História Ajude-me ,por favor - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Twenty One Pilots
Personagens Josh Dun, Personagens Originais, Tyler Joseph
Tags Bad, Drama
Visualizações 10
Palavras 856
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Canibalismo, Estupro, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 22 - A cadeira elétrica ...


Fanfic / Fanfiction Ajude-me ,por favor - Capítulo 22 - A cadeira elétrica ...

Eu só escutava o Tum tum tum do telefone ,mas ninguém atendeu .Eu tentei novamente , até que Josh atendeu assustado e me disse :

"Tyler seu doido ,sua mãe já ligou aqui em casa sete mil vezes ,sem exageros .Aonde que você está , cara?"

"Josh ,você não vai fazer ideia de onde estou ..."

"Tyler ,onde? O que aconteceu ? Tem haver com Amy e Anna?!!"

Eu expliquei o mais rápido que podia o que tinha acontecido comigo ,e ele não conseguia acreditar ,ele disse que ia dar um jeito ,e eu desliguei o telefone .Senhora Dolls chegou uns dois minutos depois que desliguei o telefone ,e com ela vinha uma menina muito bonita ,e eu tinha certeza de que a conhecia de algum lugar . Então a senhora Dolls disse mentindo para Jenna com um sorriso falso na cara:

"Tyler querido ,essa é a minha afilhada Jenna Black .E Jenna ,esse é Tyler Joseph ,um dos mais novos estagiários daqui da empresa ."

Jenna tinha mechas loiras no cabelo castanho bem escuro ,os olhos azuis e um sorriso muito lindo. Eu tinha me lembrado de onde eu conhecia ela .Ela era a garota que riu para mim quando eu estava andando de triciclo pela primeira vez que Josh os levou lá em minha casa . Jenna falou sorrindo:

"Oi ,prazer Tyler ,menino dos triciclos ."

Eu corei e falei:

"Oi ,Jenna ,garota do milk shake ."

Senhora Dolls ficou sem entender nada até que Roger a chamou e ela saiu da sala e disse:

"Meninos ,eu tenho que ir ali resolver problemas ,e vou demorar muito pelo que percebi ,e Tyler não saia daqui querido senão já sabe ,né?"

Eu assenti ,e Jenna me perguntou do que ela estaria falando .Eu pensei bem se poderia ou não contar à ela ,mas como eu tinha 70% de chances de morrer eu contei. E Jenna não reagiu tão surpresa assim ,pois ela já sabia disso pois vivia vendo o que a sua "madrinha" fazia escondido .E Jenna disse que já tinha visto ela comer carne humana e matar pessoas principalmente os que ela dizia serem "Estagiários"

Eu só não me assustei muito por que já estava me acostumando com a ideia de morrer .Mas acabei me assustando quando o telefone tocou ,eu atendi ,era Josh .Ele me disse:

"Tyler ,eu falei tudo o que sabíamos ,e dei as provas para o delegado e ele me disse que não sabia que a senhora Dolls era filha de Johnson, o maior psicopata da cidade ,e depois acabou ligando para Kevin ,para ver se o que eu tinha dito era verdade ,e Kevin disse que se os parceiros dele descobrissem que ele confessou o que faziam ,ele seria morto  ,e disse também que quando ele chegasse em casa iria se suicidar .Então o delegado foi correndo para a casa dele tentar impedir e ver se Kevin está lá."

Eu não conseguia acreditar nisso ,pois Kevin sempre se mostrou durão ,agora iria se suicidar por medo? sério ,isso era meio imbecil da parte dele .Mas então eu perguntei como fariam para nos salvar daqui e Josh disse:

"Tyler ,eles mandaram policiais disfarçados de "empresários" para irem resgatar vocês ,um deles é aquele policial que é amigo da minha tia ,o que se chama Luy .Ele vai ir aí ,e depois o delegado também vai ir aí, ok? É melhor eu desligar agora ,cara ,boa sorte ,eu vou ir aí de triciclo tentar ajudar de alguma forma ,tá? Fica na paz cara ,tudo vai dar certo ..."

Eu disse "Tchau" e desliguei ,eu falei para Jenna que os policiais viriam aqui ,e ela me disse com uma cara meia melancólica que me fez ficar meio irritado:

"Tyler ,eu sei que ela é má ,mas ela ainda é um ser humano como nós ,ela não é perfeita , nem você é , ela cuidou de mim a vida inteira ,eu nem tenho mãe biológica pra falar a verdade..."

Eu contei à Jenna toda a história que senhora Dolls havia me contado ,e ela não conseguia acreditar que quem tinha matado o único parente dela era a própria pessoa que cuidava dela atualmente e sempre mostrou que à amava .Ficamos calados depois disso ,até ela me dizer que me ajudaria de alguma forma .Eu me senti triste por ela estra fazendo isso com a própria madrinha  .Depois de 15 minutos ,a senhora Dolls apareceu sorrindo acompanhada de Roger que trazia Amy ,Anna ,e mais umas 6 meninas .Era costume de senhora Dolls matar de 8 em 8 meninas para lançamentos de bonecas. Jenna havia se escondido atrás da mesinha com a enorme poltrona vermelha .Eu perguntei à senhora Dolls o que ela faria com nós três e ela me respondeu lambendo os dentes como se saboreasse algo:

"Ai ,querido Tyler ,não seja tolo ,as meninas irão inspirar uma nova coleção de bonecas ,e você me servirá como um apetitoso banquete "

Eu congelei ,mas tomei coragem e perguntei :

"Então como você vai nos executar?"

Ela riu parecendo uma louca (como se ela não fosse ) e apontou a cadeira elétrica ...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...