História Almost Is Never Enough - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande, Justin Bieber
Personagens Ariana Grande, Justin Bieber, Personagens Originais
Tags Amor, Ariana Grande, Drama, Justin Bieber, Romanca
Exibições 38
Palavras 516
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Ficção, Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Já que o último foi mini, outro mini para acompanhar.

Capítulo 21 - Hard to believe


Before I fall too fast, kiss me quick but make it last.

 

Eu não queria isso. Não queria que Justin ficasse bravo comigo, mas ele tinha que me entender. Eu...eu não conseguia. Não conseguia me entregar de corpo e alma como ele queria. Talvez até como ele merecia. Por mais que eu quisesse, o medo era muito maior que minha vontade. A quem eu estava tentando enganar? 

Desde muito jovem, sempre fui forte, controladora quando se tratava de sentimentos. Até que Noah apareceu... e eu acabei dilacerada. Não por culpa dele, mas no final isso não importa. Eu ainda tinha o coração dilacerado. Não podia permitir que isso acontecesse movamente. Eu nunca mais queria sentir aquilo.

 

Terminei de comer e arrumei a cozinha. Justin ainda estava trancado em seu quarto. Subi na ponta dos pés e muito curiosa que sou, fiquei escutando atrás da porta.

- Eu estou bem. - garantiu - você vai me fazer ficar muito melhor esta noite, tenho certeza. - gargalhou.

Filho de uma puta!

- Então é assim né? - gargalhei irônica, ja dentro do quarto.

- Te ligo depois - ele disse ao telefone com os olhos arregalados.

Eu sabia, sabia! Essa pose de apaixonado tava muito forçado pra ser verdade. Hipocrita!

- O que você quer Ariana? - ele perguntou levantando o tom de voz.

- Você é um hipocrita Justin - gritei - todo aquele lenga lenga de amor era tudo papo furado, não é? O que você queria de mim? - meus olhos ardiam mas eu não choraria na sua frente - Só porque eu não concordei com o que você queria, já vai sair com uma vagabunda?

- Não enche meu saco Ariana. Se você não quer, tem quem queira. - ele disse revirando os olhos e bebericando seu copo com vodka. - queria que eu ficasse te lambendo? - ele riu.

Eu só podia estar sonhando. A raiva tomava conta de todo o meu corpo. Sentia que não aguentar, então sai correndo, me trancando no banheiro dos empregados.

No finalmente tudo tinha sido teatrinho mesmo. Tentou transar comigo por duas semanas e sem sucesso, o transtorno subiu pela cabeça. Imbecil! Isso não vai ficar assim, não mesmo. 

Eu não queria continuar trabalhando ali. Eu não podia mais.

Eu não estava apaixonada, não mesmo. E eu tinha ido conversar com Justin na intenção de terminarmos amigavelmente. Mas ele acabou com meu orgulho. Se ele achava que não, agora ia ficar me lambendo pra valer. Não ia deixar barato. E eu já sabia até como...

Peguei meu celular no bolso e disquei um número. O número da sorte.

- Ry? - sussurrei para que ele não escutasse minha voz embargada.

- Ari? Ta tudo bem? - ele perguntou. Parecia sonolento.

- Te acordei?

- Na verdade sim - ele riu. - precisa de alguma coisa?

- Queria conversar sobre aquele dia - pausei - será que você pode me pegar no trabalho hoje? 

- Quando você quiser, gata! - ele riu.

- Te vejo mais tarde então. - desliguei.

 

Game on, garotão! Vamos ver quem joga melhor.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...