História All Of Me - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony, Stereo Kicks
Personagens Barclay Beales, Casey Johnson, Charlie Jones, Chris Leonard, Jake Sims, James Graham, Lauren Jauregui, Reece Bibby, Tom Mann
Tags Antisocial, Briga, Depressão, Drama, Ironia, Rock, Romance, Sarcasmo
Exibições 13
Palavras 2.877
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oiiee!
Bom,primeiro quero agradecer a todos vocês que estão lendo isso,sério muito obrigada! Nunca pensei que alguém leria essa fanfic!
Segundo já aviso que esse capítulo tem um SUPER HOT,então se você não gosta não leia!
Terceiro,a partir desse capítulo acredito que vai melhorar toda a história,e claro,ainda tem muuuita coisa pra acontecer..
Boa Leitura seus lindooos!! <3

Capítulo 12 - I Want You Girl



....


Eu estava na sacada do meu quarto. Olhando a chuva cair,até que vejo Lauren chegar no carro do Reece. Ela me viu ali e eu fiz sinal para ela vir até aqui..

Depois de uns 3 minutos ela bateu na porta..


-Me chamou? 

-Sim,entra.. -disse ainda fitando lá fora.-..vem cá..

-Vai me atirar da sacada?-perguntou ela rindo-

-Poderia mas não vou fazer isso..-respondi irônico igual a ela.-

-Uau..que lindo,não sabia que você podia ver toda cidade daqui..-ela falou se aproximando da sacada,com as mãos ali. Eu não sei porque mas a abracei por trás,com as mãos em sua cintura. Ela me olhou rápido sem entender.

-James..

-Shh..relaxa,só fica aqui comigo..-certamente ela achou que eu estava bêbado.

Levei o rosto ao seu pescoço e a beijei,pelo pouco que estivemos juntos,eu sei que ali é seu ponto fraco.

Ela levou a cabeça um pouco para trás,e se arrepiou quando eu deixei escapar um pouco da minha língua quente.

Ela tinha um cheiro tão bom...


-Lauren deixa eu te fazer minha..-okay acho que ela não estava esperando ouvir isso.-


Lauren On


James me chamou assim que cheguei,eu fui ao quarto dele e ele ainda estava lá na sacada.


......


-Uau..que lindo,não sabia que você podia ver toda cidade daqui..-eu disse me aproximando da sacada,com as mãos no local. Me assutei com as mãos do James me abraçando por trás,com as mãos na minha cintura. Eu o olhei rápido sem entender.

-James..

-Shh..relaxa,só fica aqui comigo..-Eu não sabia muito bem o que dizer,então fiquei calada. James levou o rosto ao meu pescoço e me beijou ali,no meu ponto fraco.

Levei a cabeça um pouco para trás,e me arrepiei quando sua língua quente me tocou.

Realmente aquilo era bom.


-Lauren deixa eu te fazer minha..-eu fiquei completamente sem saber o que dizer nesse momento..Mas tentei falar algo.

-James eu não sei se você é..

-Lembra quando eu disse aquele dia que queria que você fosse minha?

- Eu pensei que estava..

-Bêbado? Eu estava mas eu lembro,realmente quero você..-ele me virou pra ele nesse momento,me pegando pela cintura,cara a cara comigo.

Eu continuei sem saber o que fazer,então abaixei a cabeça.

-..Se você quiser é claro..-continuou ele. Logo veio em minha cabeça...

"Qual é ta tendando fazer eu transar com você? Porque se for está enganando,isso nunca vai acontecer.."

"Se liga,acha que eu James Graham transaria com você?"


Voltei dos meus pensamentos,e tive que admitir que eu também queria aquilo. 

James já estava bem animado. Ele beijava meu pescoço enquanto descia uma mão "boba" em minha bunda. 

Ele me desejava,ele queria que eu fosse dele. Era realmente estranho,se nos odiamos ou algo parecido,porém,deixei minha timidez de lado,puxei coragem não sei daonde e o olhei em seus olhos.


-Sei que é uma loucura,que você não é o cara com que eu imaginei fazer isso,que depois vai ser tudo como antes e que nós nos odiamos..-sorri-..mas eu confio em você e também quero você...me faça sua James..-sussurrei no seu ouvido,mordendo a orelha dele e depositando um beijo quente e ao mesmo tempo tímido em seu pescoço.


James On


Depois daquilo foi o suficiente para eu literalmente ficar duro. Lauren me fez arrepiar fácil,o que essa garota faz comigo,eu não entendo.  

Eu a levei até o quarto,levando-a para a cama onde deitei por cima dela carinhosamente. Minha vontade era de arrancar toda roupa dela com a minha masculinidade toda,mas não podia,tinha que ser um momento único pra ela,era sua primeira vez,e eu queria que fosse especial apesar de eu não ser o cara certo pra ela.

A primeira coisa que fiz foi tirar a jaqueta que ela usava junto tirei a minha,e minha camisa também. 

Tirei uma mão de sua cintura subindo por seus braços que se arrepiaram imediatamente me fazendo sorrir. Acariciei seu ombro e seu pescoço,até que cheguei em sua face que mantia os olhos fechados,acariciei suas bochechas e em seguida segurei seu rosto e praticamente a obriguei olhar para mim. Ela fechou os olhos e antes percebi seus olhos lacrimejarem me fazendo ficar um pouco preocupado.


–O que foi Lauren? -eu perguntei baixinho enquanto fazia carinho em sua cintura com o polegar.

–Eu...não sou como as garotas que está acostumado a pegar James.. -ela abaixou a cabeça,eu sorri. Ela tem vergonha do seu corpo, uma voz ecoou na minha cabeça,muitas vezes ela disse que era "gorda" ou algo assim.

 A rebelde,durona e inabalável,na verdade era apenas uma garota insegura de si e no fundo sensível.


-Você é maravilhosa do jeito que é..-beijei seu resto. Da onde aprendeu a ser tão romântico assim James ei? Que gay! Okay relaxa..

Fechei os olhos respirando fundo tentando controlar meus próprios desejos. Certamente eu havia sido o primeiro a beija-la e seria o primeiro a possui-la,a ideia de estar dentro dela fazia eu me excitar cada vez mais,confesso.

 Sai de meus pensamentos e acariciei seu rosto novamente.

Ela tentou se afastar de mim me empurrando de cima de si.

Eu a segurei firme colando mais nossos corpos e a percebi ofegar. Ela não me olhava,ela podia fitar o chão,mas não me olhava.

 Depositei beijos pelo pescoço dela e deixei minha língua deslizar por ali.

Levantei seu rosto levemente. Corri minha língua depositando leves beijos em seu queixo. Colei minha testa na dela e levei uma mão até sua nuca, aonde fiquei acariciando.


–Hey,olha pra mim...-eu falei, em seguida passei a língua pelos lábios entreabertos dela. 

Eu realmente não sei da onde está saindo o meu auto controle. Nunca fui tão "romântico" , eu não sou assim!


-Por favor,olha pra mim...-então ela abriu os olhos lentamente. Os olhos antes limpidamente verdes claros estavam um tom mais escuro,ela realmente queria aquilo,ela só estava com vergonha. 

 Eu respirei fundo e continuei acariciando sua nuca.

Levei minha mão ao zíper do seu vestido e a olhei como se estivesse perguntando se podia tirar o mesmo,e ela acentiu,graças a Deus ela acentiu me dando completa permissão de tirá-lo.

Abri lentamente o vestido dela que corou assim que eu o tirei por completo. Lauren era muito gostosa,não entendo por que a vergonha,ela tinha algumas "gordurinhas" mas isso realmente não me importa. Ela era perfeita só que do jeito dela.

Depois de deixá-la somente de lingerie eu não consegui me controlar mais e puxei sua nuca em direção a minha e a beijei novamente. 

Passei a língua por seus lábios pedindo passagem que me foi cedida.

Paramos o beijo por falta do maldito ar. Eu olhei pra ela que agora tinha os olhos abertos e arfava.


–James é loucura.. -ela disse e me parecia que ela tentava convencer a si mesma.

–Vamos aproveitar esse momento Lauren..Sei que você quer..

–Mas James..

–Shh... –eu disse baixinho em seu ouvido e em seguida mordi o lóbulo de sua orelha quando ela tentou se afastar de mim novamente. 

-Não faz isso Lauren,não se afasta de mim... Eu preciso de você ... Me deixa te fazer minha..- eu disse e fiz uma leve pressão em seus quadris com o meu e ela soltou um leve gemido –...não pensa, só me deixa te fazer minha você mesma me disse que quer isso..-olhei para ela que sorriu leve ao soltar o ar pesadamente e me olhar. Passava os braços ao redor dos meus ombros,a vi aproximar o rosto de meu ouvido com a respiração quente dela.

-Só me promete duas coisas James..- ela falou baixinho e depositou um beijo tímido em meu pescoço. 

-Fala..

-Que você não vai machucar e principalmente que não vai contar pra ninguém..

-Lógico que não Lauren..não vou te machucar e esse assunto é apenas nosso..-sorri e a beijei novamente,dessa vez um beijo cheio de desejo por ambas as partes, ela puxou minha nuca para mais perto fazendo qualquer distancia que ainda existia entre nós sumir.

Nunca tirei a virgindade de uma garota então eu tentava me manter focado,era a primeira vez dela. Deixei a sua boca,e levantei pra tirar minha calça,eu estava apenas de boxer agora. Desci minha boca para seu pescoço novamente e senti a pele sensível se arrepiar sob meus lábios.

 Eu realmente queria dar prazer a ela,faze-la ver o quão linda e sensual ela era, queria faze-la se sentir única. Desci meus lábios pelo colo dela.

Meus pensamentos apenas me excitavam cada vez mais. Olhei para o rosto dela e vi ansiedade em seus olhos.

Descia minha cabeça em direção a seus seios,segurei um deles com minhas mãos ainda cobertos pelo sutiã.

Ela arqueou as costas,então tirei o sutiã dela imediatamente,Lauren corou e sorriu em seguida.

 Acariciei levemente um de seus seios e a vi arfar,eu me permiti sorrir de canto antes de envolver o outro com os lábios. 

Um gemido dela chegou a meus ouvidos fazendo com que eu me arrepiasse e acabasse sugando seu seio ainda com mais vontade enquanto meu polegar brincava com o outro mamilo, ela soltava pequenos gemidos que soavam altamente sensuais aos meus ouvidos.

 Eu passava a língua ao redor do mamilo dela, mordia levemente e ela se contorcia um pouco fazendo com que seu quadril se esfregasse no meu arrancando alguns suspiros de mim mesmo ainda de boxer.


Brinquei com um mamilo até que ele estava completamente rígido,fiz a mesma coisa com o outro,sem conseguir tirar os olhos do rosto da garota em meus braços. 

Voltei a beijar seus lábios enquanto fazia pressão com meu corpo no dela,tirei a mão de seu seio e a desci levemente pelo corpo. Acariciei com a ponta dos dedos por toda a extensão da barriga dela,enquanto a beijava confesso que com mais urgência do que eu queria demonstrar.

Desci minha mão até suas coxas apertando levemente, afastei gentilmente as pernas dela e toquei sua intimidade sentindo meu membro latejando,tentei ignorar me focando nela. Passei meus dedos pela sua intimidade ainda coberta com a calcinha.

A olhei novamente como se pedisse permissão e ela acentiu. Então tirei a calcinha dela,Lauren agora estava completamente nua para mim.

Passei os dedos pelos grandes lábios suavemente e a vi morder os lábios tentando conter um dos gemidos,abri os grandes lábios e a acariciei mais a fundo,não haviam palavras no mundo pra descrever o quão excitante era senti-la,Lauren era quente,realmente gostosa. Ela estava pulsando,ansiava por algo mais.

Encontrei seu clitóris e o pressionei levemente,e a assisti morder os lábios com mais força ao mesmo tempo que fechava os olhos com força,eu queria ouvi-la gemer,continuei acariciando o ponto sobre meus dedos e tudo que consegui foi arrancar alguns suspiros pesados dela,eu sorri levemente,sem aviso nenhum eu deslizei um dedo para seu interior,ela soltou um sonoro gemido de puro prazer que me tirou totalmente do sério,ela voltou a morder os lábios já marcados em uma tentativa de se manter calada,aproximei minha boca de seu ouvido.


–Relaxa,esquece tudo,foca em mim...-eu falei em meio a mordidas em seu pescoço,colei bem minha boca a sua orelha de forma que meus lábios roçavam o local conforme eu falava.

-..Para de se controlar,eu quero ouvir você gemer Lauren.. -eu falei ao mesmo tempo que deslizava mais um dedo para dentro dela e voltava a movimentá-los. Ela soltou um sonoro gemido que saiu perto demais de meu ouvido me fazendo gemer junto,aumentei a velocidade de meus dedos, acariciando-a por dentro,preparando-a para mim. 


Levei minha boca até a intimidade dela,enquanto a masturbava com dois dedos e fui recompensado com os gemidos mais deliciosos que alguém poderia dar.

Eu beijava delicadamente a intimidade dela,e logo depois que parei com o oral que a deixou completamente molhada,Lauren se contraiu em minha mão soltando um longo gemido ao mesmo tempo que se empurrou mais a direção de meus dedos eu senti que não aguentaria mais, eu precisava tê-la e seria agora.

Retirei meus dedos de dentro dela que me olhou confusa. 

Levantei novamente e dessa vez tirei minha boxer,ela me olhou assustada,porém eu apenas sorri. 

Peguei uma camisinha no bolso da minha calça,rasguei a embalagem e joguei em qualquer canto do quarto,coloquei rapidamente e eu a percebi acompanhar meus movimentos ao mesmo tempo que corava violentamente. 

Me debrucei novamente sobre ela,me posicionei entre suas pernas e percebi ela ficar tensa.


–Relaxa,eu não vou te machucar..-eu disse e voltei a chupar seu pescoço. Depositei beijos e mordidas aonde pude, e movimentei meu quadril, esfregando meu pênis que a essas alturas doía de vontade de possui-la em sua entrada o que arrancava gemidos de ambos. 

Levei minhas mãos até seus seios e fiquei ali a provocando, eu a sentia cada vez mais molhada e isso me deixava louco, rocei a cabeça em sua entrada e ela cravou suas unhas em meus ombros o que me fez gemer de dor e prazer, fiquei assim por mais um tempo,torturando ambos até que ela empurrou o quadril contra o meu.

–James eu...preciso de você agora..- ela sussurrou me olhando nos olhos pela primeira vez sem que eu pedisse. 

Aquilo foi o fim da linha. Eu não disse nada,apenas a segurei pelos quadris enquanto a beijei,ainda esfreguei meu quadril no dela mais uma vez,até que finalmente me encaixei em sua entrada e me empurrei para dentro dela junto com um gemido longo. Ela enfiou o rosto em meu pescoço e cravou as unhas brutalmente em meus ombros arrancando outro gemido meu. Fiquei ali parado dentro dela até que ela se acostumasse com a sensação, puxei seu rosto de forma que eu pudesse olha-la e senti uma pontada no peito ao ver seus olhos cheios d’água.


–O que foi? Eu te machuquei?-eu disse preocupado. Ela não respondeu, apenas faz que não com a cabeça ainda de olhos fechados. Eu a sentia pulsando contra meu membro, desci meus lábios sob os dela a beijando delicadamente,suguei e puxei o lábio inferior dela e a senti suspirar. 

Quando ela começou a mover o quadril contra o meu,foi a minha vez de não conter um gemido tão alto que poderia ser considerado um grito.

Era lento e tortuoso, enlouquecedor. Fechei meus olhos com força e ela assumiu o controle da situação,a deixei estabelecer o ritmo que podia aguentar, ela me puxou pela nuca e me beijou,o beijo mais cheio de desejo que eu já havia experimentado. 

Seus lábios inchados que sugavam os meus de forma tão sedutora arrancavam gemidos de mim,suas mãos ainda passeavam por minhas costas.

Eu precisava de mais,aquilo era muito torturante. Levei minhas mãos novamente até a cintura dela que me sorriu como resposta, o brilho em seu olhar me tirava a pouca sanidade que eu tinha. A segurei fortemente pela cintura e ela mordeu meu lábio quando eu sai completamente de dentro dela,nós dois gememos alto quando a penetrei de uma só vez,me ajoelhei entre suas pernas e levantei um pouco seu quadril, eu aumentei a velocidade e fechei os olhos deixando a cabeça pender pra trás, aquilo era delicioso.

 Comecei a estocar mais forte e a cada gemido absurdamente sensual que ela soltava eu estocava mais forte e mais rápido, senti que estava chegando a meu ápice e diminui a velocidade bruscamente, minha prioridade era ela. 

Lauren cravou as unhas em minhas coxas em protesto e eu ri. Levei uma mão até seu seio e o massageava na mesma velocidade lenta com que eu entrava e saia de seu interior, ela rebolou o quadril contra o meu e eu gemi enquanto a estocava fundo. Ela literalmente gemeu meu nome impaciente quando fiz isso. Deitei-me novamente sobre ela e a olhei nos olhos.

–Diz de novo..-eu falei celando nossos lábios. Saí por completo dela e a penetrei com força fazendo ela gemer alto. -Anda,quero ouvir você gemer meu nome..-eu falei enquanto me empurrava mais profundamente para seu interior fazendo-a fechar os olhos em uma expressão de puro prazer.– 

-Oh James.. – ela gemeu e novamente eu a estoquei profundamente,não me contive e gemi rouco,quando isso acontecia percebi que ela também gemia mais.

Celei nossos lábios rapidamente e me ajeitei, puxei uma coxa dela erguendo de forma que eu conseguisse ir ainda mais fundo.

Eu a penetrava rapidamente e sabia que dessa vez eu não conseguiria parar. 

Nossos gemidos era tão alto que era um volume que poderia acordar os vizinhos. Agradeci a Deus por nossos pais não estarem em casa essa noite.

Mordi o lábio ao senti-la chegar ao clímax,ela se contraia em meu membro,o que tornava tudo melhor,seu corpo tremia em espasmos,eu consegui de alguma maneira aumentar a velocidade,ela jogou a cabeça pra trás e gritou meu nome quando chegou ao orgasmo,e então pela primeira vez em minha vida eu gozei exatamente no mesmo momento em que a garota. Ainda movimentei meu quadril mais algumas vezes até que parei exausto. 

Colei a minha testa a dela e fechei os olhos tentando acalmar os batimentos de meu coração e minha descompassada respiração. Ficamos assim por um tempo,eu saí de dentro dela, tirei a camisinha e amarrei jogando-a no chão, eu simplesmente não conseguia me levantar.

Nos cobri com a coberta que em algum ponto de tudo havia ido parar no chão. Ficamos ali, apenas nos concentrando em nossa respiração por um tempo. Fitavamos o teto.

–James... -a voz meio mole dela me despertou de meus pensamentos.

–Sim? -eu a olhei mas não encontrei seus olhos.

– Obrigado...- ela disse e ergueu o olhar até mim.–

-Obrigado pelo que Lauren? –eu sorri acariciando suas bochechas.-

–É meio idiota dizer isso mas foi perfeito.. - ela disse corando. Eu não sabia o que responder, então beijei seus lábios. Não foi um beijo digamos,foi um celinho, mas foi um celinho diferente.

Quando separei nossos lábios eu recebi um lindo sorriso. 

Ela bocejou e nós dois rimos.


–Dorme..- eu depositei um beijo no alto da cabeça e a ajeitei sob meu peito.

Em pouco tempo ela dormia profundamente,eu percebi quando olhei para seu rosto. E em meio desses pensamentos eu também peguei no sono.


Notas Finais


Ai que lindo <33 haha Jauren ♡ (ficou bosta eu sei kk)

Bom,esse hot foi adaptado de uma amiga minha. Mas espero que tenham gostado! Era isso, e como já disse,creio que os próximos capítulos vão ser bem melhores! :D

Obs: Sorry pelos erros de português!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...