História Afinal, Oque você quer de mim?! - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 16
Palavras 630
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Lemon, Luta, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 6 - Um pesadelo perturbador


                    POV'S  AUTORA.

Assim que praticamente o assunto do bilhete foi esquecido, Nick e seu tio resolveram dormir já que esta um pouco tarde. Derik ainda não avia chegado, só lá pelas 12:00 PM Ou 1 da madrugada le chegaria, e logicamente, ele tinha a chave de casa.

Antes de dormir, Nick sempre faz uma oração para sua mãe, e logo e seguida, vai dormir, mês hoje foi diferente. Pois logo depois da oração, o garoto olhou fixamente para lua cheia que brilhava intensamente, e perguntou.

" Mãe... Por que sempre coisas ruins acontecem nminha vida? Será que vai demorar muito para me juntar a senhora?... Boa noite, mamãe."

Disse o garoto, logo fechando sua janela e indo dormir.

             HORAS DEPOIS.

O garoto estava dormindo calmamente, até que sua mente vagou até um lugar distante e seu corpo foi parar em frente a uma enorme floresta negra, dentro da mesma, no conseguia ver nada, ela era totalmente escura. 

O garoto deu um passo para trás e se perguntou do porquê esta naquela situação, e quando fez mensão em se virar, uma mão totalmente ensanguentada tocou seu ombre fortemente, e ele deu um grito ao vê-la. E quando se virou bruscamente, encontrou um ser completamente coberto por sangue e uma gosma preta. E em algumas partes do corpo, tinha um membro pindurado. Na barriga, por exemplo. Ela estava com um grande corte, e de dentro do corte, tinha uns pedaços de tripas saindo.

O garoto olhou tudo aquilo com pavor, estava morrendo de medo daquele ser que o olhava. E quando o loiro menos esperava, aquela coisa começou a correr atrás de si, e desesperado, começou a correr...

... M-mas espera... Aquela coisa era...

- VEM CÁ, NICK!- Gritou aquela coisa com uma voz assustadora- VEM AQUI COM SEU TIO!!

                   PESADELO OFF

O garoto acordou suando frio. Seus olhos estavam cobertos de lágrimas e a cama estava molhada de suor. Por quê sempre tinha esses pesadelos assustadores? 

Sua respiração estava descompassada, e milagrosamente, não havia gritado durante o terrível pesadelo. Ilhéu para seu despertador e viu que eram 5:00 da manhã.

O loiro resolveu ir tomar banho para esfriar a cabeça e tentar, por hora, esquecer o pesadelo.

Pegou um roupão e foi até seu banheiro, tirou suas roupas e foi para debaixo do chuveiro, e logo em seguida o ligou, colocando para água morna.

Enquanto tomava banho, pensava em tudo que já o aconteceu, desdo dia em que viu sua mãe morrer em sua frente, até o bilhete. Quam deveria esta mandando esses bilhetes estranhos? Por quê logo ele deveria ser a vítima?

- Ahhhhhh... Que confuso.

SuspSuspirou antes de começar a se ensaboar, passando delicadamente o sabão por toda extensão de seu corpo, e logo em seguida passando pelos lindos cabelos louros. Para logo depois, ligar o registro do banheiro e se enxaguar.

Assim que avia acabado, saiu lentamente da box do banheiro, pegando uma toalha, enxugando seu rosto e cabelos, e logo em seguida colocar seu roupão. Mais antes que saísse do banheiro, escovou seus dentes.

Assim que entrou em seu quarto, a primeira coisa que reparou, foi em sua janela. Ela estava aberta, e se lembrava claramente de que a havia fechado.

O garoto começou a tremer levemente, imaginando se alguém havia entrado pela janela, quando seu tio apareceu de repente o assustando.

- Desculpe se eu te assustei. É que eu achei seu quarto abafado e abri as janelas.

Nick confirmou com a cabeça.

- Dessa vez você acordou cedo. 

E logo em seguida seu tio deu uma risada, como se aquilo que seu sobrinho havia feito fosse raro de sua parte. E certamente, era.

- Pesadelo.

Disse Nick, tirando logo em seguida a toalha que estava em volta de seu pescoço e a jogando na cama.

 


Notas Finais


https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcTKLv55VYFjY45vszHuluTvRZXYI6xVRb4GYohjbkRYffRVb43K

Essa é a imagem do capitulo, eu não consegui colocar ela como a imagem do capitulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...