História Adam e Tommy perseguidos - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Adam Lambert
Exibições 1
Palavras 357
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ficção

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Capítulo final


 Eles pegaram o primeiro táxi que viram e Adam pediu para deixar no hospital mais próximo. 
 Ao chegarem ao hospital, Adam correu na recepção e informou a situação para a atendente que logo o encaminhou para a emergência e Tommy passou pelos enfermeiros de plantão que enquanto o examinava faziam várias perguntas para Adam.
 Adam respondeu todas as perguntas mas não disse o que realmente causou a crise de pânico nele, pois corriam sérios riscos se alguém soubesse da verdade.
 - Ele vai ter que ficar em observação por essa noite e só quando ele se estabilizar que poderemos dar alta.
 - Ok. Adam estava mais nervoso de vê - lo ali no hospital do que quando estava com aqueles caras.
 - Tommy, eu vou passar a noite aqui com você. Não vou deixar que nada te aconteça. Nós vamos voltar para casa amanhã e depois veremos o que fazer em seguida em relação às nossas vidas daqui para frente. Adam beijou a testa dele e o deixou descansar.
 Adam dormiu muito pouco aquela noite, pois estava preocupado com o quadro de Tommy. Só relaxou quando o médico passou, fez uma última verificação e deu alta.
 - Se de repente ele tiver uma nova crise, voltem. Essas crises são perigosas. Ainda bem que vieram logo.
 - Obrigado. Pode deixar que viremos sim.
 Adam assinou a alta dele e pagou a conta do hospital e foram embora para casa.
 Sauli liga para os caras para saber como foi a conversa com eles
 - É aí, deu tudo certo?
 - Sim. Pegaram o dinheiro e sumiram. O outro rapaz estava até passando mal de tanto nervosismo. 
 - Bom. Muito bom saber. Eles nunca podem nem desconfiar que sou eu que estou por trás de tudo.
 - Pode ficar tranquilo que eles não sabem de nada. Eles queriam mais é ir embora.
 O tempo passou e eles começaram uma nova vida em outro país mas nunca mais puderam cantar e subir novamente num palco. Foram trabalhar com música, pois era o que sabiam fazer de melhor mas como professores. Adam como professor de canto e Tommy como professor de guitarra.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...