História Agent Of Love 2 - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Ámbar Benson, Gaston, Luna Valente, Matteo, Miguel, Nina, Simón
Tags Gastina, Hot, Lutteo, Romance, Simbar
Exibições 110
Palavras 1.953
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Hentai, Luta, Musical (Songfic), Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Vamos ler pessoal esse capitulo tá babado
Comentemmmmmmmmmmmmmmmmmmmm

Capítulo 6 - Chapter Six - Fights


Luna Valente Benson

Ah que sabe que ele seja feliz com aquela vagabunda, cansei eu tento esquecer o Matteo mas não consigo mas agora eu vou conseguir sim, que vá a merda ele e aquela puta da Ada.Cansei de ser assim de pensarem que eu sou doce e frágil chega eu vou seguir minha carreira de espiã vou cuidar da minha filha e esquecer de Matteo talvez eu encontre alguém bem melhor que ele.

To nem ai se ele tá com aquela Ada que fique com ela que case.Eu devia saber que o Matteo ia continuar sendo aquele mesmo Matteo que eu conheci um metido e mulherengo eu me lembro de quando ele ia loira se pegavam.Pelo menos ele ama a Sol mais aquele nosso 'amor' foi uma perfeita ilusão.

— Loira, cansei eu não vou mas chorar por causa daquele garoto que foda-se eu não amo ele mesmo vou esquecer ele, preciso me renovar ir atrás de caras novos se ele conseguiu ser feliz com outra eu também consigo — Luna diz determinada por mas que falasse ela nunca iria esquecer Matteo mas queria mudar mesmo assim.

— Isso Luninha, pode conta comigo pró que precisar, eu estava doida para fazer umas compras mas não tinha ninguém para ir comigo, será que te liberam daqui? ou vou ter que arma alguma para te leva pró shopping — A Loira diz

— Eu não sei se vão deixar eu sair loira, eu mal acordei lembra? mas a organização tem um shopping não tem? não é o mas famoso daqui? — Ela pergunta

— É perto daqui Luninha, vamos rápido vou chamar seu irmão o nico quem sabe ele não topa ir com a gente? — A loira fala enrolando o cabelo

— Hmmm, pede talvez ele aceite!!! — Ela faz uma cara maliciosa

— Que foi Luninha? por que tá me olhando assim — A loira pergunta com dúvidas

— Se tá gostando do Nico??? ou é só impressão minha? — Luna pergunta

— C-C-Como??? eu gostando do Nico? se só pode tá viajando né Luninha eu mal o conheço, conheci ele faz meia hora tá louca — Ela diz nervosa e Luna começa a sorrir da cara dela por que ela estava meio vermelha

Nesse instante Nico voltava do banheiro chegava ao quarto de Luna, luna sorriu para a loira e, ela virou e deu de cara com Nico.

— Nico!!! preciso falar contigo — A loira diz

— Pode falar loira!!! — Ele diz com um sorrisinho sedutor em seu rosto

— Então, eu estava querendo fazer umas compras, ai eu queria levar a Luninha só que ela acabou de acorda não sei se vão deixar ela ir, é no shopping da organização que fica aqui perto será que se pode nós ajudar a sair? — Ela diz com brilhos nós olhos

— É meio arriscado isso, mas faço tudo pela minha mana então eu topo, vou confiar em ti loira toma a chave do meu carro e toma cuidado hein.Eu vou enrolar o pessoal por aqui para que ninguém desconfie — Nico fala e a Loira da um sorrisinho envergonhado

— Obrigada Nico, de verdade — Ela diz agradecida

— Eu vou levar a Sol também, tenho que comprar umas roupinhas para ela também. Obrigada maninho por me ajuda — Luna diz enquanto se arrumava

— Que isso mana não precisa agradecer — Nico fala enquanto joga um sorrisinho de canto para a loira que ficou bastante envergonhada

Na recepção não havia quase ninguém, Nico vigiava enquanto as garotas saiam de lá. Assim que elas foram em bora Nico voltou para o quarto e ficou lá, ele queria que as pessoas vissem que ele estava lá com Luna e que ninguém poderia incomoda.

Âmbar colocou a chave no carro, e deu a partida o shopping não era muito longe dali era perto a organização tinha várias coisas em vários lugares, chegando ao shopping Âmbar estaciona o carro. As duas entram no shopping e chegam em uma loja com roupas extremamente lindas e de chamar atenção de qualquer um. A loira olha várias roupas e separa algumas para Luna

— Luninha, olha só oque eu separei para você — Ela diz com um sorrisinho

— A não loira, essa roupa parece ser muito sensual não da pra mim e além do mais ela é muito colada olha só — Luna diz mas acaba vestido por causa da loira que faz um bico o vestido na parte acima do ombro era transparente mas já para baixo, era cheio de flores verdes, azuis e meio rosadas.

— Olha só que gata a Luninha, certeza que os garotos vão pirar, Matteo não sabe oque está perdendo olha só Sol sua mamãe tá uma gata, pena que o seu pai é um grande troxa e deixou ela escapar — A loira diz mas ao Luna ouvir o nome Matteo se irritar

— Loira por favor não fala nesse nome!!! — Ela diz irritada

Luna compra várias roupas na loja Nantolin, ela comprou alguns vestidos, tinha alguns extramamente lindos ela comprou um branco e preto, um branco, um amarelo e aquele primeiro que já tinha citado.Agora chegou a vez da loira

A Loira escolheu algumas roupas lindas, um vestido vermelho, um preto com pregas aos lados que deixava aparecer os dois lados de sua barriga e também comprou alguns conjuntos super caros.

— Nossa o Simon vai amar isso — Luna provoca

— Luninha!!! por favor — Ela diz

— Se ficou falando daquele lá agora não posso fala do Simon? — Ela diz ia loira da de ombros com um pouco de raiva do nome 'Simon'

As duas foram para outras lojas, comparam umas roupas lindas para Sol, ia loira saiu levando metade de uma loja de brinquedo para Sol. As duas seguiram para um spar que tinham ali queriam fazer as unhas os cabelos io principal queriam relaxar esquecer os problemas que elas tinham com certas pessoas.

Matteo Balsano

Ada havia chegando super feliz, nem eu sabia o por que mas iria aproveitar com ela o bastante chega de sofrer por alguém que já me esqueceu. Eu que fui um idiota de ter me apaixonado por ela desde que meu pai a sequestrou esse amor todo foi uma perfeita ilusão, a gente nunca daria certo mesmo.

Vou continuar vendo a minha filha Sol, não quero que ninguém ocupe meu lugar de pai isso eu nunca vou permitir NUNCA. A Luna que seja feliz com aquele loiro que ela arranjou to nem ai, vou curtir minha ruiva gostosa. Matteo estava ficando louco será que viraria aquele cara de novo?

— Amor por que está tão feliz? — Ele pergunta

— Estou feliz por que estamos juntos mi amore, te amo muito — Ela mente o motivo da felicidade de Ada era outra coisa, era ter deixado Luna mal ela que pense que luna tá mal agora ela que pense sozinha

— Também estou feliz por estamos juntos, não sei por que não fiquei com você antes só podia estar cego devia ter ficado com você desde antes ada — Matteo diz todo metido achava que ia esquecer Luna assim mas nunca iria conseguir mesmo tando com outra ele que espere para ver

— Devia né? mas não quis mas agora se está comigo mi amore agora sim se é só meu e de mas ninguém. Nenhuma vadia vai nós atrapalhar agora — Ela diz rindo mas ao ouvir ada dizendo 'Nenhuma vadia' ele se incomodou um pouco

— É amor ninguém vai nós atrapalhar, que tal jantarmos fora hoje? — Matteo fala a Ada que começa a sorrir maliciosamente

— Eu aceito!!! mas depois desse jantar iremos para outro lugar, irei fazer uma festinha particular para você, dessa vez se vai amar mais ainda — Ada fala maliciosamente e Matteo da um sorrisinho, quem ele tá tentando engana mano? vai transar com outra mesmo amando outra mas continua se negando.

Passou algumas horas depois Luna ia Loira voltaram para a organização cheia de sacolas estavam muito bonitas até Sol estava muito cute. Quem levou um baque foi Nico ao olhar para a loira e logo depois ver a irmã.

— Uau, quem são essas gatas? — Ele fala e Âmbar fica envergonhada

— Deixa de ser palhaço Nico!!! — Luna rir

— To só falando a verdade até minha sobrinha está linda — Ele diz enquanto olhava a loira que estava extremamente linda

— Que tal se nós irmos a um restaurante? — A loira da a ideia

— Claro mas como vai fica a situação da luna aqui ? — Luna diz

— Não se preocupe maninha, a médica veio aqui depois que ses foram em bora ela me pegou no flagra pois é, ela disse que já ia te da alta pois sua recuperação foi rápida então podemos ir — Ele diz e Luna fica feliz

— Então vamos galera!!! Nico não estranha se o porta malas tiver cheio de sacolas tá? Ha ha ha — Ela diz e Nico cai na gargalhada

Passou algumas horas Ada e Matteo já estavam sentados no restaurante, Matteo estava bem vestido e Ada estava com um vestido amarelo e um coque no cabelo eles estavam conversando até terem suas atenções tomadas com as 3 pessoas que haviam chegado no local.

— Luna? — Matteo a olha e fica deslumbrado, seus olhos começam a brilhar e seu coração a acelerar. Luna estava muito bonita cabelos soltos com um vestido branco e um salto branco médio já que ela tinha 16 anos né ainda iria completar seus 17 anos , a maioria dos caras naquele restaurante voltaram sua atenção para olhar ela ia a loira. Nico ficou um pouco incomodado ao ver geral olhando para sua irmã e para loira.

— Que? oque ela faz aqui? — Ada se pergunta

— Não sei Ada, vamos continuar conversando!!! — Ele tenta mudar de assunto mas não tira seus olhos de Luna, e da filha que estava nós braços de Nico

A Loira, Luna e Nico chegaram ao local, elas ficaram meio envergonhadas Nico ficou com um pouco de raiva ao ver os caras as olhando, mas ele manteve sua postura estava com Sol em seus braços. Assim que ver Matteo Luna para, os olhos dos dois se encontram mas ambos viram a cara, Luna mexer no braço da loira aflita e com raiva. 

— Ele tá aqui!!! Oque ele faz aqui!!! — Luna diz

— Fodeu então Luninha, mas se não vai fugir por causa do Matteo né? eu to ligada que ele não para de olhar pra cá, mais não liga Luna se veio com a gente para se divertir deixa ele lá com a piranha dele, certeza que se vai acha um boy aqui que te ame e não te faça sofrer — Âmbar diz e eles continuam andando até a mesa reservada

Eles se sentam e Luna fica brincando com Sol e Nico. Matteo olhava isso tudo de longe seu sangue fervia parecia que ia explodir ali mesmo. Ada nem percebia os olhares de Matteo para Luna, só estava com raiva dela está ali.

— Ada eu já volto eu vou pega a minha filha pra fica um pouco com a gente — Ele diz e Ada acente, ada odiava crianças mas teria que aturar por que Matteo não ia para o jantar todo

Matteo retira-se da mesa e vai diretamente para mesa em que estava Luna, Nico ia a loira eles estavam tão concentrados na brincadeira que não perceberam a presença de Matteo ali olhando eles.

— Luna!!! — Ele fala meio sério e ela olha para cima

— Oque é Matteo? — Ela fala o olhando com uma expressão fria

— Posso pega minha filha por um momento? — Matteo diz e Nico fica com uma expressão de assustado e de raiva

— Mais espera ai, esse é o Matteo? — Ele diz entregando Sol para a loira

— Sou o Matteo por que cara? — Matteo diz o encarando

— VOU TE MATA CARA POR TUDO QUE SE FEZ A MINHA IRMÃ SEU CANALHA VAGABUNDO!!! — Ele diz partindo para cima de Matteo assim que Ada ver sai correndo até lá, Luna ia loira ficam desesperadas

 

 

 

                                                      Continua...


Notas Finais


To passada com essa treta SCRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRR
Matteo agora já sabe quem é nico PQP MANOOO
Mereço comentários?
Se comentarem bastante continuo logo essa treta
Bjssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssss!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...