História After All - Shawn Mendes - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cameron Dallas, Hayes Grier, Matthew Espinosa, Nash Grier
Personagens Cameron Dallas, Hayes Grier, Matthew Espinosa, Nash Grier, Personagens Originais
Tags Casamento, Namoro, Romance
Exibições 88
Palavras 1.125
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Minha primeira Fic se estou nervosa ? Com toda a certeza haha
Bom tudo começou com um trabalho de teatro espero que vocês gostem e acompanhem ❤
Prometo não decepcionar vocês meus amores
Enfim chega de blá blá blá
Xoxo Bibi

Capítulo 1 - Familias


Fanfic / Fanfiction After All - Shawn Mendes - Capítulo 1 - Familias

Querendo matar alguém, é assim que eu estou no momento. Entrei no galpão derrubado tudo, não comprimento nenhum dos seguranças que estavam ali, o que não é normal, eu posso ser uma gângster mais não sou a porra de uma vadia sem educação. Subi as escadas furiosa, assim que cheguei na frente da única porta a encontrei fechada, o que significa que ou Nash ou isabella estavam lá.

- eu vou matar vocês seus porra

Abri a porta com tudo, me deparando com Nash encostado na mesa e mais 3 caras espalhados pelo escritório.

- e essa é a Gabi- Nash falou enquanto eu fitava os 3 ali presentes- Gabi esses são Matthew, Cameron e Shawn amigos do Canadá.

Nem prestei atenção no que ele disse, fiquei olhando pro cara que estava cagando pra minha presença olhando para os whisky no balcão. Babaca, deveria fazer ele engolir esses óculos escuros. Larguei minha bolsa no sofá e segui para trás da mesa.

- Canadá é? O que fazem aqui ? Estão perdidos?

Então o babaca de óculos veio até a minha mesa e se apoiou nela olhando nos meus olhos

- olha Princesa, a gente não brincando, eu poderia estar na minha casa agora comendo alguma gostosa mais não, estou aqui porque uma carga gigante de metanfetamina minha foi roubada

Ele falou tirando os óculos, quem ele pensa que é pra falar assim comigo ?

- e oque eu tenho haver com isso ? Eu tenho problemas de mais ta queridos não posso dar uma de conselheira de como ser um gângster.

- você tem haver sim, a carga entrou no seu território, ela atravessou a fronteira hoje de manhãzinha.

Isso não é possível, eu não roubei carga de ninguém, muito menos do Canadá. Essa cara ta me fazendo perder a paciência e eu to louca pra meter a mão na cara incrivelmente linda dele, até iria fazer isso se o Hayes e a Camila não tivessem entrado no escritório, apavorados.

- xi, parece que ela já sabe- a ruiva falou fechando a porta atrás de si e sua voz transmitia medo.

- e cunhadinha a gente já era

O Hayes tava branco e nervoso, demorei uns segundos para entender oq tava acontecendo. Mais quando entendi só faltou uma lâmpada aparecer no topo da minha cabeça.

Me levantei de vagar e fui em direção a eles .

- voces- dei um passo para frente e ele um para tras- estavam responsáveis- mais um passo- pelo carregamento - mais um passo é eles estavam encurralados- que foi roubado 

- desculpa Gabi, estavamos na cola deles mais eles atiraram no nosso carro e então sumiram

O grier júnior falou atropelado as palavras. E pude ouvir o nash fazer um tsc tsc ( n/a aquele barulho negativo com a língua)

- cadê a Isabella ?

- ela ta no galpão esperando a gente, nos falamos que dávamos conta mais não demos.

- seus filhos das puta vocês perderam um caminhão cheio de armas, eu quero matar vocês- respirei fundo- vão até o galpão e falem com a isabella

- Gabi por favor - Hayes praticamente implorou, afinal se eu estava louca imagina a Isabella

- vão até la e avisem ela é vocês têm 1 hora para descobrir o que aconteceu- e eles ficaram olhando pra minha cara - e ela ta começando a contar a partir de agora

Então Hayes foi pra porta

- gente vocês aqui - ele falou olhando os meninos do Canadá - depois a gente se fala fui- e desceu e foi acompanhado pela Camila após a mesma dar um beijo mo Nash e sair correndo.

Eu tava muito nervosa queria matar alguém, então chutei um vaso que voou e acabou quebrando bem perto de um dos cara do Canadá

- ou ou ou, eu não posso morrer aqui não.

- foi mal aí Canadá- falei com cara de tédio

- tu é baixinha mais é bem bravinha hein

Olhei pro mesmo, que parecia muito novinho mais estava sorrindo diferente do amiguinho babaca dele

- primeiro, Canadá você não me viu brava ainda, segundo tu não é muito novo pra ser um gângster não ?

- primeiro meu nome é Matthew Espinosa e segundo tenho 19 anos

- 18 - Nash falou Rindo

- foda- se vou fazer daqui alguns meses.

Encarei os mesmo e soltei um sorriso fraco, ja tinha ouvido o Nash falar dele mais bem brevemente

- se você é o Matthew, aquele ali que tá mexendo no meu quadro deve ser o Dallas

Ele se virou pra mim é sorriu sacana

- ele veio até mim e beijou minha mão, esse não vale um centavo.

- então Gabi eles vieram pra saber se foi a gente que roubou a carga - interrompi Nash

- claro que não foi, eu sou uma mulher de palavra nem chego perto da fronteira

- posso falar ? Eu sei que não foi a ggente e ja falei isso, mais agora com esse ocorrido com as armas, deu pra sacar que tem alguém nos roubando

Eu e o babaca incrivelmente lindo olhamos incréduos para Nash

- quem seria capaz de fazer isso ? Só sendo muito louco pra roubar nos dois em 24 horas.

- o Shawn ta certo Nash tem que ser suicida - o Matthew falou colocando um pouco de whisky no copo

Fiquei pensando um pouco e uma ideia brotou na minha cabeça

- Cameron vocês têm alguém que controla a entrada é saída do país ? .

- claro o gilinsky

Apenas levantei a sobrancelha e ele entendeu o recado e foi ligar pro tal

- o que isso tem haver ?

- não está óbvio, e Shawn né? - ele confirmou com a cabeça- sua carga foi trazida pra cá e eu to achando que a minha foi levada pro Canadá.

A sua boca formou um O perfeito, como se não acreditasse nisso.

- certo. Você pega o primeiro vôo pra ca, temos trabalho aqui.- Cameron desligou o celular- você está certa gabi, um avião carga não identificado atravessou a fronteira faz uns 20 min

- quem faria isso ?

Essa babaca não pensa não? To ficando louca pra bater nele

- para de ser burro Shawn, algum projeto de gângster roubou as cargas e mandou para o outro país para acharmos que um roubou o outro e então - Shawn interrompeu Matthew

- começarmos uma guerra e nos destruir, filho da puta.

- só que ele não sabe que ambos são minha família e que agora vamos acabar com ele antes deles sonhar em nos destruir.

Então nós olhamos. Como se estivéssemos fechando um acordo.

E que o jogo comece.

" Para criar inimigos, não é necessário declarar guerra, basta dizer o que pensa ou ser quem você é"


Notas Finais


Desculpe os erros, eu escrevi pelo tablet o que significa não saber se estar bom ou não kk
A menina da capa é a Gabi.
É isso até Jaja


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...