História Acho, que os opostos se atraem - Capítulo 4


Escrita por: ~ e ~MaridaDoMinie

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Colegial, Comedia, Taegi, Vga(ke), Yoontae
Visualizações 37
Palavras 2.798
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Pansexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá seres humanos, aqui estou eu com mais um capítulo delicioso pra vocês, esse capítulo eu não fiz sozinha ( por isso está tão longo ), eu fiz com a @UttBangtanJimin, depois vocês vão lá ver a conta dela.

Boa Leitura e até lá embaixo.

Capítulo 4 - Yoongi apaixonado?


Ai você percebe que é muito azarado quando seu amigo te vê quase começando uma leve punheta. A vontade de me matar é grande, só que eu não quero manchar minha imagem de Yoongi santinho. 

                            Terça-feira, 22:15h

 - Eu... - não sei nem o que dizer nessa caralha toda depois dessa. 

 - Yoongi, Yoongi... Você parece um garoto de 13 anos descobrindo o próprio corpo... - fala com uma cara muito filha da puta cruzando os braços.

 - Vai se fuder! - pego meu celular pra evitar piorar a situação com ele vendo pra quem eu estava olhando. 

- Quem é a gostosa que te fez querer isso? - se aproxima sentando na minha cama. Escroto! Só vai embora mano! -

- Não importa. E o que tu veio fazer aqui? A vaca da mamãe te deixou entrar de novo? - Filha da mãe! Como eu vou sair do beco encurralado agora?!

 - Yoongi! Não pense que isso vai ficar em branco... - ele olha intensamente para as minhas resvistas de hentai.

 - Nem pensa nisso! Eu já te dei um... - parei de falar lembrando que o viado adora fazer as coisas em troca de outras - Eu te odeio Kim Namjoon... -Assim que falo ele solta aquele sorriso idiota dele sem mostrar os dentes, apenas dando foco à sua cova na bochecha

 - Também te amo punheteiro, agora, eu posso escolher qual dessas?

                        Quarta-feira, 06:50h 

 O único lugar que eu queria estar agora é no meu quarto deitado na minha cama quentinha dormindo feito um anjinho. Mas não, estou no ônibus escolar ao lado do Namjoon, o pior é que ele está mascando chiclete com a boca aberta, eca, eu não mereço isso. 

   - Fecha boca desgraça, não percebe que esse barulho é irritante? - ele dá um sorrisinho sarcástico e eu viro meu rosto para janela, já que estava sentado perto dela.  

Está um dia calmo, com um sol ainda fraco por ser ainda seis e pouca da manhã.  

Ah, acabei de me lembrar da pré-festa, bom eu quero e não quero ir ao mesmo tempo.

 Eu quero ir pra ver esse tal Jimin, vai que ele é um cara legal e solteiro e eu acabo me envolvendo.

 Eu não quero ir pelo fato do Kim Taehyung está lá, já basta ver ele todos os dias e no sábado, vou ter que vê-lo essa noite também? 

Ainda bem que é eu só tenho que dar a resposta no final da aula, assim eu vou ter tempo para pensar bastante antes de dar minha resposta.  

 Me disperso dos meus pensamentos quando Namjoon dá um tapa na minha testa e avisa que chegamos. Pego minha mochila, coloco nas costas e espero toda galera sair do ônibus pra eu passar, não quero me encostar nesses nojentos. 

Vocês podem até achar que eu sou fresco, mas não, eu não sou. Se vocês estivessem aqui, sentiriam esse cheiro de salgadinho que eles comem antes do intervalo.  

Desço do ônibus, e percebo que esperar todos os alunos sairem foi uma perca de tempo, pois agora o sinal já tocou alertando o início da primeira aula. 

                   [...] 

Oh, a cara da professora de história é de Naja! 

Quando ela finalmente se vira de costa pra escrever no quadro, sinto Namjoon cutucar meus ombros, minha única reação foi revirar os olhos e virar pra ele - Fala, putinha! - ele ja estava quase a dizer o que queria mas recua ao ouvir como eu o chamei, mas ele esquece e prossegue. 

- Soube da pré-festa? - Ah viado! Me lembrei, obrigado... que? Eu tenho que decidir mesmo se vou. 

 - Soube, tu vai? - faço uma expressão de incrédulo. - ah claro, que pergunta... - franzo os lábios. 

 - Meu filho, você acha mesmo que eu ao invés de ir numa festa dessa vou brincar com meu brinquedinho em casa? - Ele sorri malicioso pra debochar de mim.

 - Cala a boca desgraça! Tu já comprou o presente?

- O presente? Ah, comprei sim, ontem. - ele olha pra professora do nada e ja sei que ela deve está olhando, com isso faço uma careta e me sento direito sem olhar pra cara da naja. - No fim da aula a gente vai falar com o Jimin na frente da escola - ele sussurra atrás de mim. 

Puta que pariu, aquele menino lindo da porra! Sinto minhas mãos suarem só de lembrar daquele rostinho sexy que vi na tela do meu celular ontem, eu realmente fiquei de pau duro com a imagem do garoto, não pude suportar. 

Mas o embrulho no estômago vem só de imaginar Namjoon me pegando no flagra. 

Ja pensou se eu estivesse quase terminando? 

A vergonha veio subitamente fazendo com toda certeza minha face ficar vermelha.

 Espero não ficar excitado ao ver o garoto na minha frente hoje! 


                        Quarta-feira, 12:30h 

   A aula já acabou, e eu estou nesse momento indo para fora da escola ao lado do Namjoon. 

Se eu estou vermelho? Que nada, não fico vermelho com essas coisas, risos.    

- Você está da cor de uma maçã. - Namjoon disse me olhando com um sorrisinho debochante no rosto. - Relaxa, só iremos confirmar nossa presença, não iremos ficar conversando com o Jimin - Arregalei os olhos, será que ele descobriu que eu achei o Jimin bonito? 

Mil perguntas passaram na minha cabeça naquela hora.

 - É.. E quem disse que estou vermelho p..por causa disso? - falei meio que gaguejando. 

 - Ah Min Yoongi.. Você fica tão fofinho com vergonha.. - coloca a mão no meu ombro - Seu segredo vai ficar a salvo, tá? - Fodeu, acho que ele descobriu mesmo. 

 - Que segredo? Tu fumou? Tá nóiado? - Dei uma de desentendido. 

 - Nóiado aqui é você, se fingindo de desentendido, eu sou seu melhor amigo porra, eu sei das coisas, mas fica tranquilo que eu não conto pra ninguém. - Tirou  a mão do meu ombro

. Meu cu trancou, não por causa do que o Namjoon disse, e sim porque um pouco longe de mim, estava lá, o talvez homem da minha vida. 

Juro que me imagino casado com ele com 3 filhos e um cachorrinho. 

Okay, respira Min Yoongi, calma. 

Já estavamos perto deles e logo vejo o Taehyung. Ele estava conversando com os capangas dele, Hoseok e o SeokJin.

 - Pensei que não viriam. - Jimin deu um sorriso, e puta merda, que sorriso lindo. - Aqui está o endereço da casa e o que vocês vão levar. - Ele entrega o papel pra mim e pro Namjoon, que começou a mascar aquela porra daquele chiclete que fica fazendo um barulho irritante na boca dele. 

Pego o papel com o endereço do Jimin e minhas mãos seguram o papel tremendo que nem chocalho.

 Ai minha santa caralha... Me odeio! 

Ele não percebeu mas Namjoon começou a rir involuntariamente cuspindo o chiclete pra longe. 

Mas o que esse filho duma quenga ta fazendo?! 

 - Yoongi apaixonado? - Taehyung fala e em seguidas os outros dois idiotas riem. 

Eu só quero correr daqui sem ninguém notar, mas parece que o mundo estava vidrado em mim.

  - Do que você tá falando?! Eu?! - dou uma risada afim de disfarçar meu nervoso. 

 - Você tá mais vermelho que tomate, não para de olhar pro Jimin e agora você tem doença de parkinson -Hoseok fala em tom de deboche fazendo os outros caírem na risada. 

Juro que essa de "Parkinson" me fez rir por dentro mas a vergonha e a raiva foi maior.

 Me sinto incapaz de olhar na cara do Jimin e do Namjoon, mas sinto claramente que Jimin estava me olhando incrédulo. 

Finalmente resolvi olhar pra encará-lo e o mesmo estava à me olhar intensamente com um sorriso de canto. Arregalo os olhos sem entender porra nenhuma.

 - Okay meninos, vocês já podem ir, nos encontramos a noite. - Ufa! Pensei que ele ia falar, sei lá, alguma coisa pra me deixar com vergonha, ou talvez sem palavras. 

 Saímos de lá, mas é claro, o Namjoon ficou o caminho inteiro me enchendo o saco, dizendo que eu estou apaixonado. 

Eu já estava quase dando um soco na cara dele, mas isso já foi a hora que ele já estava na frente da casa dele. 

 - Yoongi ta apaixonado... - Fez até uma dancinha escrota na porta da casa dele. 

 - Vai se foder! - Mostrei o dedo do meio e segui até minha residência que ficava duas quadras depois da casa do Namjoon. 

 Chegando lá, entrei no meu quarto, jogando minha mochila em qualquer lugar, e depois me joguei na cama 

- Que vergonha.. - resmunguei colocando a mão no rosto.

 A pior coisa da vida, é ficar tremendo e vermelho na frente da pessoa que você se interessou, e pior outras pessoas começarem a falar que você está apaixonado. Isso foi a pior vergonha da minha vida. 

                               Quarta-feira, 17h

 - Porra Rebeca, eu não vou com essa roupa, estou parecendo que vou casar. - Estava usando um terno com uma gravata borboleta. Eca! 

 - Para de drama Yoongi, vc está fofo. - da um sorrisinho olhando para as minhas roupas.

 - Não, eu não vou com essa, escolha outra. - A Rebeca sempre me ajudava nos look's e nas compras, as vezes nas atividades, mas hoje ela tá de zoeira, quem vai pra uma pré-festa usando terno? Credo. 

 - Então... - Mexe no guarda-roupa, bagunçando mais do que já estava bagunçando... ah sua vaca... - Que tal essa? 

 - Uma bermuda com uma roupa de praia? Você tá de zoeira com a minha cara. Eu não vou assim nem que a vaca tussa - Faço uma cara de nojo.

 - Ah Yoongi, então porque você pede minha ajuda? Não gosta dos mesmos look's que os meus. 

 - Seus Look's são bem estranhos.

 - Nada ver, você que não tem senso de moda. 

 - Olha, eu vou escolher como eu vou, tenho certeza que vai ser melhor do que.. - Aponto pras roupas que ela escolheu - Essas merdinhas ai..

 - Duvido. - Se senta na cama, e começo a mexer no celular. 

       [ ... ]

 Depois de horas procurando uma roupa decente pra ir nessa tal pré-festa, eu encontro uma calça jeans, com uma roupa preta de mangas compridas.

 - Pronto eu vou com essa. - Mostro a roupa pra ela. 

 - É né, você não tem roupa melhor - Levanta pegando a roupa, e olhando a melhor. - E que horas é essa tal pré-festa? 

 - 18h - Olho a hora no com o celular, era 17:20h - Meu Deus eu tenho que tomar banho. - Pego a roupa da mão dela, e corro pra o banheiro.

 Saí do banheiro e vejo Rebeca pronta de blusinha preta colada marcando sua cintura e seios redontos, sainha rodada curta da mesma cor.

 - Espera. Você vai? - Levando uma das sobrancelhas esperando a resposta.

 - Mas é claro bebêzão! Você acha que eu vou perder o teatro de vocês dois fingindo que não se odeiam? - Ela tá gostosa, mas não me atrai nem um pouco, a vadia deu em cima do meu boy. Fecho a boca e finco uma expressão séria desfazendo dela. - Ai Yoongi, deixa de ser chupa limão! - Ela começa a rir e me da a roupa que separei pra usar. 

 - Chupar outra coisa que eu não quero! - Eu ri logo depois tendo ânsia, à vejo revirar os olhos e saindo do quarto pra me esperar na sala. Olho no meu celular e são 17:49. Puta que pariu! Corro me arrumando e quando termino saio quem nem bala puxando a vadia comigo. 

                        Quarta-feira, 18:10h 

 Já estamos na entrada da festa e o Jimin já estava lá com uma camisa branca cavada na gola, uma calsa preta rasgadinha em um dos joelhos, colada mostrando todos os músculos da sua cocha e estava com um sapato social. 

Esse menino veio do céu, sinto meus olhos satisfeitos com a beleza do garoto.

 - Uau, o Jimin está mais bonito do que imaginava. - Não acredito que a idiota da Rebeca já está de olho no meu outro crush. Apenas reviro os olhos e logo nos aproximamos da casa. Ficando de frente ao Jimin.

 - Oi, o Namjoon já chegou? - Digo tentando não olhar pra aquelas coxas chamativas dele.

- Veja com seus próprios olhos -Aponta pra dentro mostrando o Namjoon comendo quase tudo da festa. - Vem, vamos entrar e você fala com ele - Ele fala se virando pra entrar e seguimos o mesmo. 

 - Yoongi... - Namjoon me chama de boca cheia. Que nojo, minha cara obviamente refletiu o que eu senti - Você chegou! 

 - Ah, sim, claro que cheguei - respondi tentando ser o mais óbvio possível. Que idiota Namjoon parece criança! 

Olhei pra Rebeca e noto que a mesma não parava de secar o Jimin, e ainda por cima mordendo os lábios! Mas o que?! 

 - Acorda Piranha! - Empurrei de leve seu ombro e a mesma voltou a  atenção pra mim e começou a rir se virando procurando por alguém.

 - É melhor você ficar esperto gostosão - Namjoon sussurra perto de mim, ele estava falando da Rebeca com Jimin.

 - Ô viado! Cala a boca? - Deixei eles logo em seguida procurando a cozinha pra pegar algo pra beber.

 Aqui parece mais calmo, me vi sozinho, ainda não vi a cara do Taehyung por aqui, e tomara que eu nem veja mesmo! Sábado ta bom pra vomitar.

 O barulho baixo da porta atrás de mim se abrindo me tira dos pensamentos, automaticamente olho pra ver quem é e me deparo com o Deus Grego. Juro que sentir um choque subir desde os pés até o fio mais alto do meu cabelo, certeza que me arrepiei todo agora. Yoongi Junior contribua comigo por favor, não fode minha vida agora! 

Só que ele estava no conversando com alguém em uma ligação, parecia irritado. 

 - Cadê você? Você disse que chegaria agora, tenho certeza que resolveu ficar na cama. - Ele percebe que não estava sozinho e logo da aquele sorriso para disfarçar aquele estresse. - Depois eu te ligo. - desliga o telefone. - Por que não está lá com a galera? 

 - Eu não gosto muito de movimentação, já basta a escola. - começo a beber o refrigerante que tinha pegado. - Você parecia irritado na ligação, problemas? - Nossa Yoongi, para de ser curioso, assim você vai estragar o clima. 

 - Ah, nada demais, só alguns problemas pessoais... 

 - Hm.. - Ai meu Deus, não tenho assunto pra falar com ele. - Quer refrigerante?

 - Ah, não, valeu. Já estão chegando com as cervejas - Cervejas?

 - Cervejas?   

 - Sim. Não vai me dizer que nunca bebeu né? Pelo amor de Deus. 

 - Ah que nada, já bebi sim. - Menti, eu não quero contar pra ele que eu sou infantil demais pra beber algo assim. 

 - Beleza! - Ele da uma risada de leve, que risada gostosa de se ouvir, tava quase pedindo pra ele rir de novo! - Yoongi, queria te perguntar algo. - É o que? É isso mesmo? Eu acabei de me fuder de novo?

 - Fique à vontade - Tentando se manter neutro, mas o nervoso filho da puta ta chegando levando minha sanidade embora.

 - Porque você fica vermelhinho quando me vê? - E mais uma vez meu cu tranca. 

 - Vermelho, eu? Tirou isso da onde? - Dou mais um gole tentando disfarçar e não olhar na cara dele. E mais uma vez ele ri. Que delícia, isso me acalmou mais.

 - Yoongi deixa pra lá. Gostei de você ter vindo, eu realmente achei que não ia aceitar quando te mandei a mensagem ontem - Ele olhava bem nos meus olhos sorrindo. Eu ja posso beija-lo? Não? Ata.

 - É... eu pensei muito, afinal eu não curto muito festas, como... eu di... disse... movimentação demais não me agrada - Sério, eu pude jurar que ele olhava pra minha boca enquanto falava, isso me fez gaguejar a frase. - Por.. Por que está me olhando assim? - Meu Deus, não consigo parar de gaguejar.

 - Você fica fofo quando está com vergonha.. - Sorri sem mostrar os dentes 

 - Fi.. Fico? - Meu Deus Yoongi, se acalme.

 - Sim.. - Quando ele ia dizer outra coisa brota um menino do além, ele era alto, cabelos pretos e já chegou abraçando o Jimin por trás, confesso que que fiz uma cara de cu com a cena. - Ah você chegou, já estava achando que você não viria mais. Ao dizer isso o garoto aproxima mais seu rosto do Jimin e o beija - Não meu amor, não podia perder sua festinha. - Amor? Sinto que o mundo caiu sobre mim. 


Notas Finais


" Parkinson " entendeu quem quis, não entendeu quem não quis. KE?

KAKAK mds.

Gente, se tiver algum erro, já vou logo pedindo desculpas, ainda estamos pegando jeito.. ;-;

Até o próximo :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...