História Afraid - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction, Zayn Malik
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Amor, Larry, Ódio, One Direction, Ziam
Exibições 18
Palavras 732
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Estranho


Zayn


Ok,foi bem estranho o que aconteceu,se bem que o Niall não tem cara que bate em nem uma mosca e eles nunca deixavam ele bater ou algo do tipo,não que eu quisesse,já bastava o Harry e Louis mesmo...


Não tenho amigos,a não ser minhas irmãs,minha mãe nem olha pra minha cara direito a não ser que seja pra me dar sermão, meu pai nos abandonou quando ainda éramos crianças, gosto de um cara que nem de longe não merece o que sinto....


Talvez apanhar me fizesse desligar da realidade... Da minha vida que é tão fodida.


Chego em casa. Minha mãe está na sala.Droga.


Onde estava? - ela tira o olhar da TV pra me olhar.


Respiro fundo. Estou cansado e dolorido o bastante pra não querer iniciar uma discussão agora.


Graffitando mãe - ela não está com raiva,mas está longe de se preocupar.


Sabe que eu não gosto que ande por ai pixando os cantos - ela desliga a TV.


Não tem que gostar,me faz bem e é isso que importa - reviro os olhos. - Olha amanhã se você quiser,terei todo tempo do mundo pra discutir,mas agora eu queria dormir mesmo - sigo pro quarto.


Ela não diz nada,mas sinto seu olhar em cima de mim.Bom pelo menos isso ela não protestou.


Entro em meu quarto. Penduro minha mochila,tiro minha roupa,ficando só de boxer. Analiso a região da costela pelo o espelho,está roxo mesmo. Mas não está mais tão dolorido.


Visto uma calça de moletom preta e saio do quarto pra tomar meu remédio.Minha mãe não está mais na sala,menos mal. Chego a cozinha e Doniy estava lá comendo.


Hey Doniy - lhe dou um beijo na bochecha.


Olá Z - ela sorri - Está melhor? - seu olhar vai até o roxo da minha costela.


Ah sim,estou - tiro água da geladeira,coloco um pouco em um copo e tomo o comprimido.


Come comigo,fiz biscoitos pra um batalhão pensando que as meninas iriam querer, que preferiram a comida da mamãe - Vejo a travessa de biscoitos de chocolate. Céus, só Safaa e Waliy pra não quererem isso!!


Quero sim - sorrio,tiro uma jarra de suco da geladeira e ponho um pouco no copo,vou comendo os biscoitos.


E


ntão como foi na sua galeria? - ela me olha.

Foi legal e estranho - tomo um gole do suco.

Por que estranho?

Bom,apareceu um cara que é um dos que me batem,na realidade ele nunca tocou em mim então não tenho problema com ele, que ele me disse uma coisa que me intrigou -Vou falando e comendo.

O que foi intrigante? - Doniy pergunta.

Ele me disse que o grupo se desmanchou,os caras que me batiam se separaram - apoio os braços na mesa.

E isso não é bom?! Eles vão finalmente parar de te espancar - ela revira os olhos.

Eu sei e estou feliz por isso,mas foi do nada e ainda por cima esse cara que foi no galpão, Niall o nome dele,disse que poderíamos ser amigos - termino de comer,satisfeito.

Ainda ganhou um amigo,ainda não vejo nada de estranho. Você tem medo que ele esteja te enganando?

É... É isso - minhas irmãs são as únicas que sabem que sou gay,mas não sabem que o cara que eu amo é o mesmo que dá ordens para me bater na escola.

Por um momento,só por um momento,pensei que Liam fez isso por mim,mas não posso me iludir tanto. De novo não. Eles se cansaram,foi só isso.

Investigue, deixe ele ser seu amigo,mas sempre desconfie ok?! - ela pega na minha mão.

É isso que vou fazer - sorrio - Bom,os biscoitos estavam ótimos, agora eu vou pro quarto - Me levanto e dou um beijo na testa de Doniy - Boa noite e se não deixa que as meninas devorem o resto dos biscoitos,eu vou querer amanhã

Pode deixar maninho, boa noite -Ela sorri e também se levanta.

Vou seguindo pro quarto novamente.
Me deito,ativo o despertador do celular e o coloco no criado-mudo.Fechos os olhos...


Liam


Quanto tempo será que vai demorar? - Pergunto pra mim mesmo.


Não consigo dormir. O que foi que eu fiz?


Era pra ser só diversão, só que foi inevitável não se apaixonar por aqueles olhos caramelados.


Droga.Tudo é tão complicado. Eu poderia esquecer isso.


Dou um soco no travesseiro.


Não dá mais pra deixar pra lá.


Merda.



Notas Finais


#Day_Urie


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...