História Always - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Chaz Somers, Chris Brown, Christian Beadles, Justin Bieber, Kendall Jenner, Kylie Jenner, Pattie Mallette, Ryan Butler, Tyga
Personagens Chaz Somers, Chris Brown, Christian Beadles, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Pattie Mallette, Personagens Originais, Ryan Butler, Tyga
Tags Ação, Always, Amor, Bebidas, Bieber, Chaz Somers, Christian Beadles, Drogas, Justin Bieber, Kendall Jenner, Kylie Jenner, Los Angeles, Rachas, Ryan Butler, Sexo
Exibições 212
Palavras 1.112
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 13 - Garota de programa


Fanfic / Fanfiction Always - Capítulo 13 - Garota de programa

MEGAN P.O.V

Acordei eram 18:00, levantei da cama às pressas, tinha que em arrumar rápido, adentrei ao banheiro e tomei um bom banho, sai vestindo um vestido vermelho bem justo e curto, ele deixava as minhas costas nuas, coloquei os saltos da mesma cor, e fiz uma maquiagem simples, mas coloquei um batom vermelho, peguei a minha bolsa colocando o que eu precisaria dentro, sai do quarto e Jade me olhou, ela usava um vestido azul escuro e saltos pretos, a campainha tocou e ela disse que era o cara que nos levaria, saímos do apartamento e fomos para o carro, fui o caminho todo rezando.

Chegamos a um enorme prédio, o rapaz entrou com a gente e pegou na recepção duas chaves, Jade me olhou e eu suspirei com medo.

Xx: Megan o seu quarto é o 1569 no 5° andar e o da Jade é o 1573 também no 5°- nós assentimos- as 22:00 eu venho buscar vocês, estejam aqui em baixo.

Assentimos e fomos até o elevador, Jade apertou o 5° andar e eu fechei os olhos, logo percebi a porta se abrindo, deu um passo para fora do elevador, Jade me abraçou e disse que faltando dez minutos que estaria aqui fora me esperando, assenti a caminhei até a porta.

Passei o cartão no leitor e abriu a porta, suspirei a abri a mesma dando duas batinhas na porta, um homem engravatado saiu do banheiro sorrindo, eu sorri levemente e fechei a porta, estava morrendo de vergonha, ele era muito bonito e deveria ter uns 25 anos.

Xx: prazer- ele estendeu a mão- me chamo William e o seu?

Megan: Megan- sorri-

William: por favor relaxa- ele disse sorrindo- o que acha de um champanhe para te acalmar, você parece nervosa.

Megan: eu aceito, obrigado- sorri-

Ele sorriu e segurou a minha mão com delicadeza, ele me levou até a ponta da cama onde eu sentei, ele caminhou até uma mesa e abriu o champanhe colocando o liquido em uma das taças que havia ali.

Willian: então Megan- ele perguntou me entregando a taça- é o seu primeiro programa?

Megan: tecnicamente sim- disse envergonhada-

William: você é uma das garotas mais lindas que já tive o prazer de conhecer- ele disse tocando meu rosto-

Megan: obrigado- disse sorrindo-

William: como eu sou tecnicamente seu primeiro programa- ele disse me fazendo rir- eu pediria o programa completo, mas vou te poupar dessa.

Megan: o que seria o programa completo?- o olhei-

William: ter você a noite toda gemendo o meu nome- sorriu- mas me deram apenas duas horas.

Megan: não é o suficiente?- ele negou-

William: não para um cara que passou o dia inteiro em reuniões com fornecedores chatos- ok Megan hora de tomar uma atitude-

Megan: então eu posso te ajudar- disse sentando no colo dele que sorriu malicioso- eu sei fazer massagem.

William: depois- ele disse tirando a taça da minha mão- agora eu quero você.

Eu sorri quando ele me jogou na cama, ele avançou em mim enquanto eu tirava seu blazer que parecia caro, joguei o mesmo no chão, ele apertou a minha coxa e eu suspirei, ajudei ele a tirar a gravata e seu camisa, ele sorriu abrindo o zíper do meu vestido, ele tirou o mesmo me deixando apenas de calcinha.

William: você é perfeita- ele disse sorrindo-

Eu não disse nada, ele começou a brincar com os meus seios, ele perguntou o porquê daquela marca e eu disse que tinha brigado com a minha amiga, mas não queria dizer, ele sorriu e voltou a brincar com os meus seios, ele desceu os beijos tirando a minha calcinha e os meus saltos, tirei a calça dele e ele tirou os sapatos.

Virei ele na cama, sentando em cima de seu membro, ele sorriu e eu pude observar suas tatuagens, porra ele era muito bonito e parecia ser bem dotado, desci os beijos pelo corpo dele, tirei sua boxe e comprovei que ele realmente era bem dotado, como esse homem ainda não era casado?

Ele sorriu e eu passei os dedos lentamente por sua extensão e ele gemeu, repeti isso mais algumas vezes e o coloquei na boca, ele gemeu mais alto e eu comecei a me movimentar, o que não cabia na minha boca, eu o masturbava com a mão.

William: porra- ele disse enquanto segurava os meus cabelos-

Os gemidos dele eram roucos, senti que ele logo chegaria lá, ele me fez ir mais rápido e me fez sair quando ele atingiu o ápice, deixando seu liquido jorrar nos meus seios e barriga, ele me virou na cama e pegou uma camisinha já vestindo a mesma, ele logo estava dentro de mim, fechei os olhos sentindo ele me preencher toda.

Agarrei as costas dele enquanto ele se movimentava dentro de mim, ele era muito bom no que fazia, ele me pediu para ficar de quatro para ele e foi o que eu fiz, ele me penetrou novamente e eu logo atingi o meu ápice, ele sentou na ponta da cama e me colocou sentada de costas para ele.

William: você está tão apertadinha- ele disse sorrindo- agora cavalga no papai vai.

Eu sorri e fiz o que ele pediu, logo ele teve o orgasmo dele, sai do colo dele deitando na cama e ele tirou a camisinha e deitou do meu lado.

William: realmente você é muito boa- disse sorrindo-

Megan: você dá trabalho- ele riu-

Ficamos deitados enquanto bebíamos champanhe, ele me disse se poderia me ter mais vezes e eu disse que poderia, só não sei se Justin iria gostar disso, ouvi meu celular tocar, levantei da cama me enrolando no lençol, peguei o mesmo e era uma mensagem da Jade perguntando aonde eu estava.

Megan: eu tenho que ir- disse o olhando-

William: você não pode ficar mesmo?- eu neguei- tudo bem, eu posso te levar em casa.

Megan: não é necessário- sorri- tem um carro me esperando lá embaixo, vou apenas tomar banho.

William: posso ir junto?- eu sorri-

Megan: é só um banho- ele assentiu rindo-

Entramos no banheiro e tomamos banho juntos, o pagamento ele já havia feito mais cedo, me vesti rapidamente e me despedi dele, sai do quarto e Jade me encarava.

Jade: vamos?- eu assenti-

Entramos no elevador e ela me contou que pegou um velho tarado, mas que não rolou muita coisa, eu disse para ela do William, e ela ficou com raiva por eu ter ficado com um cara bonito, entramos no carro e fomos para o apartamento, tomei um banho e coloquei o meu pijama, o William foi um cliente ótimo, espero que os meus outros seja assim também.


Notas Finais


Espero que gostem, beijinhos e até semana que vem :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...