História Adivinha quem voltou? - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Drama, Romance
Visualizações 8
Palavras 1.039
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


oii essa é a minha primeira fanfic espero que gostem..

beijo e uma boa leitura

KISS KISS KISS

Capítulo 1 - Você não lembra de mim?


Fanfic / Fanfiction Adivinha quem voltou? - Capítulo 1 - Você não lembra de mim?

TRIM-TRIM 
    
Bate o sinal, primeiro dia de aula o que poderia acontecer de tão ruim nisso? NADA!. Isso era o que Lydia pensava..

LYDIA ON

Estou namorando um garoto chamado Lucas, e estou muito felliz com ele, ele é simpático e sempre e faz rir. Porem tem um grande problema, ele nunca me assumiu, sempre que saiamos tinha quer ser em lugares poucos movimentados, na escola, quase não olhava para mim, e quando olhava fazia que de nojo.

AUTORA ON

Lydia estava saindo com sua amiga Clara, elas foram onde foi o primeiro encontro de Lydia com Lucas. Sentaram num banquinho enquanto tomava sorvete, Lydia estava falando o quão apaixonada estava, como ele era gentil, carinhoso, fofo, romântico e tudo mais. Até que ela vê Lucas chegando, ela resolve ir até ele e é impedida pela sua amiga que logo aponta para uma linda garota que estava acenando para ele, ele sorrir e vai em direção a essa garota que logo é surpreendia com um beijo bem demorado

- Que? Como assim? Como ele teve coragem de fazer isso comigo?- Ela diz se levantando e indo em embora.

- Calma amiga talvez seja um mal entendido- Clara fala indo atras da Lydia

- Mal entendido? Olha isso, não quero mais olhar para a cara dele, tenho nojo dele eu o ODEIO!!!- LYdia sair andando enquanto tenta enxugar suas lágrimas que continuam a cair.

Lydia chega em casa e pede para que sua mãe imediatamente a mude de escola, nisso Lydia teve uma grande sorte, que seu padrasto iria trabalhar e uma rádio, e eles iriam ter que se mudar, para um bairro bem distante dali. Eles iriam se mudar em uma semana e Lydia não quis ir a escola entao ligou para Clara

LYDIA ON
           LIGAÇAO ON

- Oi - falo deixando uma lágrima cair 

- Oi. O que aconteceu? Por que não vem pra escola?

- Vou me mudar para outro bairro e mudarei de escola. Aqui não fala nada pro Lucas não ta, se ele te pergunta alguma coisa fala que eu não entrei em contato com você e que não me vê já tem uma semana ok?- falo enquanto arrumo as coisas para a mudança

- Ok - Clara fala com uma voz fraca- E agente como fica? Você vai se mudar e vai me deixar aqui sozinha?

- Calma, é só pensar, estamos no 8 ano logo iremos para o ensino médio, e lembra que entraremos numa escola federal então agente se ver daqui um ano.

- Ok . Vamos estudar bastante e nos veremos daqui a um ano.Beijos te amo amiga

- Tambem te amo.

LIGAÇÃO OF

AUTORA ON

Assim que Lydia desliga o celular começa a chorar, pois lembrou que ela ja tinha dito váias vezes que amava ele mas ele sempre retríbuia com um beijo nunca disse que a ama.

Desde então LYdia não acreditou mais no amor, disse que era uma perda de tempo, porque as pessoas só pensam em si e não se importam com os sentimentos do outros

Um ano se passou e Lydia conseguiu entra na escola federal para fazer o ensino médio. Mas sua amiga não conseguiu. Ela foi pra escola e fez novas amizades mas nenhuma foi toa intensa como ele teve com a Clara. Acabou o ano LYdia completou 17 anos.

Um novo ano começou LYdia entrou na sala de cabeça baixa pois estava triste que Clara não ligou dizendo que ia tentar entra para o segundo ano. Ela senta na ultima cadeira no canto da sala e abaixa a cabeça, ela sente que alguem senta na ultima cadeira na fila ao lado, mas ignora e fecha seus olhos quando ouve:

- Um, cade minha amiga que não vejo faz dois anos?

- Clara? - fala em sua mente quando levanta a cabeça recebe um forte e demorado abraço.

- Estava com muitas saudade - Clara diz se afastando e olhando para o rosto de LYdia 

- Eu tambem

Toca o sinal e a aula começa, elas se olham e riem a cada 5 minutos, mas logo o professor chama a  atenção delas e elas param

QUEBRA DE TEMPO

Acaba a aula e elas se despedem. LYdia foi para casa e fez as tarefas que tinha que fazer. Tomou se banho e se arrumou, pois Lydia tinha um emprego que ninguém sabia exceto sua mãe e seu padrasto

LYDIA ON

Eu estava voltando do meu trabalho distraída enquanto ouvia uma musica de minha playlist e bebia uma lata de coca-cola, quando sem querer esbarro em algum

- Você não olha por onde anda?- O garoto diz olhando para sua camiseta que estava coberta de refri enquanto passava a mão tentando enxuga-la 

- Desculpas, eu realmente não te vi - quando olho para o garoto não acredito no que vejo - Ah quer saber, não foi culpa minha, porque se você tambem estivesse prestando olhando não teria se esbarrado em mim. - falo e saio andando, sem nem se importa coma a resposta que ele diria.

Amanheceu. Levanto tomo meu banho, escovo os dentes, e arrumo meu cabelo, coloco minha roupa(capa). Vou para a escola. No meio do caminho encontro Clara me esperando, vou até ela e começamos a caminhar juntas. Chegamos na sala e sentamos nas ultimas cadeiras, ali seria definitivamente nosso lugar. O Professor chega com novos alunos

 

- Bom galera esses são seus novos colegas de classe Gabriel, Ana e Lucas.

Assim que o professor disse: Lucas,regalei os olhos e vi que aquele menino me lembrava alguem. Lucas veio e sentou em minha frente pois os alunos novos haviam ocupado as cadeiras vagas

- Oi - Ele olha pra mim e da um sorriso mostrando suas lindas covinha

- OI - respondo e volto a conversa com Clara

- Você não lembra de mim? - Ele fala olhando pra mim como se ja nos conhecemos a muito tempo

-Por que? Eu deviria?- Falo o encarando.

- Você realmente não lembra das pessoas não mesmo? Você simplesmente as esqueçe e some do nada. - Ele fala com uma lágrima no olho.

- Desculpa se sou assim, é que pessoas que não me significam nada eu simplesmente as deixo no passado.

- Sério isso? !

 

 

 

 


Notas Finais


espero que tenham gostado


beijos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...