História After Dawn - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Elle Fanning, Emma Watson, The Walking Dead
Personagens Beth Greene, Carl Grimes, Carol Peletier, Daryl Dixon, Glenn Rhee, Hershel Greene, Maggie Greene, Michonne, Personagens Originais, Rick Grimes
Tags Daryl Dixon, Romance, Survival, The Walking Dead
Exibições 44
Palavras 1.357
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Survival, Suspense
Avisos: Canibalismo, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OIII

Capítulo 5 - Com Você,Randall e Dale.


Fanfic / Fanfiction After Dawn - Capítulo 5 - Com Você,Randall e Dale.

72 Dia da Infecção

Pego Dakota e à levo para dentro,abro a porta do quarto de Meggie,Dakota pula para se sentar na cama,coloco a pistola no criado mudo e me sento ao seu lado,ela se encosta em mim abatida,passo a mão em seus cabelos ruivos,ela olhava e esfregava na calça suas mãos sujas de terra.

-Você precisa de uma banho,sua sujinha.

-Não deixa eu virar um zumbi -Dakota sussurra esfregando as mãos com mais força,seguro suas mãos e me agacho na sua frente,ela tinha os olhos marejados.

-Nunca...você não vai virar uma dessas coisas,nunca.

-Ma...Ellie…

-Pode me chamar assim...de mãe -Dakota olha pra mim sorrindo e me abraça- Agora vamos tomar um banho porque você tá precisando.

-Tá mãe -Dakota correu para fora do quarto,soltei uma risada nasalada.

O grupo de Daryl estava todo espalhado pelo acampamento depois do inteiro da menina Sophia,mau tinha falado com Daryl nesse meio tempo,andei até a barraca que eu,Dakota e ele dividíamos...era estranho dizer isso,Daryl estava sentado no chão perto da fogueira apagada,mexendo em uma flecha,ele olhou pra mim mas não disse nada e voltou a mexer na flecha.

-Oi -me sento ao seu lado,ele larga a flecha.

-Me diz que você não sabia dela -eu sabia que ele se referia a Sophia.

-Se eu soubesse disso acha que eu não teria dito,não como se eu deixasse Dakota ver Hershel arrastar essas coisas pro celeiro,Hershel me disse que se eu quisesse ficar,teria que viver sobre as regras dele,e você sabe Daryl,lá fora não é lugar para uma criança -Daryl ficou me olhando como se ia ou não acreditar em mim.

-Se Harshel não quiser o grupo aqui você vai ficar ou...ir com...conosco  -ele tinha a cabeça baixa e mexia na alça da bésta.

-Eu vou com você...nós vamos com você. -Daryl tinha a sobra de um sorriso no rosto- Bem eu tenho que ver a Dakota,não posso deixar ela sozinha por muito tempo,se não ela apronta.

Quando saio da casa com Dakota vejo Lori passar com uma arma e as chaves de um carro,olho e penso se devo ou não impedir,Lori já é adulta o suficiente pra saber o certo ou o errado,não posso simplesmente deixar Dakota aqui para ir atrás de um velho que finalmente se tocou que as pessoas não estão doentes e sim mortas,e uma mulher que sabe que está grávida e mesmo assim sai por aí como se o mundo fosse ainda o mesmo,vejo o carro subir pela estrada.

-A Lori vai à onde mãe? -ainda não me acostumei com essa de mãe.

-Atrás do Rick.

Estou sentada perto da casa limpando as Sais,deixe Dakota brincando com Carl para distrai-lo um pouco,Shane sai da casa apressado e vem até mim.

-Viu a Lori?

-Foi atrá do Rick.

-OQUE?,e deixou ela sair.

-Olha cara,não é problema meu se ela não a decência de lembrar que está grávida e sai por aí como se o mundo ainda fosse como antes...se gosta tanto da mulher do seu suposto melhor amigo,cuide dela você -me levanto e boto as espadas nas costas,quando dou um passo Shane segura meu braço.

-Se alguma coisa acontecer com ela…

-Se alguma coisa acontecer com ela é porque ela foi idiota de sair daqui e é melhor você me soltar...não sou a Lori ou a Carol,muito menos sou do seu grupo,não manda em mim então se encostar em mim novamente,não terei remorso de cortar seu braço fora ou a sua cabeça...fique longe de mim -solto meu braço e saio dali.

Estou do lado de Daryl que tem Dakota que sentou no seu colo sem permissão,era tarde e Rick,Glenn e Hershel ainda não tinham voltado,Shane foi atrás de Lori que também não tinha voltado,Maggie,Andrea,Dale,T-Dog,Carol e o menino Jimmy estão aqui junto com a gente vejo luzes de faróis,Shane e Lori descem do carro,Lori vem apressada até nós.

-Cadê o Rick?

-Eles ainda não voltaram -Lori vira pra Shane e sai pra dentro da casa,Shane vai atrás dela.

80 Dia da Infecção

Já faz três dias desde que Rick,Glenn e Hershel voltam para fazenda e com eles um garoto, Randall,ele contaram que tiveram problemas com o grupo dele e que tiveram que trazê-lo porque o bom cherif não o deixaria para morrer,Rick e Shane entraram em um consenso e decidiram levar o garoto para longe da fazenda,Beth entrou se matar quando Andrea a deixou sozinha no quarto sendo que Maggie pediu para que ela ficasse de olho o que fez com que Maggie e Andrea brigassem e e como desculpa Andrea diz que é Beth é que tem que escolher se quer ou não viver,e depois de uma conversa que Dakota teve com Beth,sim Dakota,Beth decidiu viver.

Eu ando até a barraca pra buscar minha pistola que deixei lá,quando estou perto o bastante vejo Daryl e Dakota,os dois tinham pedaços de madeira nas mãos,Daryl ensinava Dakota a fazer flechas,Dakota me vê e sorri.

-Olha mãe,fiz uma flecha -ela me mostra a flecha,está toda torta e inutilizável,mas nem eu nem Daryl diríamos isso a ela.

-Parabéns meu…-Dakota parece decepcionada por não dizer a palavra de quatro letras.

-Tó faz também -Dakota me entrega um pedaço de madeira,me sento no chão de frente pra ele,olho para Daryl,o mesmo me olhava,sorri sem graça e comecei a fazer a flecha com a faca,Dakota pegou outro graveto e se sentou do lado de Daryl,começando outra flecha.

81 Dia da Infecção

Eu estava parada do lado de fora da onde trancaram Randall,podia ouvir os socos que Daryl dava,Rick não consegui tirar nada do garoto então Daryl decidiu fazer o “trabalho sujo”,ouvi a porta abrir e Daryl sair,ele repara que estou aqui.

-E então?

-Nada bom -o sigo ele vai até Rick,ouso Daryl contar o que tirou de Randall,sobre seu grupo ter estuprado duas mulheres...isso não me trás boas lembranças...então Rick marca uma reunião com todos para decidir o que fazer com Randall.

Todos estão reunidos na sala,Rick pergunta a todos se sim ou senão,gradativamente todos dizem sim quando chega a minha vez,o meu passado me atinge.

-Ellie?

-Não -Dale me olha agradecido...não fiz isso por ele ou pro Randall,mesmo com o meu não e o não de Dale o Sim prevaleceu,Dale sai arrasado,mas não antes de concordar com Daryl de que o grupo está rachado.

Vou com Rick e com os outros até onde Randall está,mas fico do lado da porta,Rick está pronto para atirar.

-Atira pai atira -Carl encoraja o pai e vejo o quando Rick fica perturbado com a insensibilidade do filho,Shane leva Carl dali,Rick larga a arma,o ajudo a levar o garoto para o outro celeiro,fecho a porta e vou com Rick até a casa.

-Eu sei...o peso é grande,carrego muitos desses nas costas.

-Como assim?

-Com um passado como o meu,hesitar não é uma opção.

-Oque você fazia antes disso tudo?

-Eu...eu era capitã dos Delta Forces -Rick ri incrédulo,mas seu sorriso sobe quando vê que estou falando sério.

-Nossa…

-É -olho pra cima o céu é escuro a noite está calma,mas isso acaba rapidamente quando um grito ecoa- Dale -Rick e eu corremos,Daryl aparece do meu lado,quando chegamos vejo uma cena horrível à um zumbi em cima de Dale,Daryl pula em cima dele e rola com ele no chão o acertando com a faca,Dale está agonizando,sua barriga está aberta- AQUI...AJUDA.

Todos chegam e ficam apavorados,Andrea entra em desespero,Hershel aparece depois,Rick pede ajuda,vejo o olhar que os dois trocam,Dale não tem nenhuma chance,Dakota me abraça e chora,agacho ao seu lado e a abraço,ela amava o bom velhinho do chapéu de pescados,Rick tira a pistola e aponta para Dale,vejo o mesmo implorar com os olhos mas Rick não consegue,Daryl pega a pistola,ele olha pra mim e depois pra Dakota,ele agacha e aponta a pistola.

-Desculpa amigo -em tão ele atira,o choro de Dakota se torna mais alto,a pego no colo e saio dali.

Quando finalmente Dakota dorme Daryl entra na barraca,ele coloca a bésta no chão e se deita do meu lado,me arrasto para mais perto dele.

-Como ela está?

-Arrasada,ele era importante para ela.

-Ele era importante para todos...como você está?

-Chocada...ele era uma boa pessoa.

Então a noite se vai assim,com a fazenda em silêncio...e todos carregando mais uma perda.


Notas Finais


Desculpem por não portar,porque como esse é meu ultimo ano de escola e eu só tenho agora,segunda,terça e quarta...antes de tudo acabar não tive muito tempo,mas agora as postagem vão se tornar mais frequentes...espero que tenham gosta,favoritem e comentem.
BJS.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...