História Always, Forever, I'II Love You. - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Tags Marichat
Visualizações 38
Palavras 667
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Artes Marciais, Colegial, Comédia, Ecchi, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Harem, Magia, Shoujo (Romântico), Violência, Visual Novel
Avisos: Estupro, Insinuação de sexo, Nudez, Spoilers, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Desculpem demorar para postar mas é que aconteceram algumas coisa e... Não, pera, eu não vou mentir, fiquei com preguiça mesmo desculpem por favor pra quem tava esperando esse episodio mas ele tá ai, então com vocês Always, Forever, I'II Love You:

Capítulo 4 - Corações Quebrados(parte 2)


-(???):... Nette... Mari... Marinette!!!

-(Mari):Ah, Tikki... Só mais uns 5 minutinhos...

-(Tikki):Marinette, são 7:30!!!

-(Mari):O que?!!... Aaah!!!- Eu caiu da cama

-(Tikki):Marinette!!! Você tá bem?

-(Mari):Aiii... Não, espera, não é hora de ficar se lamentando-Eu corro e me arrumo o mais rápido o possível 

<No Colégio>

Quando chego lá a primeira coisa que eu faço é procurar Alya até avisto ela falando Nino, eu então deixo ela conversando com ele e vou para a sala esperar ela lá e, em meio a isso, eu percebi que o Adrien não tinha chegado ainda, eu me pergunto o por que e, eu só espero que ele não falte logo hoje que eu pretendo me confessar, sim, ao ver o Chat Noir criar coragem para se confessar me fez pensar bastante sobre o assunto e decidi fazer o mesmo; chega de me esconder, tenho que me confessar hoje!!! Logo vejo que Alya e Nino chegam(e nada do Adrien), a professora entre logo depois; passa-se a primeira aula então ele chega. Ele estava tão... Estranho, não falou com ninguém, mas, não, talvez fosse apenas minha impressão eu deixei pra lá e o dia continuou...

Blim... Blom...(eu não sei fazer o som do sinal:,))

O sinal toca e todos saem da sala correndo feito loucos, é hora do intervalo; eu e Alya esperamos que todos vão para sairmos e nós um lugar para ficar-mos

-(Alya): E ai... Vai finalmente se confessar hoje- Ela me olha com aquela carinha

-(Mari):Hahahaha... O dia tá bonito hoje né...

-(Alya):Do que você tá falando hoje tá nublado, vamos lá Mari, não perca a confiança, sabe-se la quando você vai ter uma outra oportunidade de se confessar de novo.

-(Mari):Eu sei mas, e se ele me rejeitar e...(interrompida)

-(Alya): Ei!!! Nada disso, nada de pensamentos negativos, não pense no pior e sim no melhor, eu tenho certeza ele não faria isso, vocês foram feitos um pro outro tenho certeza.

-(Mari):Ai Alya... Eu não sei o que eu faria sem você, não, na verdade eu sei, NADA!!!-Eu pulo em cima dela e a abraço

Blim... Blom...(Eu realmente não sei, desculpem) 

Todos vão para suas salas, incluindo nós. Fico contando as horas, minutos, segundos para o final da aula:

-(Alya):Vai amiga é agora!!!-Eu afirmo com a cabeça, espero ele sair e corro até ele.

-(Mari):Adrien!!!- Ele para e fala

-(Adrien):O que é?!

-(Mari):E-eu... É... Que... 

-(Adrien):ANDA FALA LOGO!!! Eu não tenho todo o tempo do mundo garota, o que é?!

-(Mari):...(nossa eu nunca vi o Adrien assim)

-(Adrien):Já que não vai falar nada então saia da minha frente.

-(Mari):Não! Adrien me esper... Ahhh!!!- ele me empurra e eu caiu de cabeça no chão ele parece não ligar e sai dali me deixando sozinha...

-(Adrien):Me solta garota!!! Quem você pensa que é pra ficar me agarrando desse jeito-Alya e Nino vem correndo em minha direção para me socorrer; eu já não ligava mais para nada, meu mundo avia caído junto a mim naquele momento; lagrimas caiam sem para do meu rosto.

-(Alya):Marinette!!! Calma, Nino me ajuda a levantar ela... Aquele garoto... Nunca pensei que fosse desse tipo!!! Acalme-se Marinette! Eu vou dar um jeito nisso! Quando eu ver aquele mimado eu vou... Eu  vou... Eu vou acabar com ele! Vamos Marinette, pra casa já chega por hoje, vamos pra casa!!!- Eu continuo sem falar nada e vamos para casa

Eu finalmente chego em casa, e vou direto para o meu quarto:

-(Tikki):Marinette... Fique calma, vai ficar tudo bem...

-(Mari):Você não entende Tikki, não vai não; eu o amava muito!!!

-(Tikki):Mari...

Enquanto isso...

-(Hawk Moth):Uma jovem com um pequeno coração partido... Hum, é perfeito para o meu pequeno akuma... Vá, voe meu pequeno akuma!

Na casa de Marinete:

-(Tikki):Hã, o qu... M-Mari... Nette!!! Não pode ser, não isso não pode acontecer!!!-O akuma se infiltra em Marinette

*Marinette se transforma em uma akumatizada*

-(???):HAHAHAHAHAHA...QUERIDOS PARISIENSES, LADYDARK ESTÁ AQUI PARA  DESTRUIR A TODOS QUE JÁ PARTIRAM O CORAÇÃO DE ALGUÉM E VOCÊ, ADRIEN AGRESTE TERÁ O PRAZER DE SER O PRIMEIRO HAHAHAHA!!!

Continua...

 


Notas Finais


Pronto ta ai espero que tenham gostado, eu realmente dei duro pra fazer direito esse episodio então espero que gostem, beijinho;3 e até mais.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...