História All I Want - Camren - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony, Shawn Mendes
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais, Shawn Mendes
Tags Ally, Camila, Camren, Dinah, Lauren, Normani
Exibições 46
Palavras 1.255
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey, primeiramente eu queria dizer que se tiver algum leitor aqui de "perfect soulmates" saibam que eu irei postar novos capítulos em breve, eu parei porque aconteceram algumas coisas e eu não tive tempo de postar capítulos, estou preparando novos capítulos para postar talvez ainda esse mês.
Esse capítulo é mais explicando a história e tudo mais, por isso ele é mais curto do que todos os outros capítulos que terão.

Capítulo 1 - Um novo começo


Fanfic / Fanfiction All I Want - Camren - Capítulo 1 - Um novo começo

- CAMILA, PEGA AQUELA CAIXA GAROTA.- gritou minha mãe mandando eu buscar a última caixa da caminhonete, eu nem acredito que me mudei, mesmo que esteja sendo difícil eu não aguentava mais aquela cidade parada, a única coisa que me faz sentir saudades de lá é o meu pai, o Shawn e a Ally, meus melhores amigos.
- Pronto mãe.- falei largando a caixa e logo vi que quebrei minha unha.- PORRA! - corri para o meu quarto carregando duas caixas, meu quarto era o ultimo do corredor, era um pouco afastado dos outros quartos, o que era muito bom.
Entrei no quarto e joguei as caixas no chão sentindo um certo alívio por já ter largado aquelas caixas pesadas, havia um sofá encostado na janela que dava para a casa dos vizinhos, o mais legal (ou não) disso é que dá pra janela de algum quarto. Arrumo minha enorme cama de casal e pego minha lixa de unha. Eu precisava arrumar aquele estrago que as caixas fizeram às minhas unhas. Peguei minhas roupas e aproveitei para arrumar meu guarda roupa que estava vazio. 
A minha mãe me avisou que de noite ela iria fazer um jantar para a vizinha que é amiga de infância dela, quem sabe essa vizinha mora na casa que eu consigo ver da minha janela, quem sabe ela tem um filho bem gato que me faça esquecer o Shawn e o beijo que eu o dei.
Separei uma calça jeans branca com alguns cortes na coxa e um cropped salmão, eu tenho que impressionar. 
Abri a porta ao lado do meu espelho, que por sinal é enorme, e entrei no banheiro, arrumei minhas coisas, escova de dente, toalhas... Já estava quase na hora do jantar, tomei um banho delicioso naquele chuveiro que parecia uma massagem, cada pingo que caía daquele chuveiro era delicioso. 
Me sequei com uma toalha rosa com meu nome bordado, provavelmente minha mãe quem fez, me vesti e pintei minhas unhas de rosa. Desci até a cozinha para ver se minha mãe precisava da minha ajuda e como sempre ela disse que não, e disse também para mim abrir a porta quando eles chegassem, ah mãe eu faria isso até se você não pedisse. 
A campainha toca e eu abro a porta, minha mãe correu para nos apresentar a família da amiga dela. 
- Camila e Sofi, esses são os nossos vizinhos, Lauren, Chris e Taylor. 
Nós demos um aperto de mão em cada um deles, TINHA UM GAROTO NA FAMÍLIA mas por incrível que pareça eu não conseguia tirar os olhos era da garota, Lauren.
Nos sentamos na mesa, Sofi sentou do meu lado, Lauren na minha frente e o garoto lindão do lado dela.
Terminamos de comer minha mãe mandou a gente ir para cima. Eles foram comigo para o meu quarto.
- De quem é o quarto que eu consigo ver da minha janela? - perguntei torcendo para que o garoto dissesse que era o dele.
- É o meu.- disse a garota dos olhos verdes, Lauren.- você tava torcendo para ser o do Chris né? 
- Que? Eu? Jamais.- disfarcei. 
Sofia ficou na sala com a Taylor, ela saberia como me tirar dessa situação até porque ela ama falar no Shawn. 
- E então, o que tem de bom aqui?- perguntei.
- Nos primeiros dias você vai desejar nunca ter se mudado para esta cidade.- disse Chris, é meio impossível eu desejar isso tendo você como vizinho querido.
Meu celular começou a tocar, Chris foi no banheiro e eu e Lauren ficamos sozinhas no quarto, eu atendi a ligação. 
Shawn: Oi meu amor. 
Eu: Oi Shawn. 
A garota revirou os olhos, óbvio que eu não entendi mas segui conversando com Shawn.
Shawn: Tá ocupada?
Eu: Na verdade eu to sim, tava conhecendo meus vizinhos mas se for importante pode falar.
Lauren riu da minha grosseria.
Shawn: não é importante, amanhã a gente se fala neném. 
Eu desliguei o celular e Lauren teve um ataque de riso.
- Era seu namorado? - ela perguntou ainda rindo.
- Não.- falei soltando uma risada.
- Você foi tão grossa com ele.- a garota continuava rindo da minha situação. 
- É que eu tenho medo de sentir falta dele.
- Ah claro.
Chris entrou no quarto e se sentou ao lado de Lauren, não demorou muito para que ele quisesse ir para casa jogar LOL.
- Ele é viciado nesses jogos.- disse Lauren enquanto analisava meu quarto.- você toca?- ela apontou para meu violão cor de madeira. 
- Sim, eu amo música. 
- Jura? Eu também, qual sua banda favorita? 
- Eu sou apaixonada por One Direction e você?
- Eu não tenho uma banda favorita mas eu curto muito as músicas da Lana.- ALERTA DE VOU TER UMA MELHOR AMIGA PIPIPIPI meu deus essa menina é incrível.
- E então, você estuda na escola que eu vou estudar, me conta como é mais ou menos lá.
- Para ser sincera é bem ruim, eu ia mudar se escola esse ano mas minha mãe ficou sabendo que vocês viriam e não deixou eu mudar. 
- Meu deus, desculpa.- interrompi a morena.
- Ah eu nem ligo pra isso, eu acho que aguento mais um ano. Amanhã tem uma prova importante de história, o professor é um bundão que vai te obrigar a fazer, é melhor você estudar um pouco, quer meu caderno? - ela parecia tão interessada em me ajudar, era bem anormal, geralmente as pessoas me acham uma pé no saco metidinha. 
- Obrigada.
A morena correu até sua casa, ela passou pela janela do seu quarto e acenou para mim, pegou o caderno e voltou para a minha casa, eu vejo tudo que acontece no quarto dela, vai ser bem estranho se eu estiver acordada quando ela estiver com alguém lá. Eu peguei o caderno de Lauren e li algumas páginas, eram matérias que eu já havia estudado na antiga escola, tive até uma prova, mas aqueles olhos verdes brilhando olhando para mim com tanta bondade me impediam de dizer não para aquela matéria. Já estava tarde, a mãe de Lauren foi até o quarto e chamou ela, eles saíram e a mamãe gritou por mim. 
- O que vocês estavam fazendo? - ela perguntou aparentemente preocupada.
- Nada ué, a gente estudou um pouco para a prova que tem amanhã, só isso.- às vezes minha mãe é super protetora demais e isso me preocupa.
- Ah bom, é que a Lauren é...- nossa, se a minha mãe disser que ela gosta de garotas eu vou fazer um escândalo, meus pais sempre foram muito homofóbicos, não que eles fiquem bravos de ver gays na rua, mas se eu ou a minha irmã fossemos lésbicas ou bissexuais nós seriamos uma desonra.- bissexual, ela gosta de meninos e...
- Mãe, não precisa continuar por favor. Nós não fizemos nada. 
Eu subi as escadas com um pouco de rapidez, agora minha mãe vai encarnar em mim por causa disso, eu não vejo problema nenhum em ela ser minha amiga, eu não sou nem um pouco homofóbica, na verdade eu sou super defensora dos homossexuais, meus pais até me chamam de 'homodefensora'.
Coloquei meu pijama de bolinhas azuis e olhei na janela, Lauren tava sentada no peitoril olhando para cima, a Lua está incrível, Lauren ainda não se trocou. Ela percebeu que eu tava olhando e acenou, com um pouco de vergonha acenei de volta e fui me deitar, estava tarde e eu precisava ter energia para a prova. 

 


Notas Finais


Camila toda hetero af, ainda não tenho um dia fixo para postar. Espero que tenham gostado, se puderem comentar o que estão achando eu ficarei super feliz. Beijinhos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...