História All Of Me - Capítulo 55


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Tags Drama, Justin Bieber, Rock, Rock And Roll, Romance, Shows, Tour
Visualizações 646
Palavras 1.316
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Mistério, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


// Apenas um Susto

Boa tarde e boa leitura.

Capítulo 55 - Just A Fright


Fanfic / Fanfiction All Of Me - Capítulo 55 - Just A Fright

Justin Bieber

Haviam se passado horas desde o desmaio de Sophie e eu estava prestes a enlouquecer. Rome e eu brigamos feio na entrada do hospital e agora estávamos sendo observados por um segurança. Ninguém havia aparecido para nos informar sobre o estado de saúde da minha esposa e a minha vontade era invadir a sala que ela estava para poder ver com meus próprios olhos como ela estava se sentindo e se o nosso filho estava bem. Jurei a mim mesmo que se algo acontecesse com os dois eu me mataria. Errei ao aumentar o tom da minha voz e indicar que ela estava brincando para chamar a atenção, estive tranquilo durante muito tempo e voltei a agir como o antigo Justin no momento que eu deveria ter sentado para esclarecer as coisas com Sophie. Rome tinha toda razão ao dizer-me que eu era um covarde e que agi como um moleque gritando com ela ao invés de explicar que Kristen e eu não tínhamos nada e que Ryan estava transando nela.

— Eu vou invadir todas as salas até encontrá-la se eles não aparecerem em cinco minutos. — comentei com a voz alta e Rome se aproximou.

— Se precisar de cobertura estarei aqui.

— Desculpa pelo que aconteceu lá fora cara.

— Estávamos com a cabeça fria, o que importa agora é saber como Sophie e Lorenzo estão.

— A mãe de Sophie já chegou a minha casa para olhar Melanie?

— Sim, ela queria vir, mas como não tinha ninguém para ficar lá ela teve que conformar e está aguardando a sua ligação assim que tivermos informações sobre Sophie.

— Vocês estão com Sophie Davis Bieber? — questionou uma voz feminina e viramos imediatamente.

— Sou o esposo dela e ele o irmão. Como ela está? Por que demoraram tanto tempo para nos dar notícias?

— Gravidez requer um cuidado especial, principalmente quando a gestante corre o risco de perder a criança, como foi o caso de Sophie, mas ela está bem e no momento encontra-se dormindo devido ao remédio que tomou quando deu entrada ao hospital.

— Como meu filho está?

— Os dois estão bem, graças a Deus. Sophie precisa de repouso total durante um mês e não poderá passar raiva, pois corre o risco dela sentir-me mal novamente e perder o bebê.

— Podemos ir vê-la?

— Será possível a entrada somente do esposo no momento, mas assim que ela acordar o senhor também poderá entrar.

— Justin, assim que ela acordar venha até aqui.

— Tudo bem. — assenti e acompanhei a enfermeira até o quarto que Sophie estava.

A enfermeira saiu com um sorriso de confortou e fechou a porta, deixando-me sozinho com minha esposa. Sophie dormia serena e senti um alívio no peito. Aproximei-me e arrastei a cadeira para perto da cama. Dei um beijo em seus lábios e em sua barriga e sentei-me, segurando em suas mãos.

— Eu sinto muito por ter causado isso meu amor. — sussurrei com a cabeça sobre a cama. — Eu deveria ter pedido para que você se acalmasse e sentado com você para esclarecer tudo. Ryan está transandocoma Kristen, por isso ela esteve no Brasil conosco. Quando sairmos deste hospital, irei até a casa dele e socá-lo por ter convidado ela. Eu nunca enganei você e isso nem passa pela minha cabeça,  sou o cara mais realizado do mundo e não seria capaz de trocá-la por outra mulher. Você, Melanie e nosso Lorenzo são tudo pra mim, se quiser nunca mais olhar na minha cara por isso, eu não vou impedi-la, eu só peço que não acorde nervosa, pois você precisa estar calma para nosso filho ficar bem. Graças a Deus vocês dois estão bem, mas a enfermei disse que você precisará de repouso total no prazo de um mês para que nada de ruim aconteça. Quando você acordar iremos programar uma viagem para o Canadá, eu sei que você adora a minha mãe e ela iria amar a nossa estadia durante este prazo que o médico determinou. Prometo que tudo ficará bem e que nada e ninguém estragará a nossa felicidade.

— Se você bater no Ryan eu matarei você. — disse ela baixinho.

— Você é ridícula. — falei erguendo a cabeça e encontrando seu olhar. — Eu falo tudo isso, e você pensa apenas em defender Ryan? — perguntei fazendo drama.

— Jura que não aconteceu nada no Brasil?

— Kristen é a minha versão feminina. — sorri — Eu não vou mentir para você, mas há muito tempo atrás eu fiquei com ela, mas agora ela está ficando com Ryan e provavelmente no próximo mês estará com outro cara de uma banda qualquer. Ela é garota para diversão, você é a minha garota para a vida toda. Não me olhe assim estou sendo sincero com você.

— Você nunca quis ficar com ela novamente?

— Quando a reencontrei eu estava apaixonado por você.

— Então vocês se viram antes da festa de Beatrice?

— Lembra-se da época que você namorava Christian e viajou com ele?

— Sim, infelizmente eu me lembro.

— Lembra-se também da sua ligação? — ela assentiu e eu prossegui — A voz que você escutou era a voz de Kristen. Ryan percebeu que eu estava pra baixo e chamou umas amigas dele para seu apartamento, fazia tempo que eu não tinha notícias dela e fiquei surpreso ao vê-la, mas ao mesmo tempo feliz. Confesso que acabei levando-a para o meu apartamento, mas quando recebi a sua ligação eu não conseguia respirar. Senti tanto ódio quando você disse que ele tinha te pedido em namoro que a minha vontade era matá-lo. Eu praticamente implorei para você não desligar o celular, mas quando você me disse aquilo eu mesmo encerrei aquela estúpida ligação. Eu fiquei arrasado e Kristen assustada. Ela nunca tinha me visto apaixonado, aliás, eu nunca tinha me apaixonado antes. Kristen desculpou-se por você ter escutado a voz dela, acredita? Ela me obrigou a ir atrás de você, mas você se lembra do quão orgulhoso eu era.

— Estou me sentindo horrível.

— Não se sinta, confesso que gostei de vê-la com ciúmes, isso não tinha acontecido ainda.

— Como não? Meu sonho era matar aquelas vagabundas que você dormia.

— Mas não estávamos juntos, saber que você sente ciúmes do seu esposo é algo sexy.

— Você é um tremendo idiota.

— Falando em idiota, vou chamar Rome antes que ele invada.

— Não fale assim do meu irmão.

— Nós brigamos feio na entrada do Hospital quando chegamos com você desmaiada. — comentei gargalhando.

— Eu não acredito. — lamentou fechando os olhos.

— Um segurança estava nos vigiando na sala de espera. — contei sorrindo e ela revirou os olhos.

— Vocês foram estúpidos.

— Cabeça fria, mas agora está tudo bem.

— Se vocês dois estão aqui, onde Melanie está? Pelo amor de Deus, não me diga que deixou ela sozinha em casa. — perguntou assustada e eu sorri.

— Claro que não, sua mãe está com ela. Vou chamar Rome e telefonar para que ela saiba que você está bem, daqui a pouco eu volto.

— Tudo bem.

Observei Rome caminhar em direção aos quartos rapidamente enquanto digitava o número da minha sogra para avisá-la que Sophie estava bem. Ela atendeu no primeiro toque e exigiu falar com sua filha, interrompi a conversa dos irmãos e ela falou com sua mãe durante longos minutos. Permanecemos conversando por mais algum tempo até Rome voltar para nossa casa. Acariciei a cabeça de Sophie até ela cair no sono e fiquei admirando-a até o raiar do dia. Eu amava observá-la dormindo para ver seu cabelo bagunçado e rosto amassado quando acordava. Sophie deveria ser a oitava maravilha do mundo de tão perfeita que era. Ela acordou por volta das nove da manhã, quando o médico veio avaliá-la. Doutor Adam anotou algumas coisas em um papel e entregou-me dizendo que Sophie deveria tomar dois tipos remédios por uma semana e retornar ao hospital quando terminasse para que ele pudesse avaliar a situação do bebê. Era um procedimento normal. Segundo ele, Lorenzo estava bem e tudo não passou de um grande susto. Voltamos para casa no mesmo dia.

 


Notas Finais


Também no wattpad: https://www.wattpad.com/story/92230802-all-of-me
Playlist da fanfic: https://open.spotify.com/user/itsdanicarol/playlist/4LZrG8EZDhRRsfWph1ha99


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...