História All I Want - L3ddy - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Christian Figueiredo, Lucas "Luba" Feuerschütte, Lucas "T3ddy" Olioti, Mauro Nakada
Personagens Christian Figueiredo, Lucas "LubaTV", Lucas Olioti, Mauro Nakada
Tags Drama, L3ddy, Novela, Romance
Exibições 51
Palavras 624
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Talvez esse seja um dos únicos capítulos narrados pelo Luba, porque eu meio que acho que a história vai ficar melhor e mais "divertida" desse jeito, mas relaxem, lá pelo final da fic o Luba volta :v Boa leitura ❤

Capítulo 7 - Luba



Mais um dia normal, lendo os comentários no YouTube, gravando snaps, editando vídeo, organizado as coisas da LubaFest, conversando com meu namorado, respondendo fãs no Twitter...

Tudo igual todos os outros dias e muito normal enquanto descia os tweets pela timeline, até que acabo vendo um dos tweets de T3ddy:

"Minha vida seria tão mais fácil se eu não gostasse de você"

Fico um tempo parado observando a frase sem saber exatamente o que pensar.

"A indireta não é pra mim, nunca são. Nem ao menos sei porque essa ideia se passa pela minha cabeça" Minha consciência me alerta e eu suspiro enquanto concordo com cada palavra mentalmente.

É tão estranho te ver na minha timeline e não responder seus tweets como antes...

É estranho até para mim que eu tenha conseguido me afastar de repente. Não que tenha sido fácil me afastar, mas me surpreende que eu tenha conseguido...

Agora não parecemos mais amigos. Agora somos apenas estranhos próximos.

Ou quem sabe nem sejamos mais próximos...

Não sei o que anda acontecendo na sua vida. Bem, sei mais ou menos porque de vez em quando falo com Mauro e ele me diz algumas coisas sobre você e como está.

Ele sempre diz que você está estranho, desanimado, quieto e triste...

Sinto que a culpa disso é toda minha... Na verdade, eu realmente sei que é...

Sei que você não queria se afastar. Sei que não queria me perder. Sei que ainda me queria por perto. Mas eu não deixei. Não deixei que as coisas fossem desse jeito.

Você continuava insistindo, ficava me ligando, mandando mensagens, tweets, qualquer coisa do tipo, e você não tem noção o quanto doía me segurar para não responder uma das mensagens.

Por que eu sabia que se respondesse uma, não conseguiria parar. Não conseguiria te evitar. Não conseguiria te deixar para trás.

Mas um dia você parou. Parou de tentar manter algum contato comigo. Cansou de insistir. Canso de não saber o porquê de eu estar tentando te esquecer.

Talvez você tenha percebido que eu não iria responder tão cedo. Que queria uma certa distância de você...

Eu sei que queria isso, mas... Mas eu me sinto tão culpado por isso... Me sinto horrível por ter te feito uma coisa dessas.

Talvez eu ainda sinta a sua falta mais do que deveria sentir...

Afinal, não é como se eu não me importasse contigo. Não é como se eu tivesse te esquecido, pois, não conseguiria fazer isso nem que tentasse. E olha que eu realmente tentei.

Tentei te esquecer, deixar tudo pra trás, só olhar pra frente... Mas não funcionou...

Sinto muito se parece que estou distante, que não me importo mais, que não te quero por perto, ou até mesmo que eu não quero mais ser o seu amigo. Mas eu também não posso permitir que você fique perto demais e acabe me machucando, assim como já fez várias vezes antigamente sem nem ao menos saber...

Sabe, eu sinto muito por ter ido embora.

Sinto muito por ter te deixado confuso.

Sinto muito por quase não nos falarmos mais, apenas quando nos encontramos pessoalmente.

Mas eu não posso continuar fingindo que está tudo bem.

Dói pensar em você e ir me lembrando do que passamos juntos.

Dói lembrar que já senti algo mais.

Dói me lembrar "daquela" noite.

Dói saber que você fica se culpando, achando que fez algo errado para eu me afastar.

Mas saiba que a culpa não é sua por não se lembrar do que houve naquele dia. A culpa é minha por ter visto coisas demais onde não existiam. Por ter visto e sentido coisas que significaram muito para mim, em algo tão bobo que com certeza não significaram nada daquilo que sempre achei...


Notas Finais


Sei que ficou bem curto, mas eu tava com medo de prolongar mais o capítulo e acabar revelando algumas coisas que quero guardar durante um tempo, hehe. Enfim, o que acham que aconteceu entre o T3ddy e o Luba que o urso não lembre? Acham que o nosso ser de cabelo rosa vai responder alguma das mensagens de T3ddy daqui para frente? Quero saber a opinião de vocês e espero que tenham gostado 💕💕💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...