História Alone? Never More! - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Tokyo Ghoul
Personagens Ayato Kirishima, Hideyoshi Nagachika, Hinami Fueguchi, Ken Kaneki, Kishou Arima, Nishiki Nishio, Rize Kamishiro, Shuu Tsukiyama, Touka Kirishima, Uta, Yoshimura
Tags Altas Brisas, Hidekane, Kanehide, Kaneki X Hide, Lemon, Tokyo Ghoul, Yaoi, Zoeira
Exibições 74
Palavras 1.424
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Lemon, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Calma, galera! Não é o fim! Deve ser no próximo, e bem curtinho, já que minhas ideias tão acabano. Mas fiquem com mais algumas zoeirinhas bem toscas e até as notas finais!

Capítulo 13 - Everybody Loves A Happy Ending


  Uma tempestade se inicia.
 
  Antes que eu pudesse gritar seu nome, me vem um apagão.
 
  Não! Isso não é hora de dormir, Kaneki! Vamos! Eu tenho que salvar o Hide!

  Quando me dou conta, estou em um lugar diferente, sentado na grama. Olho para mim mesmo e vejo que meu corpo está diferente, é como se fosse uma criança. De repente surge uma outra, que se parece muito com o...
 
  Hide: Ei! Eu acabei de me mudar para esta cidade e não tenho nenhum amigo. Vi que estava aí sozinho e quero saber se você quer ser meu amigo...

  Kaneki: Huh? - só poderia ser loucura.

  Hide: É surdo? O gato comeu sua língua?

  Kaneki: Ugh! - começo a sentir uma pontada em minha cabeça.

  Não era loucura, nem minha imaginação... Eram lembranças! Mas, como? Hide disse que nos conhecemos no ano passado.
  
  Espera! Eu me lembro! Eu me lembro de como eu fiquei logo após a morte da minha mãe. Me afastei desse garoto a ponto de nunca mais vê-lo um dia sequer!

  Se passaram tantos anos que acabei esquecendo do meu primeiro e único amigo daquela época... e eu não fui capaz nem de lembrar disso! Inútil! Kaneki, você é um inútil!

  Hide: Está tudo bem com você? Ai meu deus! Tá morrendo aqui!!!

  Kaneki: Cala a porra da boca, Hide!

  Hide: Vou contar pro meu tio que você falou palavrão! - para que não conseguisse correr, eu puxei o seu pé. - Aaaaah!

  Kaneki: Shh! Se disser uma palavra eu corto a SUA língua!

  Hide: Como sabe o meu nome?

  Kaneki: Sabendo! Me ajuda a sair daqui, fera!

  Hide: Eita! Viagem no tempo é possível, e esse garoto é a prova!! - berra apontando pra mim.

  Kaneki: Mereço... Olha só, seu outro eu tá fazendo merda na dimensão de onde vim e eu preciso evitar!

  Hide: Levanta os braços pro céu!

  Kaneki: Isso aí não é pra mandar forças pro Goku?

  Hide: É mais de 8.000!

  Kaneki: Quê? Você é retardado?!

  Hide: Se eu sou seu amigo, provavelmente.

  Kaneki: AAAAAAAAAAAAH! VOLTA AQUI, DESGRAÇA! - saio correndo atrás do little Hide, até que há mais um apagão (osh só tem escuridão e trevas nessa fanfic).

  Dessa vez não é mais um passado específico, e sim vários flashes no meio do nada. Comecei a me lembrar de muitas coisas. Descobri o motivo do Hide tentar se matar e eu ter sido sequestrado. 

Lá nas quebradas onde moro mano tinha um ponto de ônibus e um vendedor de goiaba, né? Aí num dia tinha 1,50 e tava morrendo de fome, e fiquei pensando:

  "Caraca, véi! Será que eu pego um ônibus ou será que compro uma goiaba?"

  Comprei a goiaba. Bicho, uma goiaba suculenta, uma goiaba gigante! E eu tava morrendo de fome! Na hora que eu fui morder aquela goiaba, aí o Tsukiyama alí na frente me chamou:

  "Chega aí, chega aí! Chega aí mano! Chega aí!"

  Aí eu falei:

  "Coé, o que que foi?"

  E o cara tascou a mão na minha goiaba!

  "Caralho, man! Cê pegou minha goiaba!"

  O cara falou assim:

  "Já era a goiaba, man! Já era a goiaba!"

  Aí pegou a goiaba, mordeu a goiaba. E eu falei:

  "MAN CÊ MORDEU MINHA GOIABA!"

  E então o persegui até o beco, onde me bateram até desmaiar. Não tinha nada de pedir ajuda. Ele tinha mordido minha goiaba!!!

  Após alguns minutos os flashes acabaram e voltei a mim mesmo.

P.O.V. Hide
  No instante em que iria me jogar para a morte, sinto braços envolvendo a região do meu abdômen e me levando pra trás.

  Hide: Kaneki!?

  Kaneki: Esquece aquele papo de se matar e viva! Eu sei que sou um inútil por nunca ter salvo sua vida antes... mas, preciso de você aqui comigo!

  Hide: Isso envolve muita coisa que você não se lembra. Não é tão simples assim!

  Kaneki: É o que VOCÊ pensa! - me interrompe com um beijo. - Agora, por favor! Não faz isso!

  Hide: Kaneki-kun?

  Kaneki: Kaneki-kun tá puto da vida com você! Vambora pra casa!

  Hide: É mais fácil nós morrermos ao descer daqui!

  Hidekane: Vai dar merda, vai dar merda... vai dar merda, vai dar merda, vai! - cantamos enquanto nos segurávamos nas pedras pra sair daquele penhasco.

  Confesso que eu quase caí duas ou três vezes daquela joça. Já o Kaneki teria caído no primeiro passo que desse!
 
  Fomos pra Anteiku e lá só se encontravam a Touka, Yoriko, Hinami e Ayato. As namoradinhas pareciam estar num encontro. Que cafona! Encontro na própria cafeteria?...

  Touka: HIDE! KANEKI! - levanta, nos abraçando fortemente. - Quando quiserem me matar de preocupação, avisem, ok?

  Yoriko: Vou buscar umas toalhas lá em cima! - se retira.

  Hinami: Mamãe, meu nariz tá sangrando.

  Touka: Wat? - (é wat mesmo, galerinha do mal, lembrem do meme). - Tá sangrando nada!

  Hinami: É que estou vendo um yaoi! - responde com a cara mais inocente da face da Terra.

  Touka: Hinami!!! Você tem lido aquelas fanfics do Spirit, não é?

  Hinami: Sim, mamãe. - eu, Kaneki e Ayato soltamos uma risada.

  Hide: Desde quando a Hinami passou a ser sua filha?

  Touka: Acho que agora... não sei se é bom pra ela, mas tentarei não contrariar.

  Yoriko: Voltei! Se sequem antes que peguem uma pneumonia! - entrega uma toalha pra cada um de nós. - O que foi que eu perdi?

  Kaneki: A Hinami chamando a Touka de mamãe...

  Yoriko: É?... - abaixa a cabeça com uma expressão um pouco triste.

  Hinami: Não chora, mamãe! - em um segundo Hinami está a frente de Yoriko, agarrando sua saia.

  Yoriko: Awnnn. - abraça a pequena.

  Ayato: Peraí... se as duas são "mamãe", significa que ela vai ganhar tudo em dobro? Espertinha, hein!

  Hinami: O onii-chan Hide gosta do onii-chan Kaneki?

  Hide: Ér...

  Kaneki: Sim! Nós somos namorados, não é, Hide? - apenas assenti. - É tipo a Touka e a Yoriko.

  Touka: Não acredito! Você se lembrou??  AAAAAAAAAAAAH! O OTP É REAL!

  Hinami: Qual é o nome dos shipps?

  Kaneki: Nome do quê?!

  Yoriko: É a junção do nome dos dois! A Hinami chama a gente de Touriko...

  Hinami: O de vocês vai ser Hidekane! Ou Kanehide? Tanto faz! O que importa é que é real!

  Hide: Explica pra gente como se lembrou.

P.O.V. Kaneki
  Contei tudo. Desde a visão da infância até a famigerada história da goiaba!

  Touka: O Tsukiyama te roubou uma goiaba?! HAHAHAHAHAHAHA!! A que ponto chegamos!?

  Kaneki: No de ônibus é que não foi.

  Ayato: Piada bossssssta!

  Kaneki: Hide.

  Hide: Hm?

  Kaneki: Dois. Para de ficar murmurando sempre que eu chamo seu nome!

  Hide: Tá. O que é que foi?

  Kaneki: Preciso ir alí no mercadinho, já volto. Fica aí! - deixo o estabelecimento.

P.O.V. Autora-chan
  Os 5 se sentaram aguardando pela volta do albino.

  Cerca de 10 minutos se passaram, e o jovem voltou com uma caixa de chocolates para Hide.

  Kaneki: Feliz Dia dos Namorados, e me desculpa por antes!

  Hide: Obrigado, mas sou alérgico... foi mal!

  Kaneki: Sério?

  Hide: Não! Haha! Adoro esses chocolates.

  Kaneki: Deixa eles aí! Depois voltamos para pegar. Quero ter um papo contigo na minha cama.

  Hide: Mas e se roubarem?

  Touka: Deixa de ter pensamento de virjão, que eu sei que de virgem tu não tem nada, e vai realizar nosso sonho!

  Hinami: Adeus minha infância...

  Ayato: Que infância?

  Kaneki: Vamos! Vai ser legal...

  Hide: Não estou confiando muito em você...! Mas eu vou. - os dois desaparecem em meio as escadas.

P.O.V. Touka (pensou que ia ler o hot, né? zoa, também achei. ;-;)
  Fui obrigada a tampar os ouvidos da Hinami pra não ouvir os gritos do Hide e uns rangidos muito loucos que estavam rolando lá em cima. Acho que o Kaneki não é mais uke... e a kagune de certo alguém deve estar penetrando um cu.

  Céus!

  Hinami: Sinto cheiro de limonada... - meu irmão começa a rir.

  Touka: Ayato! Para de rir, é só uma criança!

  Ayato: O que eu posso fazer se ela tem mentalidade de fujoshi? E ela já não é mais nenhuma criancinha! Daqui a pouco arruma algum namoradinho e iria aprender de uma forma ou outra.

  Touka: Como se você fosse o namorado dela pra saber!

  Ayato: Não inventa! Eu sou solteiríssimo!

  Rize: Quem é que tá solteiro aí? - adentra a cafeteria. - Já quero!

  Yoriko: O irmão da Touka!

  Rize: Ah, é? Não, obrigada.

  Ayato: Mas ninguém te ofereceu nada. Doida!

   Hide: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAH! - grita.

  Rize: Mas, gente? O que tá acontecendo aqui?

  Hinami: Secsu... muito secsu!


Notas Finais


Estamos chegando ao final dessa saga de mais memes dos tempos das cavernas do que drama!
Espero que tenham gostado e se preparem para um final bem conto de fadas.
Kissus na alma de quem achou que ia ter hot e de quem não achou também! 💋


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...