História All I ask - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Ditadura, Drama, Luta, Romance
Exibições 0
Palavras 417
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Ficção Científica, Luta, Policial, Romance e Novela, Sci-Fi, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Prólogo - "O homem é o lobo do próprio homem"




Ditadura é um regime governamental onde todos os poderes do Estado estão concentrados em um indivíduo, um grupo ou um partido. O ditador não admite oposição a seus atos e ideias, possui poder e autoridade absoluta. É um regime antidemocrático onde não existe a participação da população.


Nos regimes democráticos, o poder é dividido entre Legislativo, Executivo e o Judiciário, já na ditadura, não há essa divisão, ficam todos os poderes apenas em uma instância. A ditadura possui também vários aspectos de regimes de governo totalitários, ou seja, quando o Estado fica na mão apenas de uma pessoa. Geralmente, a ditadura é implantada através de um golpe de estado.


Em uma democracia, as pessoas tem direitos básicos, como o de ir e vir, direito à vida e à liberdade de expressão. Tais direitos são assegurados pelo Estado, que também estabelece deveres a serem cumpridos pelo cidadão. No entanto, muitas vezes as pessoas são privadas de seus direitos pelo Estado, que é curiosamente composto por outras pessoas em uma espécie de hierarquia administrativa. Seriam então as próprias pessoas seus algozes? Nunca fui muito  fã de Hobbes, mas creio que ele nunca esteve tão certo.


Após um processo explosivo de globalização e apertura política e econômica, habitantes de vários países começaram a incomodar – se com o número de imigrantes e a falta de representatividade de seu governo. Surgiram, então, figuras fortes, que prometiam trazer a glória de volta ao país. Países começaram a desligar – se de blocos económicos e, pouco tempo depois, as fronteiras foram fechadas.


Para garantir a “segurança” da população condomínios fechados ficaram cada vez mais comuns, porém esses eram controlados pelo governo local. Não preciso nem citar quem tinha acesso a eles. O resto passou a morar em pequenos alojamentos que pareciam fortalezas ou esconderijos militares. Conforto não tinham. As escolas tornaram – se internatos e o alistamento obrigatório passou a abranger as mulheres também. Aos 18 anos, todos os jovens deveriam se apresentar em uma sede das forças armadas em sua cidade e passar por um longo exame.


E era nessa situação que eu me encontrava...


Ano passado, toda a população foi remanejada em setores habitacionais por função ou renda, sem qualquer aviso prévio. Quando o dia amanheceu, militares estavam em nossas portas com uma ordem de despejo. Agora, meus amigos estavam ou servindo ou no colégio, do qual acabei de sair. As universidades só recebiam jovens que estavam servindo seu país. Não havia escapatória.


Após meu tempo de devaneio e espera, a porta de abre.


 


Notas Finais


Comentem se gostaram da história ou se têm qualquer sugestão, estou aberta a novas ideias.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...