História Ainda te amo...! (Kaisoo) - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Hunhan, Kaisoo, Krisyeol, Otp12
Visualizações 33
Palavras 2.026
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - Desfalques .


  A decisão de se matar não foi tão fácil assim como muitas pessoas pensa que é. Acontece quando não vemos mais saída, e se aliviar com pequenos cortes pela pele não resolve mais nada e a dor só foi aumentando e a cada dia que passava eu ia mais pro fundo do poço. Até que eu tentei o suicídio.


Tentei.


O kyungsoo apareceu bem na hora e atrapalhou todos meus planos, pensava que ele ia me julgar, me xingar e me levar para um psicólogo por causa da minha atitude, mas não.. Ele prometeu aquilo que eu sempre quis ouvir dele.. Que numca mais ele iria me abandonar, nem ele e nem os outros. Podem achar que eu tenho uma mente fraca, e eu concordo. Eu sou fraco, mas nenhum ser humano sobrevive sozinho e isolado. Uma hora a loucura iria tomar conta ,e seria tarde demais pra tentar voltar atrás.


  Confesso que depois de passar aquele dia com o Kyungsoo todos pensamentos ruins foram desaparecendo aos poucos.


E o meu amor por ele foi ficando mais difícil de superar...


  Eu ainda amo esse serzinho que tem a boca com o formato de um coração ,uma boca muito atraente e macia diga-se de passagem...


  Que infelizmente só beijei uma vez, para nunca mais.. Tenho que fingir pro Soo que eu não o amo mais para ele não fugir de mim novamente.


                          ♠


  

- "Esse jongin não tem experiência alguma para ser o nosso CEO, me recuso aceitar isso.. Ele vai levar os hotéis pra falência "


  Simon, o diretor de marketing ditou em alto e bom som batendo a mão na mesa encarando Jongin, que ignorava todos esses comentários mantendo a pose séria naquela reunião, já faz meia hora que todos acionistas e empregados se reuniu na sala para discutir sobre a presidência do Filho do dono, que tem o direito de se tornar e nem precisaria dessa reunião estressante.


-Que eu saiba não fiz faculdade por 3 anos atoa,e sim eu tenho experiência pois fui aprendiz do meu pai por anos. Querendo ou não você vai ter que me respeitar porque eu sou o novo CEO, ou você esta achando que com a morte do meus pais você iria tomar a frente do Hotel? 


  Jongin disse calmo, ele não iria descer o nível igual aquele velho que era o braço direito de seus pais, nunca gostou desse Simon e não seria agora que ele iria simpatizar com ele. Pode arrajar outro funcionário para colocar no lugar desse cara.


- "Acompanhei esse garoto crescer cavalheiros, os Senhores Kim deram a melhor educação, e o melhor ensino para que ele pudesse Tomar a frente dos negócios.."


Jongin olhou Kyunhoo pai do Soo segurando o sorriso, Ele é o único que o Moreno confia nessa empresa, além de Yang que é um dos manobristas e se tornaram bastante amigos durante esses dois anos.  Ele logo vai se tornar secretário do jongin já que ele tem uma grande simpatia pelo mais novo é confia nele o suficiente para o dar um cargo maior.


  - "Depois não diga que eu não avisei, esse pirralho não vai dar nenhum lucro pra nós. Só vai jogar por água abaixo o que seus pais demoraram anos para erguer.. Eu daria conta do.."


-Simon, o senhor vai pegar suas contas la no RH se não calar a boca.   -jongin levantou arrumando sua gravata encarando o mais velho sério, ele ultrapassou os limites citando seus pais nessa conversa-   Eu posso te demitir e fazer com que ninguém mais te contrate, todos contatos que meu pai tinha eu tenho em mãos.. Todos eles me conhece, então é melhor você me respeitar porque colocar alguém no seu lugar é a coisa mais fácil do mundo pra mim. Estão todos dispensados, a reunião acabou volte pros seus trabalho. Agradeço por terem vindo aqui.


  Se curvou e saiu da sala de reunião podendo enfim respirar normalmente, pegou o elevador e subiu pro seu escritório junto com sua secretária. Assim que entrou em sua sala se surpreendeu por seus amigos estarem ali, alguns sentados e outros em pé. Foi impossível não sorrir na presença de seus grandes amigos.


-Okay, se todos estão aqui não é notícia ruim. O que aconteceu?  -Foi até sua cadeira sentando e abrindo o blazer do seu terno antes que um deles pudessem responder a secretaria bateu na porta entrando com Yang depois de pedir licença e ser permitida-


- "Boss queria conversar comigo? Acho que não vim em uma hora boa..Volto outra hora?"


-Oh não, você não atrapalha em nada. Yoona trouxe os papéis certo? Mostre pra ele e explique o seu trabalho direito . Seu emprego agora é aqui sendo meu secretário Yang,  Yoona vai ser a secretaria do lobby!


-"Eu fiz algo de errado la embaixo boss?"


jongin riu da inocência alheia negando com a cabeça, se jongin não tivesse tão distraído explicando pro Yang o porque da sua transferência teria visto o olhar mortal que Kyungsoo lançava pro Tal Secretário novo do Moreno, e os outros amigos dele encarava a situação se divertindo com o ciúmes explicito do Coruja da turma. Assim que os funcionarios sairam Luhan começou a rir ,junto com o Chanyeol atraindo o olhar de Kai. Todos os 10 Sabiam que Kai gostava do Soo, e claramente era retribuído só faltava eles assumirem. A tensão sexual deles é visível à todos.


- Porque estão rindo bobões? 


- "n-nada Nini. Nada... Enfim viemos ver como você está faz bastante tempo e nossa. Como você fica Um Deus gregro com esse terno .. Um perfeito deus coreano.. Omo.. Acho que vou trocar de namorado"


-"Ouch Luhan, nem pense nisso,não quero que você morra... Você não viu como o funcionário do Jongin estava sendo fuzilado pelo Kyungsoo? Pra te matar é dois segundos." -Sehun disse divertido-


  Kai observava luhan rindo negando com a cabeça se levantando e sentando na sua mesa chamando o luhan que saiu do colo de Sehun e abraçando o moreno se divertindo com a expressão ciumenta de Sehun e Soo. O morenk olhou pro Chanyeol que falou do olhar de soo logo em seguida olhando pro Mesmo que disfarçou a expressão botando uma neutra quando seus olhares se encontraram se aproximando e se sentando ao seu lado puxando o luhan delicadamente, ou não, dos braços do Seu Jongin.


- "Luhan você será um homem solteiro se não voltar pra cá "


-"Solteiro e morto né? " -Chanyeol completou fazendo todos cair na risada, menos Kyungsoo que revirava os olhos- 

- Hyung, sentiu ciúmes de mim é?  -Kai decidi entrar na brincadeira de seus amigos, mal sabendo que era pura verdade, kyungsoo odiou Yang e essa intimidade que eles tem,Soo ja leu muitos mangás aonde chefes se envolvem com Secretários e teme que isso aconteça-


-"O-obvio que não, até gostei desse Yang ai.. Parece ser legal e competente."


-"Ele é lindo, ótimo para um romance de escritório.. Porque não investe Kai?  Nunca namorou mesmo.. Daqui a pouco você tem 30 anos, e um moreno lindo desse solteiro é um desperdício. " -Baek cutucou a cobra com a vara, vulgo Kyungsoo, e deu certo pois o mesmo grunhiu irritado fuzilando Baek com o Olhar e o mesmo se escondeu atrás de Z. Tao com medo-  "Eita foi brincadeira, calma Soo.. "


Jongin agora via o Ciúmes do Seu Hyung, o moreno riu abraçando o menor pelos ombros, e Kyungsoo não reclamou é só relaxou nos braços dele passando seu braço na  cintura alheia.


  Kyungsoo não iria admitir em voz alta mas concordava com Luhan plenamente, Jongin fica muito.. Sexy. Com terno e essa pose séria... Puta merda..


Naquele dia Kai não trabalhou, contou tudo que tinha acontecido consigo pros seus amigos que agradeceram o Suho ,Chanyeol e Kris que levaram o Soo até o Apartamento do moreno ontem.. Eles nunca que iria superar a perda de um amigo como o Kai, ele é insubstituível e todos o amava demais. 


                        ♠


   Na primeira semana de trabalho de Jongin estava tudo muito corrido mal dando tempo para almoçar por causa dos papeis que tinha que revisar, ele ainda estava se acostumando com sua rotina, e Yang aprendeu a organizar sua agenda muito rápido, não tinha do que reclamar de seu novo secretário, ele escolheu certo.


  Sexta-feira estava uma bagunça, jongin revisava várias vezes os papéis da contabilidade  mas não batia com o gráfico mensal da empresa de alguns meses .. Isso é um péssimo sinal, ou a contadora errou na hora de fazer as contas ou algo esta acontecendo sem seu conhecimento. Alguém desviando dinheiro talvez?  E O moreno só desconfiava de uma única pessoa


Simon..


Só podia ser ele, querendo que tudo de errado pra empresa decair e ele ter "a razão" sobre nãoser aalguém competente pro cargo de CEO. Jongin refez todas as contas, foi até o escritorio de contabilidade checar tudo e algo não batia realmente.. Alguém estava burlando os papeis da contabilidade ,mas cometeram o pequeno deslize de não mexer no sistema operacional que continua toda o valor que é adquirido por dia, em cada hotel que temos. Só quem tem acesso a isso é os Kim, mas como meu pai sempre andava ocupado junto com minha mãe só olhava e assinava os papéis sem prestar muita atenção confiando cegamente nos seus funcionários, Simon por ser diretor de marketing e braço direito dos meus pais tinha acesso direto com a contabilidade pois meu pai deixava ele checar também 


                  ♚



  Mais tarde quando saiu do trabalho ir pra casa tomar um bom e longo banho relaxante pra ir em um barzinho junto com Kyungsoo Kris e Chanyeol. Quando ele chegou lá encontrou seus amigos sentados em uma mesa redonda pra quatro pessoas, o lugar vazios era do lado do soo.


-" Como você é pontual Jongin" -Kris exclamou de forma brincalhona enquanto se levantava- "Sem bebidas forte né? Só cerveja e alguns petisco então? "


Todos concordaram e Kris junto com chanyeol se levantaram indo pegar os comes e bebes deixando os dois à sós.


- "Então.. E o novo secretario? "


-Aya.. Hyung não vamos falar de trabalho né? Mas respondendo a sua pergunta Yang é uma pessoa maravilhosa, aprendeu tudo rápido e não me dar nenhum trabalho.  Estava querendo que ele não aprendesse para você se tornar meu secretário hyung?


-"Ya, não seja bobo Kai. Eu só perguntei por estar curioso já que o garoto era responsável por estacionar carros e aparentemente não tinha experiências em ser secretário...hum,é...no próximo final de semana vamos pra minha casa de praia eu e os garotos pra comemorar o aniversário do Chanyeol,você vem junto certo?"


Kyungsoo desconversou, com uma desculpa perfeita que é o convite pra festa do amigo deles


-Claro que vou, não perderia o aniversário do Yoda por nada


- "Ainda bem né? Já que ir na China tu não ia nem se eu falasse que te compraria alguns poodles que você tanto gosta" -Chanyeol disse colocando as garrafas de cerveja e os copos em cima da mesa enquanto Kris colocava alguns petiscos no centro da mesa-


- "Dumbo da um desconto okay?  Teu aniversário não é nas férias pra ele consegui ir.. Esqueceu que ele fazia faculdade também? " -Kyungsso defendeu o mais novo servindo cerveja com soju pra eles-


-Prometo que não perco mais as festas de aniversário de você Yodaa.. Que na maioria das vezes era no bar, você tem que agradecer a mim sabia? Foi eu que escolhi o bar na noite que você conheceu o Kris. Quem diria que um filho de um grande advogado trabalhava como barmen.. Hein... E quem diria que vocês iriam se apaixonar e começar a namorar.. Seus postes ambulante.. 


-"Pobre jongin, fala isso porque é baixinho né? " -Kris provocou com um sorriso arteiro começando a beber sua cerveja-


-"olha aqui, vocês que cresceram demais" -kyungsoo murmurou emburrado-


-"amor não podemos falar de alrura, é o ponto fraco do soo" -Chanyeol provocou rindo alto quando o kyungsoo o xingou de dumbo mostrando o dedo do meio Pra ele-



  A noite dos quatro foi agradável, em clima de provocações e diversão.. Quando foram embora kyungsoo deixou o kai dormir na sua casa junto de si já que o mais novo um tanto embreagado falou que queria dormir consigo,insistindo até demais e kyungsoo não conseguiu negar. E também não é como se ele quissese mesmo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...