História Akemi, a ninja secreta da Akatsuki! - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Deidara, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hidan, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Kabuto, Kaguya Ootsutsuki, Kakashi Hatake, Kakuzu, Kisame Hoshigaki, Konan, Madara Uchiha, Nagato, Naruto Uzumaki, Obito Uchiha (Tobi), Orochimaru, Pain, Personagens Originais, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Temari, Yamato, Zetsu
Tags Akatsuki, Aldeia Da Folha, Grande Guerra Ninja, Konoha, Madara, Naruto, Ninja, Rinnegan, Uchiha
Visualizações 29
Palavras 1.693
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Drama (Tragédia), Luta, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Está ai o novo capítulo, espero que gostem.

Capítulo 6 - Paz ou Dor?


Depois de 4 anos, nos reunimos todos novamente, apenas eu e Deidara estávamos diferentes, nos estávamos maior e mais fortes. Então Pain entrava na sala onde estávamos e ele inicia a nossa reunião.

Pain: Depois de 4 anos estamos novamente aqui. Agora iremos começar nossa verdadeira missão, que é voltar a caçar as Bijūs, vocês sabem o que devem fazer, afinal já capturamos dois Bijūs.

Deidara: Akemi não estava aqui nesse tempo, então acho que terá que explicar...

Akemi: Não precisa explicar... Tobi me falou tudo - digo, olhando para Obito

Pain: Ótimo, então vamos dar continuidade.

Obito: Deidara e Sasori, vocês vão atrás do Uma-Cauda. O seu jinchūriki é Gaara, o kazekage.

Deidara: Isso será divertido - diz empolgado, Sasori apenas concorda com a cabeça.

Sasori: Bem eu não posso deixar de perguntar, nós não vamos mais atrás de Orochimaru? Afinal ele é ainda uma ameaça não é?

Hidan: Você acha que aquela cobra é realmente uma ameaça?

Sasori: Você não acha?

Hidan: Não, você está ficando velho e medroso Sasori. - diz em tom de deboche.

Sasori: Olha como fala comigo, seu idiota religioso. - Uma imensa discussão se inicia entre Hidan e Sasori, aquilo era irritante, sem me aguentar eu decidir falar.

Akemi: Vocês poderiam calar suas bocas, por favor. Ninguém suporta essa maldita discussão ao invés de brigarem vocês deveriam estar falando algo útil... Caso não tenham nada de bom pra falar apenas se calem. - digo, irritada.

Sasori: Akemi, você é apenas uma pirralha, não tem voz aqui dentro.

Obito: Calado Sasori, você já falou demais. Akemi está certa ao invés de ficarem brigando, falem algo útil. - disse sério, então olho para ele com minhas bochechas avermelhadas, ele jamais havia me defendido, essa era a primeira vez.

Akemi: Pain tem alguma missão para mim?

Pain: Sim, você, Itachi e Kisame tem uma missão na Vila Takumi.

Akemi: Vila Takumi?

Kisame: Takumi é conhecida por suas habilidades em fazer armas, mas o que faremos lá?

Pain: Parece que a aldeia possui informações sobre nós, preciso que peguem todas as informações que eles possuem.

Kisame: Entendo.

Pain: Estão todos liberados, podem ir.

Todos sairam da sala, eu me dirigi até meu quarto fui pegar algumas armas pra levar.

Obito POV.

Obito: Zetsu, por favor, vigie Akemi.

Zetsu: Sim, mas por quê?

Obito: Preciso saber se ela despertará algo ou terá algum tipo de comportamento anormal.

Zetsu: Está bem.

Akemi POV.

Direcionei-me até uma ponte, onde Kisame e Itachi estavam me esperando. Ao avistar eles, meus olhos grudaram no Uchiha, eu sabia dos rumores sobre ele ter matado seu clã, eu ainda estava na vila quando tudo aconteceu, a vila inteira só falava sobre aquilo, na época eu apenas imaginava como ele deveria ser extremamente assustador e agora eu estava em sua frente com meus olhos cravados nele.

Kisame: Olá, é a primeira vez que trabalhamos juntos, então saiba que não vou deixar você ficar com a parte mais fácil do trabalho só porque é mulher- dizia, com o rosto fechado.

Akemi: E quem disse que eu quero a parte mais fácil?

Kisame: Ótimo, garota - dizia, dando um sorriso

Itachi: Chega de papo e vamos logo.

Akemi: Certo, vamos.

A viajem havia sido longa e silenciosa, nós chegamos apenas pela noite, então ficamos  10 km de distância da vila que era rodeada por arvores. Kisame passou o plano e fomos.

Kisame criou uma imensa névoa no portão de entrada, assim Itachi pegou no genjutsu os ninjas que estiveram por perto, enquanto eu rastreava onde ficava o local que guardava as informações, então um ninja da vila ligou o sinal de invasão, todos os shinobis da vila se reuniram para nos caçar. Eu teletransporto Itachi e Kisame até a cabana onde estavam as informações, eu fiquei sozinha lutando contra todos os ninjas do lado de fora da cabana. Quando Itachi e Kisame entraram na cabana, o líder que cuidava das informações o esperava, sem muito papo Kisame o ataca com sua samehada, mas o líder consegue desviar e vai para trás de Kisame com uma espada preste enfiar nas costas dele, então Itachi aparece rapidamente impedindo o movimento do líder, então ele olha para os olhos do Itachi e cai no genjutsu. Enquanto fica preso no genjutsu Kisame procura onde estavam as informações da Akatsuki que precisavam, assim que ele acha Itachi mata o líder cortando o pescoço dele.

Kisame: Vamos Itachi, Akemi deve estar em apuros sem a gente por lá.

Ao chegarem lá fora eles me vêm sentada no meio de mais de 1000 corpos dos shinobis da vila.

Itachi: Certeza que ela precisa de ajuda?

Kisame: Acho que me enganei. - diz, rindo.

''Ela matou todos esses ninjas e não possui nenhum arranhão... Que tipo de treinamento ela ando recebendo?'', pensa Itachi.

Obito POV.

Zetsu: A missão deles já foi concluída, o Zetsu branco já trouxe as informações para mim.

Obito: Rápido, heim?

Zetsu: É teletransporte.

Obito: Não digo sobre o Zetsu, estou falando da missão.

Zetsu: Ahh, também achei isso - diz ele meio sem graça.- quer saber como ela foi?

Obito: Diga-me.

Zetsu: A força dela é insana heim? Você deveria ter medo dela, porque rapidamente ela te ultrapassará - Zetsu conta tudo para Obito, deixando-o impressionado.

Obito: Ela realmente está forte... Acho que estamos bem perto do nosso plano. - diz, parecendo feliz.

Zetsu: Agora é só questão de tempo.

Akemi POV.

Kisame e Itachi ficaram me olhando com um olhar espantado, acho que eles não esperavam que eu fosse forte. Levantei-me do chão, coloquei meus longos cabelos para trás, virei a costas para eles e olhei em direção para a saída da vila.

Akemi: Vamos garotos. Pain deve estar nos esperando.

Kisame: Ei, não pense que você manda. - diz ele sorrindo. - Mas você está certa devemos voltar.

Partimos para fora da vila, nós percorremos durante 2 horas, mas ainda restava muito do caminho, eu estava exausta.

Akemi: Vamos parar aqui um pouco.

Kisame: Por quê?

Akemi: Estou exausta, amanhã voltamos.

Kisame: Por mim tudo bem. Está tudo bem para você Itachi?

Itachi: Sim.

Paramos no meio da floresta, tudo era quieto, Itachi acendeu uma fogueira. Kisame decidiu quebrar o silêncio.

Kisame: Já que estamos aqui, você poderia falar sobre quem você é?

Akemi: Quem eu sou? - digo baixinho - eu acho que não sei que eu sou... - digo, olhando para chão, Kisame fica sem entender nada.

Kisame: Qual é seu real objetivo na Akatsuki?

Akemi: Eu estou aqui atrás de poder para poder me vingar. - digo, direcionando meu olhar para ele.

Kisame: Então você estar aqui tem a ver com vingança... é assim que encontrará sua paz.

Akemi: Paz... - digo pensativa - o que é a paz? - todos ficam quietos por um tempo, mas Itachi rompe o silêncio.

Itachi: Paz é quando não á mais nenhum conflito, você estará bem quando conhecer sobre a paz. - diz, sentado, olhando para o céu.

Akemi: A paz não deve ser só isso. Então, qual é a real paz?

Itachi: Eu ainda não sei, mas quero encontra lá.

Akemi: Como pode ir atrás de algo que nem sabe como é? - novamente o silêncio reinou, Itachi e Kisame ficaram pensativos.

Itachi: Eu não sei, mas sinto que ela seja boa... Se ela realmente existe eu acredito que um dia será alcançada.

Akemi: Alcança-la - digo baixo - independente dos meus olhos eu ainda não consigo avistar ela.

Itachi: Os olhos não importam isso vai além.

Kisame: Mas Akemi se você a deseja, você tem que lutar por ela.

Akemi: Lutar?

Kisame: Sim, você luta pela dor ou pela paz?

Akemi:...

''Como lutar por algo que nem conheço? Impossível. ''

Akemi: Vamos dormir amanhã temos que partir.

Kisame: Você está certa. - diz, apagando a fogueira.

Ajeitei-me perto de uma árvore e peguei no sono.

*Amanhecendo*

Nós todos acordamos juntos, o sol era forte e pegava em nosso rosto. Se levantamos e sem dizer nada, nos dirigimos para a Akatsuki. Minha mente não parava de se questionar.

''Paz? Impossível que ela exista. Mas se ela existe, em que lado eu realmente devo estar? Lutar pela paz ou pela dor? Ah eu odeio isso. ''

Sem perceber chegamos à Akatsuki, nos direcionamos até a biblioteca onde Pain estava nós contamos como ocorreu a missão e entregam os papéis onde estavam as informações.

*EM KONOHA*

Kakashi entra na sala da Hokage, Tsunade.

Kakashi: Hokage-sama, trago informações sobre a vila Takumi.

Tsunade: O que aconteceu?

Kakashi: Eles foram atacados, noite passada.

Tsunade: O que? Por quem?

Kakashi: Não é de certeza, mas parece que foi a Akatsuki.Eles haviam encontrado informações sobre eles, mas tudo desapareceu.

Tsunade: O que eles estão tramando agora? - diz pensativa

*Akatsuki*

Akemi POV.

''Qual será meu caminho? O que devo seguir?''

Itachi: Você está longe, desde hoje de manhã. Está tudo bem?

Akemi: Está... Só estou tentando entender qual caminho devo seguir. - digo meio tímida.

Itachi: Ah é isso... Não se preocupe na hora certa você descobrirá. - diz ele com um sorriso no rosto.

Akemi: É talvez. - digo baixo.

Itachi: Akemi, diferente dos outros membros, você ainda tem sentimentos e escutam eles, acredite em mim seus sentimentos saberão pra onde te levar - disse ele me acalmando.

Akemi: Obrigada, Itachi.- digo com um sorriso no rosto.

Itachi vai para seu quarto e eu para o meu já estava tarde e eu precisava dormir, afinal o dia havia sido longo.

No meio do meu sono, vozes sussurram em minha mente "Você irá morrer", "corra aqui não é seguro" eu entro em um lugar imenso, eu estava novamente no interno da minha mente, estava diferente de 3 anos atrás, agora o chão estava com sangue, barulhos de gritos são escutados e do nada apareceu uma mulher sentada numa cadeira, seu corpo estava cheio de sangue e ela olhou em minha direção e disse "Você está viva?". Após ela perguntar acordo desesperada, olho para minhas mãos que estavam trêmulas, meu corpo  estava todo molhado do suor, então me encolhi no canto da cama e fiquei ali pensando no que havia acontecido pelo resto da noite até o amanhecer.


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Aguardem os próximos capítulos, ainda tem muito mistério por ai. Beijos <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...