História Always - O Reencontro Book1 (Larry) - Capítulo 56


Escrita por: ~

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer, Demi Lovato, Ed Sheeran, Ellie Goulding, Fifth Harmony, Gigi Hadid, Ian Somerhalder, Kendall Jenner, Kristen Stewart, Kylie Jenner, Nina Dobrev, One Direction
Personagens Ally Brooke, Ashton Irwin, Calum Hood, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Harry Styles, Josh Devine, Lauren Jauregui, Liam Payne, Louis Tomlinson, Luke Hemmings, Michael Clifford, Niall Horan, Normani Hamilton, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Infantilismo, Larry, Ziam
Exibições 240
Palavras 1.592
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Ficção, Fluffy, Lemon, Poesias, Romance e Novela, Slash, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


CHEGAMOS CHEGAMOS

Capítulo 56 - Halloween


Fanfic / Fanfiction Always - O Reencontro Book1 (Larry) - Capítulo 56 - Halloween

- wow, eu deveria temer? - Louis parou na porta do quarto se recostando sobre o batente.

Harry arrumava os cabelos,tinha escolhido uma fantasia de cowboy, as a calças de boca largas marrons, as botas longas, a camisa da mesma cor da calça e as botas, e o sobretudo preto por cima, os cabelos cacheados soltos junto ao chapéu preto. O moreno se virou para Louis sorridente.

- Gostou do seu cowboy? - Harry riu enquanto pegava seu celular e a bolsa de Thomas saindo do quarto.

- Eu adorei, a Até que essa coisa de fantasia e uma boa - Louis sorriu fechando a porta do quarto beijando o rosto do cacheado sorridente.

- poderíamos aproveitar elas mais tarde - Harry sussurrou em seu ouvido beijando o lóbulo de sua orelha.

- Com toda a certeza - Louis sorriu malicioso enquanto saía andando em direção ao quarto dos garotos.

O cacheado mordeu o lábio direcionando os olhos diretamente para a bunda do castanho, Louis estava fantasiado de Peter Pan, a calça colada verde junto a blusa de manga longa também apertada e seus inseparáveis vans pretos, usava um pequeno chapéu verde que deixava sua franja em destaque. A calça apertada destaca sua bunda grande e as pernas grossas, o deixando delicioso. Na opinião de harry e claro.

O cacheado desceu diretamente para a sala apagando as luzes da cozinha e diminuindo a luz da sala, Mary a empregada contratada da casa recentemente apareceu na sala sorridente.

- OH querido, você está maravilhoso - Ela sorriu enquanto sorria.

Mary tinha cinquenta anos, porém não aparentava ter essa idade, harry a tinha como uma mãe para ele em poucos dias que ela havia começado a trabalhar com eles, Louis também a adorava assim como os garotos também.

- Obrigada Mary - Harry sorriu. - Vai tomar conta da casa enquanto não estivermos? - Ele brincou sorrindo.

- Fique em paz que eu cuidarei como se fosse a minha - Ela sorriu.

Harry ouviu passos apressados nas escadas, Louis falava alguma coisa com certa raiva e dereck parecia o responder da mesma forma, logo a figura de Thomas apareceu no pé da escada descendo correndo sorridente. O garoto havia escolhido a fantasia de coelhinho,o macacão branco junto ao campus da mesma cor com a a orelhinhas rosas. Mary a empregada da casa fez uma pequena Maquiagem em seu rosto para ficar definitivamente parecendo com um.

- Você deveria ser mais responsável, caso contrário isso não aconteceria - Louis disse alto do corredor do andar de cima e harry foi até a ponta da escada tentando ver o que acontecia.

- Isso é culpa sua, todo esse papo de mudança eu perdi metade das minhas coisas - Dereck disse enquanto descia as escadas as pressas.

- Não me culpe por seus descuidos, a culpa não é minha se você não sabe onde põe as suas coisas - Louis respondeu da mesma forma descendo atrás do garoto arrumando seu gorro sobre a cabeça.

- Gente o que se passa aqui? - Harry perguntou confuso.

- Papai perdeu minha correntinha da sorte e está me dizendo que a culpa é minha - Dereck acusou apontando para Louis.

- De quem é a corrente? - Harry perguntou sorrindo.

- Minha - Dereck respondeu a contra gosto. Sabia muito bem onde aquilo ia dar.

- Quem deveria estar cuidando dela? - Questionou o cacheado checando a hora em seu relógio de pulso.

- Eu? - Dereck usou o tom mais como uma pergunta do que a própria resposta.

- Isso mesmo, não culpe seu pai se você não tem cuidado, não é obrigação dele cuidar desse tipo de coisa - Harry o repreendeu. - Você anda muito desatento nos últimos dias e desconta suas frustrações em quem estiver a sua frente, as coisas não se resolvem assim meu filho - Harry o olhou sério e dereck virou o rosto cruzando os braços a altura do peito.

- Desculpe me intrometer, seria essa a corrente que vocês estão falando? - Mary retirou uma corrente do bolso da calça jeans preta.

Era uma corrente com um avião de papel. Harry olhou para a corrente abismado, tinha dado aquela corrente a Louis antes de ir embora, dizendo que não importa onde ele estivesse sempre estaria com ele, mesmo que não fisicamente.

- Essa mesmo - Dereck a pegou a colocando no pescoço abraçando Mary dizendo diversos o "obrigado".

- Eu conheço essa corrente - o cacheado sorriu.

- Conhece? - Dereck olhou confuso para o pai. E harry acentiu confirmando com a cabeça.

- Eu quem dei ao seu pai - Harry sorriu. - Mas isso não é papo para agora, já estamos em cima da hora - Ele pegou a bolsa de Thomas em cima do sofá e saiu andando em direção a porta. Louis e os garotos o seguiram log atrás.

Eles iriam para uma pequena festa que Anne daria em sua casa comemorando o feriado de Halloween, eles chegaram rapidamente a festa, A casa estava parcialmente cheia, Theo e Lux estavam fantasiados diferentes, Theo usava uma fantasia de abóbora enquanto Lux usava uma roupa de bailarina. Gemma usava uma fantasia de diabinha enquanto niall estávamos vestindo de pirata, Anne desfilava pela casa com um vestido preto longo com um decote em "v" e numa Maquiagem preta no rosto.

- Mamãe? - Harry a olhou surpreso e Logo Anne riu se aproximando com um bandeija em mãos com maçãs do amor.

- Que bom que chegaram, olha do lado de fora tem algumas recreações para as crianças, deixei tudo por conta de niall - Ela riu junto ao cacheado.

- Onde está liam, eu preciso ver o seu bebê - Louis saiu correndo atrás doa amigo pela casa.

Dereck pareceu ter visto algo logo puxando o irmão consigo. Eles andaram por algum tempo até entrar em um dos quartos deixando as luzes apagadas.

- O que estamos fazendo aqui? - O loiro perguntou confuso.

- Apenas fique aqui e não acenda as luzes - Dereck disse sumindo pela porta.

- Dereck não me deixe aqui sozinho - O garoto falou com voz trêmula.

O mais velho sabia muito bem que ele não gostava de escuro, mas tinha algo de diferente e ele soube quando uma mão segurou a sua e uma risada foi ouvida.

- Com medo do escuro baby? - E ele sorriu.

Estava escuro ele não enxergava bem, mas reconheceria aquela voz em qualquer lugar, o perfume também exalando pelo cômodo. Mas ele conseguia ver sua silhueta, com toda certeza Thomas não tinha medo de escuro, na verdade ele estava começando adorar o mesmo.



-x-


Já estava quase no final da festa, harry procurava por Louis pela casa toda e nada de achar o castanho, já tinha dias que estava ensaiando o que dizer, mas nunca parecia ser o momento certo, agora tinha decidido que iria por um fim em toda aquela história. Ele entrou no corredor se dirigindo ao lado de fora logo vendo que não estava tão cheio, dereck e Thomas estavam sentado no chão com noah e Hayle conversando sobre algo, ele viu o castanho distraído conversando perto das flores com gemma, parecia uma conversa animada e o cacheado suspirou, gemma que o perdoasse mas dessa vez Louis teria de falar com ele.

- Desculpe, a gente pode conversar? - Ele trocou uma olhar sério com a irmã e logo segurou na mão do castanho o puxando para um canto afastado.

- Ei calma - Louis se deixou sendo arrastado parando de frente ao cacheado.

- Eu não sei como te falar isso, mas eu quero que me perdoe se isso sair uma merda entendeu? - Harry disse desesperado gesticulando com as mãos.

- Amor eu não estou te entendendo - Louis segurou em seus mãos tentando o acalmar.

- Você sabe melhor que ninguém o que nós passamos para chegar aqui, você sabe melhor do que ninguém que eu nunca teria ido embora se soubesse da verdade, eu amo você amor e eu só tenho agradecer por tudo que nós passamos, porque eu não estaria aqui agora, você me deu algo ao que me segurar quando eu achei que não tinha mais razões para continuar e seguir em frente, você me deu a família mais linda que eu podia ter, nós passamos por muitas coisas até finalmente chegar aqui e é por isso que eu estou aqui, porque eu te amo e eu quero continuar o resto dos meus dias ao seu lado, eu vou parar com esse discurso chato porque você está confuso, então vou ser direto, amor você aceita passar o resto dos dias que ainda temos comigo, você aceita se casar comigo? - Harry o olhava com um brilho nos olhos o que faz com que o castanho começasse a rir em meio a suas lágrimas.

- Eu não entendo porque demorou tanto,  é lógico que sim seu grande idiota - Louis desferiu um tapa no braço do cacheado. Harry sorriu se colocando de joelhos retirando a pequena caixa de veludo vermelha.

- ATÉ QUE ENFIM EM - Gemma gritou da porta com Theo nos braços.

Anne apenas olhava tudo admirada, realmente seus meninos tinham crescido e aos poucos estavam formando sua família.

Harry apenas riu retirando a aliança da caixa colocando em seu anelar enquanto Louis fazia o mesmo consigo, ele se levantou o puxando para um beijo apaixonado. Porque era isso que eles eram, apaixonados.
E se amavam acima de tudo, e não havia nada que pudesse mudar isso.




Notas Finais


[N/a] QUERIDA CHEGUEI AN AN

Boa tarde vamos começar esse sábado com muitos tiros. Bem gente espero que me perdoem a pequena demora e vamos que vamos faltam apenas quatro capítulos em. Obrigada por tudo que vocês fazem por mim em fizeram até agora não me deixando desistir. Eu amo vocês. Falando nisso criei uma conta nova aqui no spirit e @yeaslehpink em breve vou postar umas histórias lá. Espero que gostem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...