempre adorei, vai ser Gabriel.

-Eu gostei- eu digo.

-Um nome que eu sempre gostei muito para menina é Maria Eduarda.- o Pedro diz.

-É um nome bonito Pê, mas para menina eu também gosto de Valentina e para menino gosto do nome Lucas.- eu digo.

-Eu e o Total pensamos em Isabella se o Matheus fosse menina.- a Coelha disse.

-Tá. Mas vocês já contaram para os seus pais?- eu perguntei.

-Não.- eles dizem em uníssono.

-Vocês têm que contar, não vão conseguir esconder isso por muito tempo.- a Coelha diz.

-Nós sabemos só estamos à espera do momento certo.- a Flokiis diz.

-Você já fez o ultrassom?- a Coelha perguntou.

-Não.- a Flokiis respondeu.

-Então quando fizer grava tudo.- a Coelha diz.

-Gente vamos jogar eu nunca?- o Total diz.

-Vamos.- dizemos.

-Então vamos começar. Cada um diz uma frase.- ele diz.

-Eu nunca matei aulas.- a Flokiis diz e todos levantaram a placa de EU JÁ

-Eu nunca nadei pelado.- o Rezende disse o Total e a Coelha levantaram a placa de EU JÁ e os outros de EU NUNCA.

-Eu nunca transei.- o Total disse, todos levantaram a placa de EU JÁ menos eu. Todos os olhares foram direcionados a mim me fazendo ficar mais vermelhe que um pimentão.

-V-vocês podem parar de olhar para mim.- eu disse com a cabeça baixa.

- Parem de envergonhar a minha namorada.- o Pedro disse me abraçando de lado.- Coelha continua.- ele disse.

-Eu nunca comi 10 hambúrgueres numa só vez.- ela disse e todo o mundo levantou a placa de EU NUNCA.

-Eu nunca corri pelado na rua.- o Pedro disse e toda a gente levantou a placa de EU NUNCA.

-Eu nuca tive um canal no Youtube.- eu disse e eu e o Pedr levantamos as placas de EU JÁ e os outros de EU NUNCA.

-Esse jogo passou muito depressa.- eu disse.

-Agora nós podíamos sair.- a Flokiis disse.

-Onde você quer ir?- o Rezende perguntou.

-Nós podíamos ir ao parque tomar um sorvete.- a Flokiis disse.

-Vamos, qualquer coisa é melhor do que ficar aqui sem fazer nada.- eu digo.

-Vamos.- a Coelha disse.

-Eu posso levar o Matheus?- eu perguntei.

-Pode- a Coelha disse me dando ele.

-Vamos logo.- o Total disse.

Fomos andando até ao parque. Quando chegamos lá nos sentamos num banco a ver as crianças brincando no parque. Um dos meus maiores sonhos é ser mãe e depois de conhecer o Matheus fiquei ainda com mais vontade de ser mãe. Eu quero muito poder viver todos os momentos de uma gravidez. Eu acho que sempre quis ser mãe porque eu sei o que é perder uma mãe, não ter ela lá nos momentos felizes e tristes da minha vida. Eu quero ser mãe porque antes de morrer a minha mãe disse que queria ter outro filho, e me disse que um filho era um presente de Deus.

-Bibi?- o Pedro me acorda dos meus pensamentos.

-Oi?- eu disse e notei que estávamos sozinhos.

-Você está bem?- ele perguntou.

-Estou, porquê?- eu perguntei.

-Porque você estava com um sorriso triste.- ele disse.

-Não se preocupe.- eu disse.- Onde estão os outros?

-Foram tomar sorvete.- ele disse.- Você não acha melhor você contar sua história a eles?- ele perguntou.

-Não sei se consigo, mas posso tentar.- eu disse.

-Então anda. Vamos contar a eles.- ele disse e se levantou estendendo a sua mão para mim.

Eu peguei a sua mão e fomos andando até à sorvetaria. Quando entramos na sorvetaria eles estavam sentados numa mesa rindo de alguma coisa. Nós fomos até eles e nos sentamos.

-Pessoal a Bibi tem uma coisa para contar a vocês.- o Pedro diz.

-Então conta logo.- a Coelha diz.

-Então vamos lá.- eu digo dando a mão ao Pedro.

Começo a contar a história toda. Ainda não é fácil para mim me abrir com as outras pessoas, mas eu não podia esconder isso deles. Quando eu acabei de contar a história uma lágrima caiu de meu olho. E o Pedro me abraçou fazendo carinho em meus cabelos.

-Bibi nós estamos aqui para apoiar você. Você não teve uma vida fácil, nós não vamos julgar você.- a Flokiis diz e eu continuo abraçada ao Pedro.

-Deem um tempo a ela. Falar disso ainda é difícil para ela.- o Pedro diz.

Eu continuo abraçada ao Pedro até que me lembro que estou numa sorvetaria, quando me lembro da minha mãe gosto de comer sorvete de morango porque o sabor preferido dela era morango.

-Pedro, quero sorvete de morango.- eu digo parando de abraçar ele.

-Eu vou pegar para você ele diz e sai. Quando ele sai todo o mundo fica em silêncio.

-Bibi nós estamos aqui para o eu você precisar, tá?- a Coelha diz e eu assinto.

-Nós te conhecemos à pouco tempo, mas você já é como uma irmã para nós.- o Rezende diz.

-Vocês também são como irmãos para mim.- eu digo.

-Toma seu sorvete amor.- o Pedro diz me entregando o sorvete.

Continuamos conversando e comendo sorvete. Quando começou a ficar tarde nós fomos para casa.

“Quando as luzes se apagarem
Ainda estarei aqui
Quando o mundo desabar
Apenas presta atenção.”

                                                                                                              -Carolina Deslandes, Mountains


Notas Finais


Então o que acharam do capítulo?
A Bibi aceitou a gravidez da Flokiis numa boa.
O sonho da Bibi de ser mãe está cada vez maior.
Ela finalmente contou aos amigos a história dela.
Link da música do final: https://www.youtube.com/watch?v=ZsnxR2MEIVU
Então é isso.
Até amanhã.
Paz e amor.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...