História Além de uma Amizade - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Amigos, Amor, Drama, Reencontros, Romance
Exibições 7
Palavras 977
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Dois no ms dia???
Sim. Pq eu posso, quero e faço.
Pov sam

Capítulo 9 - Tu


Fanfic / Fanfiction Além de uma Amizade - Capítulo 9 - Tu

POV Sam
Acordei com o som do telemovel.
Ontem deve ter sido a melhor noite da minha vida. Fechei os olhos para recordar todos os momentos.

FLASBACK ON

-Tu não tens medo das alturas, pois não?- perguntou o Kiko ( era esse o nome dele) quando estávamos mesmo no topo da roda gigante.
-Claro que não tenho.- disse eu.
A verdade era que já não andava numa roda gigante há imenso tempo (desde os meus 15 anos), por isso já não me lembrava do distancia entre mim e o chão.
Olhei para o baixo e só de ver o quanto alto estávamos eu arrepiei-me. Cheguei-me mais perto do Kiko.
-Olha, vou ajudar-te. Não olhes para baixo.- disse ele.
-Ai é? Então olho para a onde?- perguntei.
-Para mim.
Nesse momento eu estava com a cara no sem ombro e olhei para ele. Ele estava a fazer um olhar muito sexy e eu senti o meu coração. Eu fiquei tão envergonhada que escondi a cara no peito dele.
-Não fiques timida.
-É que tu dizes essas coisas... E depois eu fico sem jeito.- expliquei encarando-o.
-Eu tenho esse poder. Eu gosto imenso de te ver envergonhada. Ficas muito bonita.
Eu voltei a corar e baixei a cabeça. Quando a voltei a levantar encontrei-me com o seu olhar.
Eu olhava-o.
Ele olhava-me.
Ele aproximou a sua cara da minha.
-Alguma vez te apaixonaste, Sam?- perguntou ele.
-Sim. Mas não valeu de nada.- disse eu desviando o olhar.
Ele segurou me no queixo, obrigando-me a olhá-lo.
-Ainda bem. Vou agradecer áquele idiota com mau gosto por me deixar o caminho livre para ti.- disse ele.
Eu ri pouco e aproximei me um pouco dele. Quando iamos quase beijar-nos a roda gigante parou.
-Podem sair.- disse o senhor.
Eu fiquei envergonhada. O Kiko riu-se e pegou na mão. Ficámos a andar sempre com as mãos dadas.
-Queres comer alguma coisa?- perguntou-me ele.
-Pode ser.
Fomos a uma barraca de cachorros quentes e pedimos dois.
-Então Sam, conta-me algo sobre ti.- pediu ele enquanto nos sentávamos num banco.
-O que queres saber?- perguntei.
-Cor favorita.
-Azul.- respondi.
-Serio? A minha também.- sorrimos um para o outro. - País favorito?
-Inglaterra, sem dúvida. Se for aceite em Oxford, vou para lá no final das férias.- disse.
-Então vou ter que ser rápido a conquistar o teu coração.- disse ele chegando-se ao pé de mim.
Eu fiquei corada (outra fez) e decidi entrar no jogo.
-E quem disse que já não o conquistaste?- falei a olhar para a comida.
Ele olhou-me surpreso.
-Estás a querer dizee que gostas de mim?- ele pos o braço á volta dos meus ombros.
-Bem, posso garantir-te que tenho uma queda por rapazes morenos de olhos verdes.- disse e olhei para ele.
-Parece que tenho vantagem, mas eu preferia que gostasses mesmo de mim.
-E porquê que não tentas?- desafiei-o.
-Desafio aceite.
Ele chegou-se perto de mim...
Até que o meu telemóvel tocou.
Era a Sasha.
"Sam, estou em casa. Eu não estou chateada contigo por causa do Fred. Eu sei que querias o melhor. Bjs Sasha."
Meu Deus! Com isto tudo esqueci-me da Sasha. Pela mensagem as coisas não devem ter corrido bem.
-Quem era?- perguntou o Kiko.
-Era uma amiga minha. Vim com ela e ela foi para casa. Esqueci-me plenamente dela.
-Pois. Quando a companhia é boa, o resto não importa.
-Talvez.- disse eu pondo as mãos no pescoço dele.- Mas podia tornar-se melhor, não achas?
Ele aproximou-se e beijou-me.
O beijo era tão bom quanto o primeiro que demos na praia. Apaixonado, lento...
Separámos-nos por causa da falta de ar.
-E que tal se formos ao resto do parque?- sugeriu ele.
O resto da noite foi incrivel.
Ficámos a saber imenso sobre nós os dois, andámos em várias atraçoes... E beijámos-nos imenso.
Ele trouxe-me de carro para casa e quando chegámosá porta do apartamento ele disse:
-Temos que repetir.
-Yh... Eu adorei.
-É normal. Estiveste com o teu namorado.
Eu fiquei com os olhos bem arregalados.
-Namorado?- perguntei a sorrir.
-Sam, quanto a ti eu não sei, mas desde aquele dia na praia que não paro de pensar em ti. Não foi por acaso que eu fui ter contigo.- ele pos a mão atrás da cabeça e olhou-me com aquele olhar mesmo sexy.- A verdade é que eu gosto muito de ti. E eu sei que não é apenas atração. O que aconteceu hoje provou que gostamos um do outro. Ou estou errado?
Eu estava tão feliz. Ele também gostava de mim.
-Eu também gosto muito de ti Kiko.
-Então... Queres namorar comigo?- disse ele a aproximar se de mim.
-Eu acho que já sabes a resposta.
E beijámos-nos.
E eu sem querer toquei na campainha. A Matilde abriu a porta.
-Olá?- disse ela sem entender.
Eu fiquei sem reação.
-Oi. Eu sou o Kiko. Deves ser a Matilde.
-Sim sou eu.
O Kiko olhou-me.
-Bem eu vou indo. Vemos-nos depois.- e beijou-me uma ultima vez.
Entrei em casa e a Matilde queria saber tudo. Quando acabei de lhe contar, fui para a cama com um sorriso!

FLASBACK OFF

Depois de recordar isto tudo fui ver quem me tinha mandado mensagem.
"Toca a acordar, princesa."
Era o Kiko.
"Almoçámos juntos?" perguntou ele.
"Claro. Á uma vem me buscar"
"ok"
Já não tinha muito tempo.

POV Fred.

-Então, chegaste a ver a Sasha?- perguntou o Fábio, enquanto almoçáva comigo no meu apartamento.
-Sim.- disse eu cabisbaixo.
-Xii... Fizeste asneira, não fizeste?
-Da grande.
-Conta.
Eu contei lhe tudo.
-Tu és estupido?- perguntou ele no final.
-Eu sei. Fiz asneira.
-Asneira? Fizeste bosta. Acusas a miuda, fazes com que ela se sinta horrivel... E ainda desvalorizas a vossa amizade.- enumerou ele.
-O que é que eu faço?
-No teu lugar não há muito a fazer. Apenas pedir desculpa.
Bastava saber se a Sasha ia me querer ver.

Notas Finais


O proximo sera um flasback! De quem??? Adivinhem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...