História Adventure Of Life - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Andrew Lincoln, Chandler Riggs, Jeffrey Dean Morgan, Norman Reedus, The Walking Dead
Personagens Norman Reedus, Personagens Originais
Tags Aventura, Norman Reedus, Romance
Exibições 37
Palavras 803
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 9 - Anie


Fanfic / Fanfiction Adventure Of Life - Capítulo 9 - Anie


Tirei aquele uniforme antes de sair da cafeteria e fui em direção ao meu apartamento, eu precisava raciocinar tudo o que tinha acontecido naquele lugar. Não fazia uma semana que havia feito uma mudança na minha vida e ela finalmente estava ao meu favor. Depois de tantas frustrações, tantos arrependimentos e desilusões eu sinto que tudo estava se encaixando e que essa foi a melhor decisão que já tomei. 
          Chegando em casa a primeira coisa que fiz foi tirar aquele tênis que estava matando meus pés, fui no meu closet improvisado e peguei um pijama, pois eu não pretendia sair mais. Abri meu chuveiro bem quente e entrei com um objetivo só que era pensar no meu primeiro dia de trabalho. Eu lembrava de todos os detalhes do rosto daquele homem e fiquei tentando deduzir o que ele pensou quando viu o meu rosto corado, se é que ele reparou nisso, já que Leah o definiu como "indelicado". 
          Depois de sair do banho pego meu celular e vejo várias chamadas perdidas de Leah, resolvi não retornar e fui à cozinha para repor a comida do Puddin e preparar um lanche. Resolvi ligar para Julie sem me preocupar com os horários diferentes. 

               - Alô Julie? 
               - Garota, já viu que horas são? Eu tenho aula amanhã! - ela diz 
               - Tudo bem, achei que você gostaria de saber quem eu conheci! 
               - Quem? O John Mayer? Nossa, você foi atrás dele? - perguntou 
               - Eu meio que conheci o Norman - digo
               - Quê? - não escuto mais nada após isso. 
               - Julie? - pergunto
               - Como assim você conheceu o Norman Reedus? Vocês tiraram fotos? Ele é bonito? 
               - Lindo - suspirei
               - Alô, já pode contar! - ela diz
               - Te ligo depois! Tenho muitas novidades! - digo feliz.

                      No dia seguinte: 

           Acordei mais cedo do que deveria, coloquei comida pro Puddin, me arrumei e fui direto para a cafeteria na esperança de encontrar Norman mais uma vez. 
       
             - Bom dia mocinha, o que houve que não me atendeu ontem? - perguntou Leah
             - Bom dia! Desculpe Leah, eu estava no banho e esqueci de retornar. - respondo 
             - Quero te apresentar uma pessoa! - ela diz 
             - Ei, como assim? É ele? - pergunto 
             - Quê? - ela responde rindo de mim 
             - É o visitante? 
             - Não, é uma funcionária nossa que passa por alguns problemas e queria que você ajudasse ela, já que também passou por coisa parecida - Leah diz.
             
          Quando entrei na cozinha, reparei na menina que estava sentada no chão e limpando seu rosto. 
 
               - Mel, esta é Anie. Ela já conhece bem como funciona a cafeteria e vai te passar algumas dicas. Vocês vão formar uma dupla ótima! - a mulher diz alegre
               - Oi Anie, fico feliz em te conhecer! - digo e estendo a mão à ela 
               - Oi! - ela diz e segura minha mão pra levantar. 
 
          Conversamos até a hora do expediente e pude conhecer um pouco da sua vida. Ela está prestes a terminar um relacionamento que não lhe faz muito bem e não tem uma convivência boa com seus pais. Assim que a cafeteria abriu eu fui anotar os pedidos dos clientes enquanto Anie mandava as comandas para a cozinha. O tempo passou tão rápido e o lugar estava tão cheio que eu nem notei que o visitante especial de Leah não tinha chegado. 
                 - Você conhece o tal do "visitante especial"? - pergunto 
                - O Daryl? - Anie me responde sorrindo 
                - Sim! - respondo 
                - Conheço, é um cara legal. Só que eu gosto mais quando ele traz os amigos dele. - ela diz
               
          Anie era descontraída, gostava de rir o tempo todo na cafeteria. Ela seria uma ótima companhia pra mim aqui em Nova York porque tínhamos histórias e gostos parecidos, como Leah já disse, faríamos uma ótima dupla. No final do expediente Leah e Otto estavam no balcão conversando, eles falavam sobre uma festa 
  
           - Mel, o aniversário do Otto é na sexta e nós vamos  dar uma festa lá em casa, vamos fechar mais cedo e não tem desculpa. Esperamos você lá, é uma coisa íntima. 
           - Ah sim, estarei lá! - afirmo 
           - A Anie também vai! - ela diz 
           
         O movimento na loja estava normal, e mesmo trabalhando me sentia feliz em estar naquele lugar, em pouco tempo tive muita sorte em tudo. Começou com o meu apartamento, logo depois o Puddin e depois o emprego que Leah me deu. Eu estava bem animada para ir nessa festa.
             - Ei, vai na festa do Otto? - pergunta Anie 
             - Não vou perder! - digo
             - Então é você quem vai me levar pra casa, as festas da Leah costumam ter muita bebida! 
             - Nossa! - respondo e saio para atender um cliente. 
 


Notas Finais


Essa Anie vai aprontar! Aguardem!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...