História After -Camren Version - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Drama, Romance, Sexo
Exibições 173
Palavras 665
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Saga
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


LUCY VIVES NA MÍDIA!
Boa Leitura!

Capítulo 7 - Eu não bebo


Fanfic / Fanfiction After -Camren Version - Capítulo 7 - Eu não bebo

A Lauren já desapareceu para dentro da casa e espero não voltar a vê-la o resto da noite, olhando para a quantidade de pessoas aqui provavelmente isso não irá acontecer. Eu sigo Vero e Dinah para a casa lotada e alguém me dá um copo vermelho, eu tento dizer não e agradecer mas eles já se foram por isso eu deixo o copo no balcão e continuo a caminhar pela casa, chegamos a um grupo de meninas que eu automaticamente assumi que fossem amigas da Vero. Elas são todos tatuadas como ela e sentados em fila no sofá e claro Lauren sentada no braço direito do sofá. Eu evito olhar para ela enquanto Vero me apresenta ao grupo.

-Essa é Mila, a minha companheira de quarto, ela chegou ontem por isso eu pensei em proporcionar a ela um bom momento para seu primeiro fim de semana na WSU -ela diz e um por um abanam a cabeça ou sorriem para mim, todas elas são tão amigáveis exceto Lauren, é claro. Uma menina bonita com pele morena me dá um aperto de mãos, as mãos dela estão um pouco frias por causa do líquido no copo vermelho estar fresco mas o sorriso dela é quente, acho que vi um piercing na língua mas não tenho certeza.

-Sou a Lucy, o que está estudando? -ela me pergunta e eu reparo que os olhos dela estão observando a minha roupa e ela sorri um pouco mas não diz nada.

-Eu estou estudando inglês -sorrio com orgulho, ouço Lauren rindo mas ignoro.

-Legal, eu estou indecisa -Lucy ri e eu sorrio para ela, como é que pode se estar indecisa na faculdade? Eu sabia que iria estudar inglês desde que me entendo por gente -Quer uma bebida? -ela me pergunta.

-Ah, não, eu não bebo -digo e ela tenta esconder o sorriso.

-Deixaram a Vero trazer a Pequena Miss Luxuosa para uma festa da fraternidade -diz baixinho uma garota pequena com cabelo castanho claro. Eu vou fingir que não ouvi assim não preciso pensar em uma resposta para lhe dar. Miss Luxuosa? Eu não sou de maneira nenhuma ''cheia de luxo'', eu tenho trabalhado e estudado muito para chegar onde estou e a minha mãe trabalhou a vida inteira para ter certeza que eu iria ter um bom futuro.

-Eu vou tomar um pouco de ar -eu digo e dou meia volta para ir embora.

-Quer que eu vá com você -Vero chama atrás de mim, eu digo não com a cabeça e caminho até a porta. Eu sabia que não deveria ter concordado em vir, eu poderia estar de pijama enrolada na cama lendo um romance agora, poderia estar no skype com o Austin de quem estou com tanta saudade, poderia fazer qualquer coisa que seria melhor do que estar nessa festa terrível com um bando de idiotas bêbados. Decido mandar uma mensagem ao Austin.

*Estou com saudades. A faculdade não tem sido muito muito divertida até agora*

Eu envio e sento na parede de pedra á espera da resposta dele. Um grupo de garotas bêbadas andam por ali rindo e tropeçando nos próprios pés, espero que nem todas as pessoas da faculdade sejam assim.

*Por que não? Eu também estou com saudades suas Mila. Queria estar aí contigo*

Eu sorrio com as palavras dele.

-Merda, desculpa! -diz a voz de um rapaz e segundos depois sinto o líquido frio absorver a parte da frente do meu vestido, o rapaz tropeça e puxa para cima -As minhas desculpas, sinceramente -ele resmunga e senta. Esta festa não poderia ficar pior, o meu vestido está molhado com o que sabe Deus de álcool e não tem nada pra trocar. Suspirando, pego no meu telefone e caminho para dentro pra encontrar um banheiro. Ando pelo corredor lotado e tento abrir todas as portas no caminho e nenhuma delas cede, não quero pensar no que as pessoas estão fazendo nos quartos, vou para cima e continuo a minha busca por um banheiro.


Notas Finais


Quando tiver tempo de novo eu posto mais okay?!
Obrigada por tudo até agora, amo vocês


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...