História Além Da Mentira - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Drama, Hentai, Naruto, Revelaçoes, Romance, Sakura, Sasuke, Sasusaku
Exibições 545
Palavras 1.437
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oiiiiiiiiieeeeeeee!!!! Como vocês estão? Bem? Espero que sim! Gente, eu sei que to demorando pra postar, mas é que eu estou estudando para uma prova em dezembro, sim em dezembro, mas como eu sou meia burra é melhor estudar tipo MUITO, para uma escola técnica em administração, mas eu quero ser médica kkk, vai me entende! Bom, sem mais delongas, boa leitura, amo vcs!

Capítulo 11 - Sumida!


“Sempre há uma luz no fim do túnel”

— Porra Naruto! Vem me ajudar! Faz tempo que estou procurando a Sakura! — Praticamente gritou o Uchiha.

— Ta! Mas tu tá me devendo uma. Mas, eu não vou ser o único a me fuder nessa, vamos chamar o Gaara. — disse Naruto brincando. Claro que queria procurar a amiga, só queria  provocar Sasuke.

— Quanto mais gente melhor. Aproveita e chama a Hinata, e manda o Gaara chamar a Ino. — Disse e logo suspirou. — Vai logo porra! — Terminou o Uchiha saindo rápido do corredor.

Sakura... meu amor, aonde você se meteu!? — Pensou o Uchiha.

O moreno estava quase enlouquecendo, não acreditava que ela tinha sumido assim, tão rápido!

~•~•~•~

— Mãe, por que nós vamos ir embora? — Perguntou Sam.

— Sam, meu amor. Você não entenderia, acredite. — Respondeu a rosada. — Agora faça silêncio meu anjo. — Falou fechando a mala de Sam.

— Não! Mamãe, você sabe muito bem que eu entenderia! — Disse falando com a voz mais elevada.

— Sam Haruno! Eu já lhe falei que não entenderia! Agora fique quieta antes que eu perca a paciência. — Falou sério a rosada.

Sakura queria sair de Miami o mais rápido possível! Não queria olhar mais na cara de ninguém. Estava triste, com raiva, chateada... E Deus sabe mais o que.

— Olha aqui Sam. Eu vou a meu quarto, você espera aqui, ouviu? — Perguntou a rosada, e bem na hora a babá chegou. A mesma havia saido para ver se estava tudo bem. — Lucy, ainda bem que você chegou. Cuide de Sam, eu já volto. — Mandou a Haruno mais velha.

— Sim senhora. — Respondeu.

Sakura deu um beijo em Sam e saiu do quarto. foi andando bem atenta. Chegou a porta de seu quarto e o abriu com o maior cuidado do mundo. Quando adentrou a mesmo viu que não tinha ninguém.

Pegou uma mala e foi para o closet, pegou algumas roupas. Quando estava saindo do quarto a porta foi aberta com uma brutalidade.

— Sakura! Era você mesma que estava procurando.

~•~•~•~•~

— Sakura aonde você está!!!???? — Gritou ao vento o Uchiha. — Não quero te perder. — Gritou novamente.

— Sasuke? — Uma voz feminina falou atrás de si.

— Konan? — Perguntou. — Mais uma não! — Disse mais baixo respirando fundo.

(Autora - Gente, só para deixar claro, eu NÃO ódio a Konan, eu gosto dela. Mas, eu não sei quem colocar pra ser uma ex peguete do Sasuke)

— Quanto tempo Sasu. — Disse com uma voz manhosa.

— Pelo amor da coisa mais sagrada na sua vida, não me queira! Já basta a louca da Karin! Porra! — Gritou a última parte.

— Calma amor. O que está acontecendo? — Perguntou.

— Não é da sua conta. Agora com licença, estou a procura da mulher da minha vida. — Disse e deu as costas. — Mais uma louca não!!! — Pensou.

Sasuke começou a andar meio desesperado. Corria como louco, para um lado e para outro. O pior era que aquele lugar era absurdamente grande.

O Uchiha já tinha ido a: Praia, piscina, praça, casa de festa, jardim, quartos, banheiro, sauna, spa, todos os restaurantes. Em vários lugares, enquanto ele estava em um, ela poderia ter acabado de passar pelo último que recinto que havia ido... Ah!

~•~•~•~

— Me deixa em paz! — Gritou a rosada.

— Não! — Gritou Karin. — Você destruiu tudo que eu tinha com o Sasuke.

— Eu não! Eu não tenho culpa se você foi idiota o suficiente para trair o Sasuke! — Gritou de volta. — Não me culpe pelos seus erros!

— Se você não existisse, ele agora seria MEU! Somente meu!!! — A louca começou a andar em passos fortes até Sakura.

A rosada ao menos desviara o olhar, e muito menos recuava. Não era mulher de ter medo de cobra!

— Não vai recuar? — Perguntou a ruiva.

— Recuar? De você? — Riu seca. — Acho melhor você voltar para trás! — Falou com deboche.

— Háhá! Você me dá vontade de rir Haruno. — Disse sarcástica.

— Sério? Acho que ninguém aqui pediu sua opinião Uzumaki. — O sangue começava a sair da cabeça. A raiva estava a quase a tomar conta do corpo de ambas.

— Cala a boca! — Gritou. — Eu vou acabar com a sua vida! Com sua irmã! — Era melhor não ter falado a última parte...

— Repita! — Gritou dando um murro muito bem dando em Karin.

Sakura era uma garota com uma força totalmente fora do normal!

A dor foi extrema no rosto pálido de Karin. Sentiu um gosto ruim na boca, talvez um gosto de ferrugem?

— Sangue? — Perguntou a si mesma a Uzumaki.

— Isso é pra você aprender a nunca mais ameaçar a minha irmã. — Gritou apontando o dedo na cara de Karin. — Da próxima vez, irei ataca-la sem pena!

A Uzumaki bateu a mão no dedo da Haruno.

— Você acha que vai me assustar com esse soco? A dor no meu coração é bem mais forte para eu me importar com a dor física que sinto. — Gritou. Logo Sakura sentiu um murro em seu rosto delicado.

— Doeu testuda? — Riu.

— Nenhum pouco. — Falou pulando em cima da ruiva oxigenada.

Sakura dava murros e socos no rosto de Karin. A rosada estava por cima da ruiva. A Uzumaki sinceramente não tinha muitas chances de bater na Haruno, primeiro, Sakura lutava muito bem, fazia anos que tinha aulas de lutas, e por último, era muito resistente. Mas isso não mudava que não era algo impossível, por isso a rosada acabou por ficar em baixo da ruiva, levando socos.

Porém, a posição foi invertida. O ódio da rosada já estava todo a tona, não tinha como pará-la agora.

— Vou te matar e vou levar a infeliz da tua irmã junto! — Gritou provocando a rosada.

— Eu já não te falei pra NUNCA ameaçar minha irmã? — Gritou aumentando o ritmo dos socos.

Sakura começou a ficar ainda com mais raiva, estava a ponto de explodir de ódio. A mesma começou a descontar toda a ruiva a sua frente.

Com um movimento rápido, Karin conseguiu segurar a mão de Sakura e gritar:

— Venham! — Gritou a ruiva.

Três homens de preto entraram no quarto. Karin soltou a mão de Sakura, grande erro. Nesse momento a Haruno deu um soco com toda sua força. Karin Gritou de dor, sentiu o rosto arder umas três vezes mais. Mas, que força absurda era aquela?

Quando Sakura se deu conta, e saiu do transe que a propósito a deixava com os olhos verdes brilhantes ela já estava sendo segurada por dois homens. E com a boca tapada. Logo a rosada desmaiou, o álcool no pano que estava em seu nariz a vez desmaiar...

— Vamos, levem ela para fora. — Disse.

Assim os homens fizeram.

~•~•~•~

O Uchiha sentou na grama da praça... sentiu uma leve vontade de chorar. Mas não iria! desde que o Uchiha se entendia por gente, nunca chorou, nem mesmo quando a Uzumaki a traiu, ele não se permitia ao luxo de chorar! Não chorou por nada na vida, essa não iria ser a primeira vez!

— Vamos Sakura, apareça... apareça meu anjo... — Falou jogando a cabeça na grama.

— Sasuke! — Gritou uma voz feminina. Era Ino.

Sasuke olhou para trás e se deparou com duas garotas e dois garotos, Naruto, Hinata, Ino e Gaara.

— Oi. — Disse desanimado.

—Meu Deus! Você não a achou!? — Perguntou Hinata. A mesma estava prestes a perder a calma, algo bem raro!

— Não... — Disse desanimado.

— Gente, tive uma ideia. — Disse Naruto.

— Diga! — Gritou levantou o Uchiha.

— Nós procuramos em todos os lugares possíveis. Mas, falta um, que mo caso é a porta de saída do hotel. a Sakura pode está indo embora agora. — Falou Naruto.

— Porra! Teve uma ideia que preste! — Disse Gaara.

— Vamo porra! O que vocês estão esperando? — Gritou o moreno que já estava correndo.

~•~•~

— Já pegaram a pirralha? — Perguntou Karin vendo o terceiro homem voltar.

— Sim. Ela está aqui. — Disse puxando um pano em cima de Sam que estava no colo do homem, desmaiada.

— Ótimo. Agora vamos embora. Vamos para minha casa. — Disse Karin andando rumo fora do hotel. — Vou acabar com a vida dessa vadia. — Gritou Karin.

Continua...


Notas Finais


ME DESCULPEMMMMM!!! EU SEI QUE O CAP FOI SÓ TRISTEZA!!!! Mas, sei lá, achei que precisava de algo forte, e então tive essa ideia. Mas, calma, os próximos talvez sejam bons. Amo vcs meus amores! Meus pudins!!!! Comentem e favoritem (SE QUISEREM! NÃO ESTOU OBRIGANDO NINGUÉM!)
Até o proximo cap!!! Beijos da LUA 😘😘😘😘😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...