História Agente Ômega - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Filhos Dos Vingadores, Marvel, Os Vingadores, Pretty Little Liars, Xmen
Visualizações 1
Palavras 1.125
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Ficção, Luta, Magia, Romance e Novela, Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 28 - Quarteto Fantástico em ação(Filler)


Fanfic / Fanfiction Agente Ômega - Capítulo 28 - Quarteto Fantástico em ação(Filler)

IMPORTANTE: Os fillers serão de três em três episódios, sairão da história original para retratar o passado de alguns personagens. Não é necessário ler, pode pular, nos fillers não haverá coisas importantes que envolva Agente Ômega e o contexto da fic. Apenas mostrará um pouco a história dos personagens. 

_____________________________________________________________________________________

Layla tinha apenas 9 anos, estava brincando uma boneca linda, de vestido bordado rosa, cabelos loiros e botões azuis no lugar dos olhos. Ela uma boneca adorável. Ela estava brincando no laboratório de seu pai, sua mãe estava o ajudando a desenvolver algo ainda misterioso. Seus pais estavam com as típicas roupas de cientista e também com óculos. 

  Querido, o que você acha?  -Dizia Susan (Mãe de Layla/Mulher Invisível) entregando algo como um cubo de metal com uma luz dentro para Reed (Pai de Layla/Sr.Fantástico) 

Reed o olha com atenção, o sacode e o vira pra cima e pra baixo. 

Sue (Como Reed chama carinhosamente Susan), isso é interessante... Mas é bastante perigoso. -Dizia Reed bastante sério

Perigoso como? -Dizia Susan também analisando o cubo. 

Eu... Eu não sei...  -Dizia Reed bastante concetrado e ao mesmo tempo, intrigado. 


Isso se parece com algum objeto alienigena...  -Dizia Susan examinando o misterioso cubo. 


Sim, é... Concerteza! -Dizia Reed colocando o cubo com muito cuidado na mesa. 


Onde você achou isso, querido? -Dizia Susan o olhandos séria nos olhos. 


Eu o achei em uma caverna distante daqui, Sue. -Dizia Reed tirando seus óculos. 


Reed estica seu braço até Layla, o envolvendo em sua cintura e a levando até ele. Ele faz cóssegas em Layla, que cai na risada. 


Para papai! Está fazendo cócegas!  -Dizia Layla enquanto caía na gargalhada enquanto acariciava a mão de seu pai. 


Ele da um beijo em sua testa, e a coloca no chão. 


Vá brincar, querida! -Dizia Reed enquanto a colocava no chão. 


Ela saía correndo pela porta, onde tinha um enorme corredor. Ela corria no corredor enquanto cantava e brincava. Até que alguma coisa estranha segura seu braço. 


Era um alien com uma enorme boca, corcundo e mãos pegajosas, e da cintura para baixo era rastajante, não tinha pernas. 



MAMÃÃÃÃE!!!  PAPAAAAAAI!!!!  SOCOOOORROOO!!   -Gritava Layla desesperada enquanto chorava


Sue, pode ir cuidar da Layla? Ela deve ter caído e se machucado.  -Dizia Reed enquanto analisava o cubo com algumas ferramentas. 


Claro, querido.  -Dizia Susan saíndo sorrindo após dar um beijo na bochecha de Reed. 


O que foi amorzi...  -Sue após virar a esquerda vê o monstro e fica sem palavras. 


Ai meu Deus!!!  -Dizia Susan boquiaberta. 


O misterioso alien estica seu braço que pareciam corpos de cobra em Susan, que cai. 


Reed joga seu equipamento na mesa e seu jaleco branco pra longe e corre rumo ao corredor. 


Ele após ver sua filha em apuros se forma em uma enorme esfera que parecia uma bola de basquete beeem grande. Ele se joga rumo ao aliem, que o derruba no chão com uma espécie de laser que sai de sua boca. 


Ai...  -Dizia Reed todo esticado no chão enquanto balançava sua cabeça, ainda zonzo. 


Susan pega seu telefone em seu bolso direito de sua calça e liga para seu irmão, Johny (Tocha Humana e seu irmão). 


Johny! Preciso de você e o Ben aqui! Rápido! 


Certo... Mas...  -Dizia Johny no telefone


Sem tempo pra conversa, venha o mais rápido que puder! -Dizia Suzan desligando o celular, e jogando sua roupa pra longe, ficando apenas o seu uniforme do quarteto fantástico, que estava debaixo de sua roupa. 


Reed se levanta e faz a mesma coisa. 


Reed e Sue correm atrás do monstro que já tinha uma distância considerável entre eles. 


Sue e Reed o avistam de longe. 


Sue, vai!  -Dizia Reed se virando pra Sue, como uma mensagem "subliminar". 


Sue faz um campo de força envolta do monstro para que ele não fuja. 


Vai, Reed!  -Dizia Sue enquanto se concentrava. 


Reed corre até o monstro estica os braços, pega Layla, a coloca no chão e depois, expande sua mão direita, a deixando com um metro e meio, e depois soca o alienígena, o jogando pra longe. 


Ben (Coisa)  e Johny chegam no mesmo momento. 


Alguém chamou reforços? -Dizia Johny sorrindo. 


Vou quebrar esse idiota!  -Dizia Coisa


Layla estava chorando. 


Johny a pega nos braços. 


Layla, não fique assim, o titio vai dar uma surra nele pra você, tudo bem? Fique aqui e não se mova! 


O monstro ia rumo ao elevador, mas Ben joga uma mesa nas cordas de aço, as destruindo. 


Não vai fugir não!  -Dizia Ben batendo seus punhos. 


EM CHAMAS! -Gritava Johny, ficando com seu corpo em chamas. Em seguida, jogava bolas de fogo no monstro, que se queimava e rugia de dor. 


O monstro joga uma mesa rumo á Layla. 


LAYLA!!!!  -Gritava Sue, mas já não podia fazer nada, estava muito rápido. 


LAYLA! -Gritava Ben a olhando


Nããão!!!  -Gritava Johny com medo de jogar suas chamas e acertar em Layla. 


Querida! -Gritava Reed que se esricara, mas não iria conseguir 


Todos estavam desesperados. Layla põe suas mãos frente á seu corpo, e elas se expandem e se esticam até a mesa, a quebrando, sem deixar Layla sem sequer um ferimento. 



Todos estavam boquiabertos. 


ESSA É MINHA SOBRINHA!!  -Gritava Johny empolgado


Sue sorria com um enorme sorriso de orgulho


Ei, Reed, essa menina vai dar trabalho!  HAHAHA! -Dizia Ben rindo enquanto dava um tapinha no ombro de Sr.Fantástico, que estava com um enorme sorriso no rosto. 


Mas o que é isso? -Se perguntava Layla em sua cabeça enquanto estava confusa. 


O monstro se queimava bastante.  Ben corre até ele e o soca com muita força o fazendo cair metros dali. Sue em seguida joga esferas de energia no monstro, arrancando seus braços. Sr Fantástico o chutava com sua perna expandida, "triturando"  o monstro.  Johny joga uma forte rajada de fogo no monstro, o deixando em cinzas. 


•Uma hora depois... 


Sue, estou muito feliz por nossa filha ter conseguido usar seus poderes pela primeira vez!  -Dizia Reed abraçando Susan.


Também estou, e muito, querido! -Dizia Sue soltando uma risadinha e abraçando Reed. 


Johny e Ben estavam com Layla. 


Ei, Ben, percebeu que ela puxou o tio? -Dizia Johny com seu peito estufado, cheio de orgulho. 


Nem vem! Ela puxou a coragem do padrinho!  -Dizia Ben enquanto aumentava o tom de voz com Johny. 


Layla os olhava sorrindo. 


Johny a pega no colo, e depois da um beijo em sua bochecha. 


Ei grandão, a sobrinha é minha! .-Dizia Johny também aumentando o tom de voz com Ben enquanto Sue e Reed olhavam tudo de longe sorrindo. 


Sue, descobri que o cubo é inofensivo e enviei aquele cubo pro espaço, no final aquele alien somente queria o cubo.  -Dizia Reed olhando para Sue. 


Boa ideia...Agora teremos uma longa jornada no treinamento de Layla.  -Dizia Sue sorrindo pra ele



Concerteza! -Dizia Reed, e depois a beijando








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...