História Algumas histórias dos casais do santuário - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saint Seiya
Personagens Afrodite de Peixes, Aiolia de Leão, Aioros de Sagitário, Aldebaran de Touro, Camus de Aquário, Dohko de Libra, Eden de Órion, Hades, Haruto de Lobo, Hyoga de Cisne, Ikki de Fênix, Kanon de Dragão Marinho, Kanon de Gêmeos, Kouga de Pégaso, Miro de Escorpião, Ryuho de Dragão, Saga de Gêmeos, Saori Kido (Athena), Seiya de Pégaso, Shiryu de Dragão (Shiryu de Libra), Shun de Andrômeda, Shun de Virgem, Shura de Capricórnio, Souma de Leão Menor, Thanatos, Yuna de Águia
Tags Amor, Cavaleiros Dos Zodiaco, Cdz, Hades X Shun, Lemon, Romance, Yaoi
Visualizações 63
Palavras 2.071
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Lemon, Luta, Magia, Misticismo, Romance e Novela, Shonen-Ai, Sobrenatural, Survival, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Outra história linda, dessa vez narrada pelo nosso lindo ruivinho Kouga espero que gostem.

Capítulo 3 - História 2: Aioros x Aioria


Fanfic / Fanfiction Algumas histórias dos casais do santuário - Capítulo 3 - História 2: Aioros x Aioria

Pov Kouga

   -Pelo que minha mãe me contou dês de pequeno o tio Aioria sempre foi apaixonado pelo tio Aioros, mas não um amor de irmão e sim um amor de “homem” e “mulher”.... –Fui interrompido pelo Ryuho.

   -E quando o tio Aioria completou 13 anos o tio Aioros o pediu em namoro...

   -RYUHO! –O olhei bravo.

   -Ups, desculpa... –Ele colocou a mão na boca.

   -Quem que está contando a história? –Perguntei massageando minha têmpora.

   -Voxê. –Falou ele fofamente.

   -Então. Continuando...

Flash Back (Pov Aioria)

   Agora com meu 16 anos me tornei o cavaleiro de ouro de Leão. Sou totalmente apaixonado pelo meu irmão mais velho Aioros. Aioros e eu quando éramos crianças sempre ficávamos as escondidas, mas depois que assumimos nossas responsabilidades como cavaleiros de ouro o Aioros me pediu em namoro e claro eu aceitei.

   Sempre que tínhamos tempo fugíamos do santuário para um lugar onde podíamos ficar a sós. Eu já não sou mais virgem dez dos meus 10 anos (enfim, isso é uma história para outra hora).

   Já se passaram 7 anos que eu  o Aioros estamos juntos, eu estou com 20 anos e o Aioros com 24. Nós nunca escondemos nossa relação dos cavaleiros de ouro e nem de Athena, mas hoje que tínhamos planejado dar uma fugida foi marcada uma conferencia com os novos cavaleiros de bronze que ficaram no lugar dos cavaleiros que faleceram.

   E nessa conferencia foi solicitada a presença dos 12 cavaleiros de ouro e da equipe do Seiya. Eu estava ao lado do Aioros que de vez em quando dava um deslize acariciando as minhas costas ou meus cabelos, vez ou outra apertava minha bunda e em uma dessas um dos cavaleiros de bronze novatos nos viu e gritou:

   -QUE NOJO...

   -QUEM OUSA GRITAR NA PRESENÇA DA DEUSA ATHENA? –Perguntou o grande mestre.

  -EU. –Falou o cavaleiro. –MAS É CLARO QUE EU GRITARIA, O CAVALEIRO DE LEÃO E DE SAGITARIO ESTÃO QUASE SE COMENDO ALI.

   -TIREM ESSES ESQUISITOS DAQUI... –Gritou outro cavaleiro.

   -ABERRAÇOES... –Gritava vários cavaleiros em conjunto.

   Ouvindo aqueles insultos meus olhos começaram a encherem de lagrimas. Aioros ao perceber que eu estava a ponto de desabar em choro me puxou para seu peito e me tampou com as asas de ouro de sua armadura.

   -CALEM-SE... –Gritou Saori.

   -Calma meu amor. –Falou Aioria só para eu ouvir.

   -QUASE TODOS AQUI NO SANTUÁRIO SÃO HOMO ENTÃO FIQUEM QUIETOS. –Berrou Mascara da morte para os cavaleiros.

  -VERDADE. MASCARA E EU, MIRO E CAMUS, SHAKA E MU, HADES E SHUN, KANON E KANON, IKKI E... –Afrodite estava falando os casais quando o Ikki o interrompeu.

   -Ok, já pode calar a boca. –Falou ele baixo e só nós que estávamos perto ouvimos.

   -E não é Kanon e Kanon, é Kanon e Saga sua bixa nojenta. -Esbravejou Saga

   -Sou bixa mesmo e com muito orgulho. -O Afrodite estufou o peito e deu um largo sorriso.

   Depois disso o Aioros me tirou dali e a conferencia continuou. Fomos direto para a casa de Leão, eu entrei no meu quarto e me joguei na cama me cobrindo até a cabeça chorando baixinho.

   Senti o Aioros se sentar na beirada da grande cama de casal que tem no meu quarto e cruzar as pernas, ele colocou uma de suas mãos em meu ombro e me chamou com aquela voz tão linda que me faz estremecer.

   -Ei leãozinho... –Ele puxou o edredom que me cobria para fora da cama. –Não fica assim.

   -Assim como? –Perguntei me sentando em cima do joelho e esfregando um olho com as costas da mão.

   -Desse jeitinho triste. –Falou ele passando o polegar no meu rosto secando as lagrimas do outro olho.

   -Não to triste... –Falei serio.

   -Não minta para mim, te conheço muito bem Aioria. Eu sei que está triste. –Falou ele serio mostrando firmeza no que falava.

   -Eu sei que nosso namoro não é normal e tudo mais, mas eu te amo e não gosto quando nos insulta por nos amarmos. –Falei engolindo o choro que estava quase aparente.

   -Eu sei... –O Aioros me puxou para seu colo abraçando minha cintura e beijando meu pescoço.

   -Aioros... Eu quero dormir. –Falei arfando com seus beijos.

   -Dormir de armadura. –Falou ele sacana. Eu suspirei e fiz meu cosmo guardar minha armadura.

   O Aioros fez o mesmo com a sua e me jogou na cama ficando por cima de mim. Ele tirou a minha e a blusa dele desenhando meu corpo com suas mãos firmes. Eu puxava e saranhava seus cabelos castanhos escuros.

   Quando assustei já estávamos quase nus, nos beijando e trocando caricias ousadas. Aioros pode ser meu irmão, mas acima de tudo ele é meu amor, meu namorado, meu tudo.

Pov Aioros

   Athena está grávida de nove meses, o Seiya está um grude com a deusa já o Aioria está me evitando, e isso está me matando. Mas que raios eu fiz para ele me ignorar assim, mais que merda.

   Toda vez que eu vou para a casa de Leão para falar com meu irmão ele está acompanhado daquele bode fedorento. Isso já está me irritando, semana passada ele falou que queria terminar, não me diga que é por causa desse bosta do Shura!

   -Aioria de Leão. –O chamei assim que entrei na casa de Leão.

   -Ele está tomando banho. –Falou Shura sentado na poltrona do quarto.

   -E o que você está fazendo aqui? –Perguntei irritado e indignado.

   -Como você é lerdo Aioros. –Falou Shura suspirando.

   -Como assim? –Fiquei confuso agora.

  -Seu irmão está te evitando porque ele acha que você deveria ficar com uma mulher e ter uma família que se dizem normal. –Respondeu Shura se levantando e me encarando de igual para igual.

   -SHURA. –Gritou Aioria saindo do banho de... Armadura? Só ele mesmo. –O que você disse para ele? –Perguntou serio.

   -Nada. Tchau Aioria, seja inteligente Aioros. –Assim que o Shura se despediu ele saiu da casa.

   -O que ele te falou? –Perguntou Aioria.

  -Que você acha que eu deveria achar ma mulher e ter uma família normal. –Falei me sentando na beirada da cama cruzando as pernas.

   O Aioria abaixou a cabeça e já ia saindo do quarto para o salão onde ocorria as lutas. Eu burro nada fui atrás dele. Ele olhou para baixo vendo as casas de Câncer, Gêmeos, touro, Áries e depois para mim com os olhos marejando.

   -Aioros você está se privando de tanta coisa boa comigo... –Falou ele secando as lagrimas que teimavam em escorrer por suas bochechas. –Olha a Saori e o Seiya!

   -O que tem eles? –Perguntei sem entender.

   -Eles estão tão felizes pela chegada do Kouga. E você ficando comigo está sendo privado de ver seu filho nascer e crescer. –Falou Aioria de cabeça baixa.

   Eu fui me aproximando dele e antes dele se afastar puxei ele pela cintura para perto de mim. Coloquei minha mão esquerda em seu rosto o fazendo me encarar, seus olhos cheios de lagrimas e seu cosmo gritando que não queria me perder me mostravam o quanto ele me ama e eu o amo do mesmo jeito.

   -Aioria você é a única pessoa que eu amo, não quero ter filhos se isso significa te deixar. –Falei agora levando minha mão aos seus cabelos e dando um beijo em sua testa.

   -Mas Aioros...

   -Se você quer que eu tenha um filho te farei concebê-lo então. –Assim que falei o Aioria ficou completamente vermelho e eu o mandei um sorriso cafajeste.

   -Berta. –Disse Aioria agora me puxando para um beijo. –Me de a honra e me faça conceber seu filho. –Assim que ele falou o peguei no colo o beijando e caminhando desajeitadamente para o quarto.

Pov Aioria

   Mais quatro anos se passaram Kouga já havia nascido e estava com 3 anos, eu e o Aioros ficamos responsáveis por ele enquanto a Athena e os outros foram resolver alguns assuntos burocráticos (pelo menos não tivemos que ficar com o Ryuho, afinal ele não fica sem o Shiryu).

   Aioros estava em cima da casa do Grande Mestre olhando as constelações, eu curioso fui até ele. Quando o mesmo me viu me puxou para um beijo apertando minha cintura com posse. Ficamos daquele jeito até ouvirmos uma vozinha fofa que falava tudo errado.

   -Cicio Aioia adê voxê. CICIO AIOIA. –Me gritava Kouga descendo as escadas indo para a casa de Peixes me procurar.

   -Ele está te procurando cicio Aioia. –Falou Aioros achando graça do pequeno, me afastei dele que se virou para frente olhando para baixo onde o pequeno estava, já eu me agachei para descer do telhado.

   -Eu sei. –Falei e desci do telhado da casa do Grande Mestre. –Estou aqui Kouga. –Falei aparecendo na escada perto dele.

   -Cicio Aioia! –Assim que ele me viu veio correndo até mim com os bracinhos aberto pedindo colo.

   -Vamos, você tem que dormir. –Falei pegando o pequeno no colo caminhando para o templo de Athena indo direto para o quarto dele.

   Depois de muito custo consegui fazer o Kouga dormir coisa que não foi nada fácil. Pensa num pirralho com energia e ainda teve o Aioros que entrou no quarto quando ele estava quase pegando no sono. Kouga ficou gritando Cicio Aioos até dormir.

Pov Aioros

   Mais oito anos se passaram, estava quase na véspera do casamento do Shun. Na festa de noivado os viado do santuário soltou as frangas. Teve a valsa em que eu e o Aioria demos um show na pista.

   Depois o Afrodite veio com uma ideia de brincadeira, verdade ou desafio, como as crianças ficaram na responsabilidade do Grande Mestre e a gente já estava meio alcoolizados topamos. Primeira rodada Shaka e Aldebaran.

   -Verdade ou desafio Aldebaran? –Perguntamos todos juntos.

   -Ve *soluço* dade. –Respondeu Aldebaran

   -Aldebaran já pensou em se casar. –Perguntou Shaka.

   -Com um pedaço e pernil. –Respondeu Aldebaran completamente bêbado. Rodaram a garrafa coindo em Shun e Hyoga.

   -Verdade ou desafio Hyoga? –Perguntamos todos juntos.

   -Verdade. –Respondeu ele bebericando de uma lata de cerveja.

   -Hyoga como você se sentiu ao saber que o Miro seria seu “padrasto”? –Perguntou Shun.

   -Nos primeiros meses de namoro dele com meu mestre e pai de consideração eu queria matá-lo. –Rimos com a cara que o Hyoga fez e rodamos a garrafa foi à vez da Saori e Saga.

   -Verdade ou desafio Saga? –Perguntamos

   -Desafio. –Respondeu ele.

   -Fique de cueca no colo do Kanon o resto do jogo. –Falou Saori e assim o Saga fez. Rodamos a garrafa caindo em Afrodite e Aioria.

   -Verdade ou desafio? –Afrodite fez questão de perguntar sozinho.

   -Verdade. –Falou Aioria engolindo seco.

   -Com quantos anos você perdeu a virgindade. –Perguntou Afrodite sem rodeios.

   -Dez. –Respondeu Aioria virando o rosto corado e ele falou tão baixo que ninguém escutou.

   -Fala alto criatura. –Desse Afrodite ansioso.

   -DEZ. –Aioros gritou e todos ficaram de boca aberta.

   -Por essa eu não esperava! –Exclamou Ikki.

   -Chaga, isso é problema meu. –Falou Aioria vermelho igual pimenta rodando a garrafa.

   Foi Mu e Hades que escolheu desafio, depois Shiryu e Kanon que também pediu desafio, Miro e Ikki que escolheu verdade, Camus e Seiya que escolheu verdade, Aioria e Saori que falou verdade, Eu e Shun escolhendo desafio, Afrodite e eu que escolhi desafio e teve que dar um beijo apaixonante em Aioria, nada mal pra mim.

(Tempos atuais)

Pov Kouga

   -E aqui estamos hoje. –Falei finalizando a história.

   -Esqueceu de falar que depois eles se casaram, o tio Aioria foi morar com o tio Aioros na casa de Sagitário e vivem felizes até hoje. –Falou Ryuho completando o final.

   -Ai o tio Ikki assumiu a casa de Leão e bla bla bla. –Falei revirando os olhos.

   -É, é. A Kouga, com quantos anos você perdeu a virgindade? –Perguntou Ryuho empolgando.

   -12. –Respondi todo corado.

   -Ué, tem só um ano e seu pai sabe? –Perguntou o curioso.

   -Nem imagina, eu só tenho 13 anos, meu pai pira se descobri que eu a perdi com 12 e ma mandará achá-la. –Assim que terminei de falar o Ryuho começou a rir.

   -Ok, vamos para a próxima historia, conta essa você também. –Disse Ryuho se deitando com a cabeça no meu colo. –Você é ótimo pra contar incesto.

   -Você quer que eu conte a história do tio Saga e d tio Kanon? –Perguntei.

   -Claro! –Respondeu Ryuho sem pensar duas vezes.

   -Está bem. Dês de que o tio Kanon deixou de ser um General Marina e voltou a ser um dos cavaleiros de Gêmeos junto com o tio Saga...

VEJAM A PRÓXIMA HISTÓRIA NO PRÓXIMO CAPÍTULO


Notas Finais


Gostaram? Amanhã temos mais caps, só não sei de qual fic, mas vai ter. Talvez hoje eu não consiga postar uma de "A água que escorre e o fogo que queima" então se eu não conseguir portar hoje amanhã com certeza saí, um beijo e até a próxima.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...