História Always and forever - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Originals, The Vampire Diaries
Personagens Alaric Saltzman, Bonnie Bennett, Caroline Forbes, Damon Salvatore, Davina Claire, Elena Gilbert, Elijah Mikaelson, Freya Mikaelson, Hayley Marshall, Hope Mikaelson, Jeremy Gilbert, Klaus Mikaelson, Kol Mikaelson, Marcellus "Marcel" Gerard, Rebekah Mikaelson, Stefan Salvatore
Tags The Originals, The Vampire Diares
Exibições 30
Palavras 974
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem!Essa é minha primeira fic,então não esperem muito,tomara que gostem da história!

Capítulo 1 - 15 anos depois


Fanfic / Fanfiction Always and forever - Capítulo 1 - 15 anos depois

Pov´s Hope 

 

          Acordei com gritos que logo reconheci ser da minha mãe:

-Hope, você vai se atrasar para a escola se continuar dormindo assim! –Disse ela com um tom irritado que confesso me assustou um pouco, então levantei, fiz minha higiene matinal, vesti uma calça jeans com uma blusa e fiz uma trança de lado. Quando desci as escadas vi minha mãe e mais três pessoas conversando. Eu podia ver nos seus olhos que não eram humanos, provavelmente lobisomens, mas nem dei muita importância(era comum minha  mãe falar com lobisomens a procura da cura dos meus tios).

          No caminho para a escola não notei nada de diferente, a não ser uma leve impressão de estar sendo observada, mas já estava atrasada para a escola então nem me importei.

Pov´s Hayley

 

          Eu não conseguia acreditar no que eu estava ouvindo, eu estava tão perto de descobrir a cura, o único ingrediente que faltava era uma bruxa poderosa o suficiente para quebrar o feitiço do sono de Freya. A única bruxa poderosa assim que eu conhecia era a Hope, mas eu tranquei seu lado bruxa a muito tempo para não nos rastrearem, e além do mais não quero mete-la no meio de toda essa bagunça.

 

Pov´s Hope

 

          Depois de horas escutando o professor Alaric Saltzman tagarelar sobre ocultismo(aula que minha mãe fez questão que eu participasse , não sei por que) o sinal do intervalo tocou e me senti mais feliz do que nunca!

          No intervalo fiquei com minha melhor amiga humana Emma, ela estava particularmente estranha hoje, ela até me deu um colar sem nenhum motivo, mas eu a amava de qualquer jeito(principalmente pelo bom gosto para joias).

 

Pov´s Emma 

          Eu me sentia horrível por mentir para Hope, mas como eu explicaria a ela que na verdade eu sou uma bruxa e conheço toda a história da sua família?

          Eu tenho ouvido boatos no clã que todas as bruxas de New Orleans estão a procura dela. Minha magia é mais poderosa do que a de 100  bruxos então canalizei parte dela e coloquei no colar que dei a Hope, caso ela esteja em perigo minha magia a protegerá.

 

Pov´s Hope

          Depois de passar todo o intervalo tagarelando com Emma fomos para nossas respectivas aulas e na saída ela insistiu em ir comigo até em casa.

          Mesmo estando com Emma a sensação de estar sendo observada estava cada vez maior, tudo estava muito quieto e quando olho para trás um homem alto e com olhos castanhos estava segurando minha melhor amiga e me olhando com um olhar ameaçador. Eu estava lá, sem reação, eu queria gritar para ele solta-la mas as palavras não se formavam na minha boca. Até que ele resolveu falar:

-Você deve ser Hope Mikaelson e essa deve ser a bruxinha protetora-diz se referindo a Emma como se ela fosse algo que não tivesse a mínima importância e isso me encheu de raiva.

-E quem é você??-Disse finalmente, ignorando o fato de ele ser um vampiro e ser bem mais forte que eu.

-Ah! Minha pequena Hope, Meu nome é Marcel e eu sou o vampiro mais temido de todos, eu trouxe a ruína da família mais antiga que já existiu e eu não posso ser vencido, nem mesmo por você. E meus pêsames pelos seus tios e pelo sofrimento do seu pai, pena que não posso dizer o mesmo sobre você e sua mãe.

-Você não viverá o suficiente para dizer qualquer coisa-Gritei e cega pela raiva não percebi oque estava acontecendo até ver Marcel caindo no chão por conta da dor, a dor que eu estava provocando, estava até me divertindo um pouco com aquilo e eu teria continuado se não fosse pela minha mãe que havia chegado e antes que eu percebesse Marcel se levantou do chão e quebrou o pescoço de Emma.

          Eu estava sem reação, Emma estava caída no chão morta e eu não conseguia fazer nada a não ser olhar para ela e para minha mãe. Marcel havia fugido, afinal de contas ele era apenas um covarde protegido por uma magia que ele roubou de outra pessoa.

          Passaram alguns minutos e a confusão havia passado, tudo que eu queria era vingança, aquele bastardo matou minha melhor amiga, quase matou meus tios e condenou meu pai a sofrer uma dor insuportável por anos. Eu não aguentava mais, virei para minha mãe e disse:

-Eu vou mata-lo mãe, e nós vamos a New Orleans agora! Eu sei que a única coisa que falta para acordar meus tios é uma bruxa poderosa e Emma é poderosa o suficiente.

-Filha, mesmo que só precisemos disso, Emma está morta!- Exclamou ela, dando ênfase no“morta”

-Eu tive muito tempo para estudar os grimôrios da minha vó Esther e eu ainda sinto a magia da Emma, ela se protegeu com algum feitiço.- Assim que terminei de falar Emma acorda e respira fundo, eu corri até ela e dei um abraço muito apertado pois por um minuto achei que tinha perdido ela para sempre.

Pov´s Hayley

 

Uma hora antes:

          Depois de passar um tempo pensando em como acordar os Mikaelson me dei conta de que Hope estava atrasada, provavelmente está conversando com alguma amiga e não percebeu a hora.

          Ouço a campainha tocar e vou atender a porta me perguntando quem poderia ser, já que Hope tem a chave de casa. Quando abro a porta vejo Bonnie me olhando com uma cara séria, quando cheguei em Mystic Falls a primeira coisa que procurei foi uma bruxa que pudesse ficar de olho na Hope caso algo aconteça. Depois tudo oque entendi foi: Hope ativou a magia e está em perigo.

          Graças ao rastro de magia não foi difícil encontrar a Hope, fui até lá o mais rápido possível e encontrei Marcel no chão, gemendo de dor e Hope era a causa. Sua magia era forte demais.


Notas Finais


Espero que tenham gostado!Eu sei que não ficou bom,mas foi minha primeira fic então deixem sugestões nos comentários!
Bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...