História Afeições - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias TWICE
Tags Chaeyoung, Dahyun, Jeong, Jihyo, Mina, Momo, Naeyon, Sana, Twice, Tzuyu
Exibições 29
Palavras 897
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo-Ai, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olha eu com mais um capítulo essa noite! Não se irritem por favor e desculpa pelo capítulo pequeno, prometo aumentar!

Capítulo 2 - Impulsividade


Perspectiva da Momo

Ela se virou em minha direção e eu senti minhas bochechas esquentarem de tão vermelhas ao susto que tomei ao perceber quem era... Era a Mina! Paralisei assim que nossos olhares se encontraram, percebi então que ela ficou vermelha também. Depois de um tempo intacta ela veio em direção a porta e eu me movi

- D-desculpa, não queria te atrapalhar Mina

- Ah não Momo, sem problemas, so estava treinando um pouco - Ela fala coçando a nuca

- Quer que eu te espere para ir a casa de Naeyon?

- ... Pode ser - ela parecia estar em transe ainda

- Então te espero aqui - ela entra pra se trocar e depois de alguns minutos volta e saímos da escola em direção a casa de Naeyon

- Você costuma sempre dançar? - falo caminhando tentando tirar o clima tenso

- Sim... faço ballet a muito tempo, então fica mais fácil, mas eu não sou você ne Momo? Você é muito melhor na dança - Fico totalmente vermelha assim que ela fala, Mina estava me deixando muito nervosa, so a Naeyon conseguia me deixar desse jeito

- Ahnn... obrigada, mas não é pra tanto - sorrio em sua direção e ela retribue.

Conversamos até chegar à casa de Naeyon o que não era muito longe da escola. Quando chegamos vi a Sana no sofá da sala quase que em cima da Jihyo que tentava se afastar; Jihyo era a única que se afastava sempre de Sana ou de qualquer pessoa que tentasse algo romântico por ela. Pelo menos esses tempos.

Chaeyoung estava sozinha ouvindo música no celular e pareceu se assustar ao ver eu e Mina;

Enquanto isso; Jeong, Dahyun e Naeyon se encontravam perto do balcão da cozinha que era do lado da sala.

- Amém, porque demoraram tanto? So faltavam vocês pra gente decidir o que fazer - Jeong fala maliciosamente

- Acabei ficando presa com o professor Fehr... Mas, cadê a Tzuyu? - pergunto olhando ao redor 

- Aahn... ela ta doente - Naeyon fala embolado

- Maaas enfimmm, vamos decidir o que fazer? - Dahyun pula do balcão chamando todos para a sala - Eu e a Jeong meio que ja pensamos - elas se entreolham

- Lá vem vocês duas - Naeyon revira os olhos sentando juntamente a Sana que ficara sozinha no sofá.

- Pensamos no jogo verdade ou consequência, simples, ou você fala a verdade que queremos ou então têm consequências - Jeong explica, todos estavam tão largados que nem perceberam a gravidade da brincadeira, apenas eu e a Mina que negamos mas não adiantou, pois grande parte queria so se divertir.

- Acho que não vou pessoal, não gosto desse jogo - a Chae fala mas Sana puxou-a para a roda que nem deu tempo dela desistir.

A garrafa gira no círculo em que fizemos e de primeira caiu para Jeong perguntar à Sana

- Boom, Sana amor, verdade ou consequência? 

- Verdade, claro

- Você ja pegou quantas daqui do grupo? - Todas estavam intactas com a pergunta, inclusive eu, so a Dahyun gritava ansiosa para chegar sua vez

- Não foram muitas, apenas três - Sana fala se encostando no sofá com um sorriso de lado

- Wow, muito pouco hein - Dahyun fala ironicamente. 

A garrafa cai na direção dessa vez então de Dahyun e Jihyo. 

- Olha só, que oportunidade hein. Verdade ou consequência Jihyo? 

- Verdade, óbvio. - rimos bastante com a cara que a Dahyun fez tentando imitar a Jihyo, inclusive a Chaeyoung que estava triste a pouco tempo atrás

- Humm... Ta namorando alguém? - Ficamos muito pensativas e atentas a resposta, pois ultimamente a Jihyo estava muito estranha romanticamente, evitava a Sana (coisa que quase ninguém fazia) e estava mais solta

- Estou sim

- O QUE? - Todas perguntamos - QUEM? - Dahyun pergunta impressionada 

- Uma pergunta só, você ja gastou sua vez - Jihyo sorri e gira novamente a garrafa deixando todos nós curiosos

Cae então novamente em Jeong, so que dessa vez de Naeyon para ela, nesse momento todos ficaram quietos inclusive eu que fiquei totalmente apreensiva a situação

- Verdade ou consequência? - a Naeyon pergunta sorrindo

- Consequência - Todas gritam nesse momento exceto eu, Mina e Chae

- Não deveria ter feito isso, me beije se for capaz - Jihyo e Dahyun encorajavam Jeong até que meu coração foi partido em pedaços quando a Jeong beijou a Naeyon. Por mais que tenha sido um simples selinho, minha vontade era de sumir daquela sala e me trancar dentro de uma bolha para ninguém nunca me incomodar. 

As meninas levaram como algo super natural, inclusive as duas que se beijaram, a Jeong é super amiga da Naeyon então levaram como um jogo, so que eu não, minha vontade era de gritar com a Naeyon e expressar de uma vez por todas, todos meus sentimentos que sinto por ela que estão entocados no meu peito a um ano atrás! 

Não sabia como reagir àquela cena, ainda estava em choque. Sentia ódio e tristeza ao mesmo tempo, minhas lágrimas estavam pedindo pra descer a cada respirada que eu dava.

Então depois de muitos risos giraram a garrafa pela quarta vez e eu ainda estava inconsciente, até que indicou para eu me referir a Mina, todos perceberam meu transe assim que não falei absolutamente nada. Foi então que percebi que deveria fazer alguma coisa, fui na direção da Mina e a beijei impulsivamente sem pensar em qualquer tipo de consequência que poderia a vir...


Prossegue...













Notas Finais


Desculpaaa! Mas tenho que fazer isso, dará contexto a história.
Beijão e me perdoem :'(


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...