História Agentes Exo-L - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO, SHINee
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Jinki Lee (Onew), Kai, KiBum "Key" Kim, Kris Wu, Lay, Lu Han, Minho Choi, Personagens Originais, Sehun, Suho, Taemin Lee, Tao, Xiumin
Tags Agentes, Baekela, Baekhyun, Chanyeol, Chen, Exo M, Exo-k, Grazisoo, Grazyeol, Harem Muito Harem, Hunlua, Kai, Kaiana, Kris, Luhan, Luzi, Missão, Ot12, Sehun, Shippers Com Lua, Shippersdazi, Suella, Suho, Tao, Taoana, Xiulua, Xiumin
Exibições 31
Palavras 2.512
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Harem, Hentai, Lemon, Luta, Musical (Songfic), Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Segundo capítulo que está em terceira pessoa, escrevi esse bem antes do Prólogo
Tive mais ideias sobre as meninas conhecendo os rapazes, talvez por ter ficado ansiosa.


Enfim, boa leitura!

Capítulo 2 - We are Exo


Fanfic / Fanfiction Agentes Exo-L - Capítulo 2 - We are Exo

 

Lua acordou com aquele som alto do alarme de seu celular, tocando um rock clássico. Tentou ignorar por alguns segundos cantando junto, mas logo aquele refrão tão amado por ela tornou-se irritante. Desligou seu celular, relutou em levanta muitas vezes, mas decidiu fazer o mais correto saiu da cama e caminhou até o banheiro. 

Já de banho tomado e vestida foi até a cozinha, onde sua amiga Zi tomava seu suco. 
- Bom dia. Disse sorrindo servindo-se de café preto forte e pegando outras coisas sobre á mesa para comer.

 -Bom dia. Respondeu Zi -Pronta para mais um dia de trabalho? Ela sorria presunçosa, lançando-lhe um olhar sugestivo. 

-Hoje irei tirar medidas dos rapazes antes de costumizar suas roupas. Deu um gole no café e sorriu maliciosa - Parece que vai ser algo bastante interessante. 

- Só tenha juizo. Alertou -Nem começamos nesse emprego direito. 

-Não prometo nada - Sorriu travessa -Afinal você sabe perfeitamente quem são meus bias.

Lua comentou fazendo a mais velha rir e depois revira os olhos. Conhecia perfeitamente o gosto de sua amiga, e a mistura perfeita que os três bias dela representavam para Lua. Não poderia ser mais diferente do gosto de Zi. Tomaram seu café normalmente arrumaram tudo que precisavam. Até que a hora de ir chegou. 

  

  


Foram para o trabalho, chegando lá foram levadas para uma sala onde os rapazes estavam. O empresário as aguardava na porta, com braços cruzados e olhar sério. As duas trocaram olhares, depois fizeram uma reverência ao Homem, que sorriu gostando e retribuiu.

 -Lua e Zi, depois dessa porta estão os rapazes do Exo - Colocou a mão na porta de vidro e prosseguiu sorrindo- Quando se sentirem prontas, entrem e se apresentem, assim como eles também irão fazer. Ele entrou deixando as moças sozinhas. 

Lua não estava tão nervosa com a ideia de se apresentar aos rapazes, por outro lado sua Hyung, parecia que várias borboletas faziam um baile em seu estômago. A mais nova percebeu e se aproximou da amiga sorrindo, tentando passar confiança. 

-Não se preocupe. Vai dá tudo certo, não fique nervosa, seja confiante como sempre. Estamos nessa juntas, lembra? 

-Certo. Vamos nessa, Lua. Temos muito o que fazer. 

- Vamos .

 "Ótimo! É agora, lá vamos nós!

Respiraram fundo antes de entrar.

 Adentraram a sala, todos os olhares foram atraídos para as duas moças. Em silêncio as duas eram examinadas atentamente por cada um. Não era para menos, duas moças aparentando serem bem mais novas do que realmente eram, sem nenhum traço oriental. Porém essa diferença, era muito atraente. 

Zi não sabia como reagir, sempre sonhará com aquele momento em sua adolescência, mas quando chegou o grande dia de conhecê-los, mesmo que mais formalmente do que gostaria, não sabia se mantinha o controle ou se surtava. No fim decidiu pelo controle, mesmo que sorrisse largamente.

-Rapazes, essas são as novas integrantes da SM entertaiment. Vão fazer parte da equipe de agora em diante, mas é melhor que elas se apresentem. Cada um tinha um pensamento sobre as novatas. Fizeram uma reverência rápida. 

- Annyeong !Eu sou Zi,tenho vinte anos sou maquiadora e espero que sejamos bons amigos. 


Conseguiu fica calma e arrancou sorrisos de Baekhyun, D.O e Suho. Pensou está imaginando coisas, mas logo percebeu que era real, ficando envergonhada. 

"Que linda. Parece ser bem mais nova, mesmo assim é muito atraente" Baek pensou. 

"Que bela pronúncia do Coreano .Além disso ela tem uma beleza intensa" Suho pensou. 

- NiHao! Sou Lua, tenho dezenove anos e sou estilista, espero conviver bem com todos.


 Lua se apresentou em mandarim, pois consegue se comunicar mais fluentemente, sentiu-se mais confiante. Isso atiçou a curiosidade dos integrantes chineses. 


"Ela tem bochechas tão adoráveis, parecem dois pães, e uma aparência fofa" Sehun pensou 

"Inteligente, parece entender sobre cultura chinesa" Lay pensou enquanto sorria.

 " As bochechas dela parecem com as minhas " Xiumin pensou e apertou suas próprias bochechas. 

Depois as moças, manager e dono da SM, foram surpreendidos por Chanyeol que curioso perguntou : - Vocês são de outro país? Todos olharam atentamente para as duas. 


-Sim, somos brasileiras -A mais velha respondeu. 

- Que legal! Sorriu. Fazendo as duas sorrirem também. 

-Ótimo! Agora que se conhecem, que tal começarmos ? Por favor, comece com a maquiagem, em seguida, Lua irá tira as medidas dos rapazes. Aguarde que lhe mostrarei sua sala. 

-Muito bem -Zi se aproximou do espelho e arrumou sua bolsa de maquiagem em cima da mesma, pegando uma cadeira que estava próxima - Pode vir o primeiro que se sentir preparado. 

Todos trocaram olhares entre si, conversaram sobre quem iria com ela. Até que Luhan tomou a iniciativa, sentou-se na cadeira e virou-se para encará-la. 

Manteve a calma e pegou tudo o que precisava, começando pelo básico passeando com o pincel pelo belo rosto do chinês. Estava indo tudo bem até o momento, mas quando trocou para o lápis de olho, a mão dela começou a tremer e sem querer acabou atingindo o olho esquerdo dele.

 Os rapazes tentaram segurar a risada, mas não deu muito certo, todos riram ao mesmo tempo. 

-Você é idiota? Levantou furioso e pegou no braço dela com força - Como podem deixar alguém como você trabalhar aqui? Sua inútil! Não encontraram ninguém mais competente? Só tem imprestáveis agora.

 -Desculpa, prometo que não vai se repetir. Tentou se desculpar, mas esse gesto só fez com que ele se irritasse ainda mais. 

- Se dependesse de mim, você seria demitida agora. Todos assistiam boquiabertos, Lua já estava visivelmente irritada, pois seu rosto se encontrava vermelho. Mas antes que explodisse e respondesse Luhan, outra pessoa o fez.

 - Luhan, chega! -Baekhyun gritou intervindo de imediato -Hoje é o primeiro dia dela conosco, é totalmente compreensível que esteja nervosa.

 -Mas essa inultil.. tentou prosseguir, mas foi cortado por D.O.

 -Baek, tem razão Luhan. Deixe-a em paz, duvido que você nunca tenha ficado nervoso com suas apresentações antes. 

A porta de vidro foi aberta pelo manager, mas o clima pesado se instalou no ambiente, não tinha como não perceber.

 -Quer saber? Não estou aqui para ouvir sermões, eu mesmo termino minha maquiagem. Saiu da sala furioso, esbarrando no ombro de D.O que defenderá a brasileira.

 -Vai tarde, Princesa! Lua pronunciou em sua língua oficial, para que somente as duas soubessem. - Não fica assim, com certeza ele está na TPM. Esse comentário fez com que Zi desse uma risada fraca. 

- Peço desculpas pelo comportamento de Luhan Hyung -Baekhyun se aproximou das duas -Não precisa fica nervosa, sabemos como primeiro dia de trabalho é difícil.

 "Você ter me defendido, foi uma das melhores coisas de minha vida" Pensou

 - Exatamente. E para esquecer esse momento constrangedor. Pode começa minha maquiagem, se sentir vontade, claro! D.O se ofereceu e a moça de cabelo colorido não pôde recusar. 

"Kyungsoo, você é tão fofo"

 - Sim. Pode sentar. O manager que estava parado na porta, apenas observando de longe, aproximou-se e chamou atenção da mais nova.

 -Lua, sua sala está pronta. Pode começa, proponho que para poupar tempo ,seria bom alguns rapazes irem com você . Manager sugeriu 

-Claro! Disse e sorriu para os garotos -Quem quiser ir comigo, por favor me acompanhe.

 O manager saiu da sala com Lua, sendo seguidos por Kai, Kris, Lay,Tao e Xiumin. Os rapazes que ficaram com Zi, fizeram com que ela esquecesse o ocorrido, no meio de brincadeiras entre os integrantes. Conseguiu prosseguir com o trabalho sem nenhum acidente. 

***

 -Muito bem, Kai. Pode sentar no sofá enquanto pego o necessário para começa. Lua começava a tira o equipamento de sua enorme bolsa. Enquanto o moreno passeava com os olhos pela confortável sala.

 - Nossa, as salas de vocês tem frigobar. Isso é muito legal. 

- Sim. Parece que alguns funcionários são benéficiados por aqui, embora todos tenham grande importância, outros podem estar aqui para salvar vidas.

 Esse comentário deixou Kai confuso e pensativo. 

-Estou apenas brincando, deixando o clima tenso de lado -Sorriu e fez o coreano solta uma risada abafada.

 -Se estiver preocupada que eu faça igual o Luhan, fique tranquilha, pode fazer o que quiser. Não me irrito daquela forma.

 " Proposta interessante" Pensou enquanto mordia o lábio. 

- Vou pedir que tire sua camisa para que eu possa começa. Pediu profissionalmente. 


Kai tirou sua jaqueta e em seguida sua camisa sem exitar, já fez tantas sessões de fotos sem camisa, que nem se importava. Já Lua tentava manter seu lado profissional ao máximo, embora tivesse certeza que o moreno ficava melhor sem camisa. A loira sabia que durante o dia teria muitos momentos como aquele. Não podia ter escolhido um trabalho melhor. 


O clima naquela sala não podia ser menos tenso, o segundo foi Kris que nem parecia está na sala, ficou apenas observando tudo silênciosamente. "Nossa, que alto e gato. Pena que minha inocência impede que faça algo mais" Teve que se segura para não rir com seu próprio pensamento ironico. Já com Xiumin sua única preocupação era em conseguir aperta aquelas bochechas tão atrativas. Em seguida Lay, que se deu bem com a loira, conversaram durante o tempo todo que ficaram na sala. 


Assim a manhã de segunda seguia calmamente, faltava apenas um dos rapazes, para que Lua pudesse almoçar com sua amiga. Tao entrou na sala e ficou examinando a moça, que se encontrava de costas para ele escrevendo algo em um caderno sobre á mesa. Sem notar que era observada atentamente. "Baixinha" Pensou enquanto sorria de canto. Finalmente a jovem virou-se, encontrando o sorriso do mais alto. Ficando surpresa por não ter percebido a presença de Tao, fazendo esforço para não pular em cima do Chinês , que ela tanto admira. 

 -Faz muito tempo que está aí? Perguntou

 -Sim.

 -Podia ter me avisado. 

-Poderia. Mas iria perder toda graça - Ela o encarou indignada, colocando as mãos na cintura - Você é tão baixinha.

Ela o respondeu em sua língua materna.

- Pelo menos não fico chamando pessoas para tomarem comigo por medo de tomar banho sozinha.- Disse. Mesmo que esse jeito dele seja um dos motivos para ela ter gostado de Tao desde o início. Respirou fundo e continuou seu trabalho. 

 

***


 Como podemos descrever arrependimento? É uma sensação ruim, consequência de algo que não deviamos ter falado ou feito, quando estávamos com raiva. Muitas vezes ela só vem depois de algum tempo, outras quando percebemos que fomos completamente idiotas em nossos atos. Esse foi o caso de Luhan, mesmo que estivesse com raiva, não deveria ter gritado com ela daquela maneira. Sabia disso, mas não queria ter que olhar para ela depois daquilo, pedir desculpa estava fora de cogitação. Prosseguia firme nessa decisão, mesmo que seus pensamentos fossem tomados por, adivinha?arrependimento.

 "Não acredito que fiz aquilo, ela só estava nervosa" Caminhava pelo prédio da S.M, pegou um kit de maquiagem emprestado, não queria ter outro acidente como o de mais cedo. Encontrou o banheiro vazio, trancou para que ninguém o pertubasse. Já bastava seus pensamentos que não lhe deixavam em paz. "Deveria ter sido mais gentil com ela?" "Todos sempre erramos uma vez na vida, aquela garota não merecia fica triste por minha causa, ela tem um sorriso inocente e perfeito" sorriu lembrando-se do sorriso da jovem, mas logo expulsou tais pensamentos. 

- Chega, Luhan. Controle-se, é apenas mais uma novata que chegou. Disse para si mesmo em frente ao espelho. Recomeçou sua maquiagem, que antes do acidente estava na metade. Tentou esquecer para que tivesse um bom desempenho, mas falhou mesmo assim. A maquiagem feita por ele, como esperado, ficou estranha. 

- Ótimo. Agora como vou fazer a sessão de fotos com os outros membros? Indignado pensou em todas hipóteses, até que a mais óbvia, veio em tom de derrota. 

-Vou ter que pedir para Zi, é minha única esperança. Suspirou derrotado. Finalmente Luhan percebeu que foi um idiota. 

***

-Não sinto raiva por ele ter feito o que fez. 


-Deveria. Se fosse eu no seu lugar, não deixaria barato.

 -Se isso acontecesse, seriamos demitidas com certeza. Não podemos deixa isso acontecer, Lua. 

A mais nova fez uma careta de desgosto, fazendo a mais velha rir. Lua e Zi estavam terminando seu almoço, conversaram sobre os acontecimentos daquela manhã. Na verdade, mais sobre os garotos.

 Despediram-se quando voltaram para dentro da SM, seguiram para suas salas. Zi chegou na porta de sua respectiva sala, congelou ao ver Luhan sentado no chão, com ambas as mãos na cabeça, parecia nervoso.

 -     O-o-o o que faz aqui?perguntou gaguejando com certo receio pelo que aconteceu mais cedo. O chinês nada respondeu, apenas levantou o rosto, que continha rastros claros de uma tentativa de se auto maquiar. O medo de antes desapareceu, dando lugar a uma tentativa falha de segura o riso.

 - Preciso de sua ajuda -levantou-se atordoado -Tentei fazer minha maquiagem.... não deu muito certo. A jovem de cabelo colorido permanecia estática, olhando apenas para o roupão aberto de Luhan. Mas quando seus olhos focaram no rosto do rapaz, não pode conter uma piada em sua lingua materna. 

-     Meu filho, você tá parecendo um travesti da rua augusta.
 -     Não entendi. -pronúnciou confuso.

 -Posso ajudá-lo. Por favor, siga-me.

 Entraram na sala, Zi indicou a cadeira para que Luhan senta-se. Assim ele fez, a jovem começou preparando a maquiagem, do mesmo jeito que fez com os outros. Logo caminhou até ele, limpou o estragou que o chinês fez tentando fazer sua própria maquiagem. Fez uma outra similar a que pretendia fazer mais cedo. Faltava apenas o lápis de olho, controlou-se respirando fundo conseguiu termina sem nenhum problema. 

-Pronto, agora está parecendo uma princesinha novamente. Disse mais uma vez em sua língua materna.

 - O que disse? Perguntou mais uma vez confuso.

 - Terminei. Respondeu 

-     Pode arrumar meu cabelo também? Sei que não faz parte de seu trabalho, mas já estou atrasado. 

-Posso tenta. Sorriu e caminhou até o espelho, abandonando o lápis e pegando uma escova. Voltou-se para Luhan, que continuava com aquele Hobbie aberto.
 "Meu filho, não me mate dessa forma" pensou. Estava pronta para prosseguir, mas como tudo naquele dia estava contra ela. Acabou tropeçando no pé de Luhan, caiu sentada no colo dele. Que tentou segurá-la para que não caisse no chão. 

- Desculpa. Pediu corada e tentando levanta, mas foi impedida pelo chinês.

 - Não. Eu que te devo desculpas, por ter sido rude mais cedo. 

- Está perdoado. Ambos sorriram e mantinham o contato visual intensamente. Zi tentará levanta no começo movimentando-se frenéticamente. Mas desistou de lutar, na verdade, nem raciocinava mais. Quando seus rostos se aproximaram, ela esqueceu como se respirava, mas pode nota que embaixo dela um volume aumentava. Corou violentamente voltando a si, timidamente colocando as mãos no peito desnudo de Luhan afastando-se. 

-Preciso levanta. Murmurou 

-Certo... eu preciso ir me troca. Devem está me esperando -levantou-se, sem graça cobrindo o volume crescente.-Obrigado, por me ajuda. Até outro dia. Saiu da sal.a fechando a porta.

 Zi jogou-se na cadeira passando a mão no cabelo. 
- Ele se excitou comigo? -corou, colocou a mão nos lábios - Luhan, você irá me deixa louca.


Notas Finais


Então o que acharam?

Comentem por favor *-*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...