História Águia Arqueira - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Arrow
Personagens Felicity Smoak, John Diggle, Oliver Queen (Arqueiro Verde), Personagens Originais, Ray Palmer, Roy Harper (Arsenal), Thea Queen
Exibições 12
Palavras 487
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Crossover, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Violência

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 12 - Capítulo 12| Plano C ?



Claro que pode Ray - respondi tentando pensar no que pudesse ser a pergunta de Ray
-você é amiga da felicity certo?-perguntou Ray.
-Certo. Eu acho!-eu disse.
-Você acha que... sei lá ... ela goste de mim ?
-Ray eu não sei , talvez só quem saiba disso seja ela e eu não sei de nada.
-Você pode fazer um favor para mim?
-Qual é Ray ? Achei que fosse uma só pergunta!
-Por favor , por favor!
-tá, pelo menos me diz o que é aí eu penso se eu faço ou não !-na verdade eu faria de um jeito ou de outro, Ray me ajudou bastante .
-Você poderia investigar e saber se ela gosta de mim?
-Eu não sei não ...-Mas eu já tinha decidido, iria ajuda - lo ,mas deixa eu fazer meu draminha.
-Eu lhe dou mais flechas - chantagem Ray ? Tsc Tsc !
-tá , mas saiba que eu faria mesmo se não fosse pelas flechas.
-Sério isso Angel? Não acredito que você fez isso !
-Tá achando o que ? Sou má querido!
Ray saiu correndo atrás de mim, e óbvio que eu corri dele, só que para uma justiceira eu fui meio idiota e corri olhando para trás . Resultado? Tropecei em um homem e cai no chão, sabe aquela vontade de virar um avestruz e esconder a cara em um buraco? Pois então .
-Angel, você está bem?- o Oliver perguntou , pera aí o Oliver perguntou? Eu bati de cara com o Oliver? Só pode ser perseguição .
-Sim, Sim eu estou - quando eu acabo de falar Ray chega me abraçando de lado. Onde diabos ele tava ?
-Vejo que você não está sozinha .-disse o Oliver, e felicity chega imitando mesmo sem saber o gesto do Ray .
-Digo o mesmo.-Eu falo- Ray eu preciso ir.
-Eu te levo!- Ray simpático como sempre.
-Não precisa!Eu pego um táxi.
-Angel você não vai me deixar aqui vai?-disse entre dentes.
-Pensando bem eu aceito a carona.
Fomos até o carro do Ray, eu imagino como ele deve estar se sentindo: traído. Nós humanos e a nossa mania de sentir ciumes de uma coisa que não é nossa. Mas mesmo assim, ele deve ter se sentido como se tivesse levado um tiro no peito ou algo parecido. Não gosto de sentir pena, dizem que é pior sentir pena de alguém do que sentir ódio, mas depois dessa não consigo evitar sentir pena do Ray .
-Ray ?-falo quebrando aquele silêncio desconfortável.
-Sim?
-Sabe, eu andei pensando...
- Nossa por isso o cheiro de fumaça !
-Engraçado você não ? Eu andei pensando eu posso ajudar você, a conquistar a felicity .
-Sério Angel?- seu rosto se iluminou com a minha frase .
-Sim. Talvez com chocolates, algumas flores.
-E se ela não quiser mesmo assim?
-Aí partimos para o plano C!
-C ?
-Sim C de ciúmes.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...