História Alternative Reality - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Seleção
Personagens America Singer, Aspen Leger, Carter Woodwork, Celeste Newsome, Marlee Tames, Maxon Calix Schreave, May Singer, Personagens Originais, Rainha Amberly
Tags América, Maxon
Exibições 34
Palavras 1.099
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Fantasia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oiii genteeeeeeee!!!
Nem sei como agradecer a vocês pelos 15 favoritos. Nunca passei que teria mais de 2 ou 3 xD agradeço muito e quantos mais melhor não é verdade?! Obrigada a todos e continuem acompanhando e me dizendo o que acham nem que seja por mensagem privada. Beijo pessoas maravilhosas.

Capítulo 6 - Explanations


Fanfic / Fanfiction Alternative Reality - Capítulo 6 - Explanations

Por América

Acordei eram umas 10 horas da manhã de Domingo. Tinha 20 chamadas não atendidas de Marlee. Ontem apaguei completamente porque nem ouvi o telemóvel tocar. Acho que é melhor ligar de volta antes que ela apareça aqui feita maluca.

Ligação On

- Oi Marlee.

- Finalmente América. PORQUE NÃO ATENDEU ANTES? - gritou 

- Calma amiga, e fala baixo, por favor, estou com uma enorme dor de cabeça...

- Ok desculpa. Então, me conta como foi ontem com o Maxon?

- Não aconteceu nada. Cheguei a casa, fechei a porta e fui dormir.

- Porra América... Você é burra mesmo. Ele deixou a garota que estava com ele no bar pendurada para cuidar de ti e você desperdiça tudo fechando a porta na cara dele?! Você é uma I-D-I-O-T-A!!!

- Ai Mar! Já disse para falar baixo e para de me encher o saco. Vou desligar, tenho de fazer o almoço e preciso tomar uma comprimido e um banho.

- Ok, tudo bem. Mas logo Passo em sua casa. Beijo Méri.

- Adeus Mar, até logo.

Ligação Off

Liguei a água do banho, coloquei alguns sais e fui tomar um comprimido para a ressaca.

Entrei no banho e deixei-me lá estar até a minha pele começar a enrugar. Estava a ser tão bom. Saí, fiz um coque meio bagunçado, vesti uns shorts pretos curtos e uma blusa de renda nude, calcei as minhas pantufinhas de unicórnios e fui até à cozinha. Tinha um bilhete na mesa:

«Querida América, eu e seu pai decidimos ir almoçar fora para ter um tempinho nosso. Sua irmã está em casa de uma amiga para fazer um trabalho. Voltaremos todos à hora de jantar com comida. Beijo da Mamãe.»

Ótimo, além de ter a casa só para mim, também posso fazer qualquer coisa para o almoço sem me preocupar com se é saudável ou não. 

Decidi fazer uma omeleta de bacon, salsicha, tomate, milho e mais umas quantas coisas que arranjei na despensa. Bebi um copo de sumo de laranja e para sobremesa uma fatia de tarte de morango feita pela minha mãe. Era a coisa mais maravilhosa do mundo.

Fui comer para a sala e decidi por um filme. Acabei escolhendo o Suicide Squad. Passaram-se alguns minutos até que ouvi alguém bater na porta, deveria ser Marlee. Quando abri dei de caras com o Maxon. Não estava nada à espera.

-Hey... Só vim ver se estavas bem... e se aquele idiota de ontem não te machucou.

Ah... Hmm, entra. Obrigada por me trazeres a casa. EU estou bem, só tenho um pequeno hematoma no braço, mas está tudo bem. - afirmei.

Sentamo-nos no sofá e continuei comendo minha tarte. Ele me olhava.

- Desculpe, quer um pedaço? Abra a boca - ele abriu e meti-lhe uma pedaço na boca.

- Nossa isto é maravilhoso, o que é?

- É a maravilhosa tarte de morango da minha mãe.

- É mesmo maravilhosa. Bem tenho de ir. Só vim mesmo ver como estavas...

- Podes ficar se quiseres, isto é, se a tua namorada não estiver à tua espera claro...

- Primeiro, ela não é minha namorada, segundo, foi você quem mentiu primeiro, por isso não tem o direito de me julgar. - ele disse. notei uma certa irritação na voz dele.

- Eu não te menti, o Aspen é que armou para a gente e me beijou, desde esse dia nunca mais o quis ver à minha frente! Eu nunca gostei dele!!

- Pois, não foi bem o que pareceu...

- Pelo menos não sou eu que me anda a rouçar em outras pessoas- quase cuspi aquelas palavras.

- Eu não me rouço em ninguém... Aquilo foi para te fazer ciúmes... Como não percebes que eu te quero a ti...

Quando ele disse aquilo não sabia o que fazer... Ele corou tão rapidamente quanto a rapidez com que me beijou. Arrepiei-me só com o toque dele... Rapidamente a sua língua pediu passagem e eu cedi, como poderia negar?!  O clima foi aquecendo cada vez mais. Ele pegou-me no colo e deitou-me no sofá sem se afastar um milímetro que fosse. Eu amava-o e ele a mim, e nada nem ninguém podia provar o contrário. Ele começou a passar as mãos pelo meu corpo e senti um volume na zona do seu membro. Ele começou a tirar-me os shorts e eu as suas calças quando bateram à porta. Droga... 

Levantei-me, coloquei os shorts e fui até à porta.

- Nossa amiga, estava dormindo de novo? Está toda despentiada e vermelha. - Ela entrou mesmo sem pedir permissão e deu de caras com o Maxon. Sorriu maliciosamente para nós dois e eu corei. - Parece que vim em má altura. Me desculpem, volto mais logo.

- Não, pode ficar, eu já estava saindo mesmo - Maxon encorou-me e percebeu o meu olhar de deceção. - América, pode me acompanhar até à porta?

- Claro, volto já Mar.

Já à porta ele me encarou

- Olha, me desculpa por ter de ir embora assim, mas tenho uns problemas para resolver. Por favor, esteja pronta às 20 horas. Tenho uma surpresa para ti - ele beijou-me na testa e foi embora.

Fechei a porta e sentei-me.

-Méri, você está bem? Méri? MÉRIIII?

-Ai que é que foi?

-Não é obvio?! Quero saber o que aconteceu.

Contei-lhe tudo e ela me ouviu com muita atenção dando pequenos comentários. Eu voltei a entrar nas nuvens, o que será que era a surpresa...

- América? Terra chama Méri. Porra garota. estou falando com você.

- O que foi?

- Você não tem um encontro para ir? Então vá logo tomar um banho.

Subi correndo. Fui para o banho enquanto Mar separava uma roupa para mim. Quando saí tinha em cima da cama uma lingeri vermelha, um vestido preto de mangas 3/4 bem justinho e uns botins pretos. Vesti-me e ela fez-me uma make leve e rematou com um batom vermelho sangue. Depois fez alguns caracóis bem naturais no meu cabelo. Após me ajudar, ela foi embora. Fui ver tv para a sala enquanto esperava por ele.

Deram 20horas e ouvi um carro, me levantei  e abri a porta. Lá estava Maxon de boca aberta

- O que se passou? Exagerei? - perguntei, reciosa.

- Não, pelo contrário... Você está uma tremenda gata... Nem imaginas o que me apetece fazer-te...

- Isso fica para depois, quero saber o que é a minha surpresa.

- Ok ok, vamos, mas tem de vendar os olhos.

- Aí não quero...Me diz logo onde me vai levar por favor...

- Noup, surpresa é surpresa... 

  


Notas Finais


E aí gente? O que estará Maxon aprontando para América... Será que vou ficar juntos definitivamente...
Bem para terminar só queria dizer que como postei hoje amanhã não irá haver capítulo novo porque vou ter que estudar porque tenho uma prova e achei melhor postar hoje para não ficarem sem cap. Espero que estejam gostando.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...