História Am I criminal ? Suga / Yoongi Fanfic - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Minyoongi, Myg, Suga, Yoongi
Visualizações 37
Palavras 2.204
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - EXPLAINIG EVERYTHING


Diretor: Pois agora pode esquecer, pois ela morreu, POR SUA CULPA.

 O quê como assim? E-Eu matar uma pessoa? E-eu não.. E-Era impossível, nunca pensei matar uma pessoa, muito menos Lee Yujin. 

Yura: C-Como as-assim? 

 Diretor: Lee Yujin sofre de asma, você socou o peito da pobre garota fazendo a mesma logo desmaiar e ela morreu quando chegou no hospital, o que vão agora falar sobre a nossa escola? Muita gente vai querer sair daqui, tudo culpa sua, eu desisti de você, vou ligar para seu irmão e você definitivamente está expulsa desta escola. 

 Yura: NÃO, POR FAVOR MEU IRMÃO NÃO. - Disse me ajoelhando, como seria a reação dele por sua irmã ter matado uma pessoa? Era a pior dor que eu irei sentir em meu coração. 

 Saí da escola correndo, comecei a ir em direção à escola de meu irmão, eu precisava de o ver, eu precisava de seus braços para me confortar. 

 A única coisa que eu via em minha frente eram minhas lágrimas, eu ia contra tudo e toda a gente, pouco depois entrei em sua escola vendo pessoas que nunca tinha visto na minha vida. 

Havia uma aluna que estava sozinha sentada no chão e logo veio em minha direção quando me viu me perguntando se eu estava bem. 

 Eu apenas perguntei para ela se ela sabia onde estava Namjoon. 

 A mesma arregalou os olhos e me levou até ele que estava na biblioteca. 

Vi meu irmão junto com seus amigos, o mesmo estava estudando enquanto alguns estam em seu celular, brincando ou até mesmo dormindo. 

Corri em direção ao meu irmão logo o abraçando bem forte, chorando e soluçando muito ao mesmo tempo. 

Namjoon se assustou mas quando o mesmo reparou que era eu que estava em seus braços ele me abraçou ainda mais forte. 

 Deu o toque para entrada e ele e seus amigos se permaneceram ali, nos encarando durante 10 minutos. 

Esses dez minutos foi o tempo de eu me acalmar, Namjoon sabia que vinha aí bosta por eu ter ido à sua escola, pois o mesmo sabe que eu a odeio. 

 Namjoon: Por favor maninha me conte tudo o que se passou. - Disse ele puxando uma cadeira para eu me sentar à sua frente.

 Há dois anos ele não me chamava de maninha.

 Yura: E-Eu ma-ei L-Jin. - Disse entre soluços fazendo ninguém perceber nada.

 Namjoon: Por favor podem nos deixar sozinhos? 

 Jin: E o suga? 

 Namjoon: Ele está dormindo, ele não vai ouvir nada. 

 Hoseok: Tudo bem. - Disse o amigo de meu irmão, e eu e Namjoon os acompanhamos com o olhar e o amigo de Namjoon fez um sinal de " fighting" para mim antes de sair da biblioteca. 

Namjoon: Me conte tudo com calma. - Disse mexendo em meu cabelo. 

Suspirei e respirei logo dizendo: 

Yura: Namjoon, eu fiz uma coisa horrível, eu sou um monstro. - Disse abanando minha cabeça freneticamente. 

 Namjoon: Foi expulsa de novo por causa de Yujin? 

Yura: Namjoon, por favor me perdoe, diga ao pai e à mãe para me perdoarem por favor, eu não aguento mais. - Disse abanando Namjoon e logo abaixando a cabeça. 

 Namjoon: Vamos para casa e aí falamos melhor. 

 Xxx Pov On 

 Eu conheço aquela garota de algum lado, e não é por ela ser irmã de Namjoon. 

 Eu senti algo quando a vi, apesar de não a conhecer me doía muito a ver chorando, o que era realmente estúpido, pois não sei nada sobre a mesma.

 Também já ouvi falar de Yujin, eu já não ouvia esse nome à alguns anos. 

Mas o que essa garota fez á irmã de meu melhor amigo? Eu quero me aproximar da garota que neste momento estava chorando à minha frente nos braços de seu irmão. 

Namjoon Pov On

 Há dois anos não via minha irmãzinha assim, chorando, indefesa, medrosa, eu precisava de saber o que ela tinha. 

 Fomos a pé para casa, a mesma foi o caminho inteiro chorando com os olhos fechados, e as pessoas que por ali passavam olhavam para mim com nojo pois pensam que eu a coloquei assim. 

 Chegámos em casa e a sentei no sofá, fui em direção á cozinha pegando um copo com água logo dando à mesma. 

 Yura engoliu todo o líquido de uma vez e começou a falar: 

 Yura: Lembra que eu sofria de bullying por antes ser gorda? 

 Namjoon: Yura.. Já disse que você não era gorda, você estava muito fofinha antes, você emagreceu e cresceu agora, não têm mais motivos nenhum de brigar com você. 

 Yura: E você lembra que depois me chamavam de prostituta? 

 Namjoon: Sim, e ainda não percebi o porquê, pois isso é uma estupidez.

 Yura: Houve um dia que.. - A sua voz travou. 

 Namjoon: Me conte Yura, por favor, quanto eu mais​ souber, mais poderei ajudar você. - Disse a reconfortando. 

 Ela suspirou e deitou tudo para fora: 

 Yura: Houve um dia que eu fui estuprada. 

 Namjoon: O QUÊ? COMO ASSIM! QUANDO? QUEM ? COMO? O Quê..- Comecei a gritar, tudo saiu de minha boca para fora, quando me lembrei que gritar não iria mudar nada eu parei de gritar no final da frase. 

 Yura: Namjoon.. Não grite, pelo menos agora, ainda falta o pior. - Disse ela engolindo seco. 

 Yura Pov On

 Minha garganta estava doendo, quase não conseguia falar, eu não conseguia olhar para a cara de meu irmão.

 Yura: Namjoon.. Não grite, pelo menos agora, ainda falta o pior.

 Namjoon: Não há nada pior que isso. 

 Yura: Acredite, há sim.. 

 Namjoon se sentou ao meu lado pois sabia que ia ser uma conversa bem longa. 

Yura: Naquele dia que eu supostamente fui dormir à casa de Yujin e eu cheguei bem cedo a casa, você se lembra? Foi à uns dois anos.. 

Namjoon: Sim, foi nesse dia mesmo?

 Yura: Sim, me desculpe, eu iria contar para você, mas eu não sabia como dizer e então eu fui adiando.. 

Namjoon: Eu todos os dias me perguntava porquê você estava chorando nesse dia.. 

 Expliquei tudo detalhadamente desse dia para Namjoon pois o mesmo queria saber, e esta era exatamente a altura perfeita para contar tudo que eu prendi na minha garganta durante dois anos. 

 Namjoon: Deve ter sido horrível, me desculpe por não ter protegido você.  

Yura: Bom.. então, você lembra da última vez que eu fui expulsa? Há duas semanas?.. 

 Namjoon: Sim, eu me lembro, o que aconteceu nesse dia? 

 Yura: Eu e Yujin brigamos de novo.. e meio que quando ela chegou ao hospital morreu.   

 Namjoon arregalou os olhos ainda olhando para mim, ele tentava dizer alguma coisa, nas não saía nada de sua boca, então expliquei melhor. 

Yura: Eu nesse dia descobri que eu fui estrupada por causa de Yujin, foi ela que combinou tudo, eu não aguentei e- 

 Fui interrompida pelos braços de Namjoon por todo o meu corpo me abraçando. 

Ficamos assim durante algum tempo até que ele separou o abraço. 

Namjoon: Basicamente a culpa é dela, você não fez por mal, mas as duas foram bem longe de mais. 

 Yura: Eu não quero ser presa Namjoon. - Disse começando a chorar de novo. 

 Namjoon: Não, não, você conta tudo que me contou agora para os policiais, eles vão perceber. 

 Yura: E os pais? O diretor disse que já falou tudo para eles. - Depois de ter dito isso o celular de Namjoon tocou. 

O mesmo pegou no mesmo e disse: 

 Namjoon: É o diretor. - Ele se levantou e ficou falando com ele ao celular. 

 Namjoon: Sim, eu percebo, adeus.  

Namjoon encerrou a chamada e veio em minha direção de novo. 

Namjoon: Ele contou tudo de uma diferente maneira, ainda bem que você veio falar comigo primeiro. 

 Yura: O que mais ele disse? - Disse limpando as lágrimas que estavam em meu rosto. 

 Namjoon: Ele disse que você a matou de propósito, mas isso eu já falei para ele que era mentira e contei toda a verdade. 

Ele também disse que você tem que mudar de escola pois foi expulsa da que você estava, desculpa maninha mas você vai para minha escola. 

Yura: NÃO, por favor, eu não quero. 

 Namjoon: Você agora tem de lidar com as consequências. 

 De repente ouvimos a porta de casa se abrindo, eram os nossos pais. 

Namjoon: Mas desta consequência eu vou ajudar você, vá para seu quarto que eu vou falar com os pais. - Disse ele engolido seco. 

 Corri para meu quarto, eu não queria ver nem ouvir a reação deles, eu não sei como vai ser minha vida a partir de agora. 

 Namjoon Pov On 

 Namjoon: Eu já expliquei tudo, eu espero que vocês percebam, a vossa filha foi estuprada, ela tinha razão de fazer isso, é só que ela como a Yujin foram longe de mais. 

 Seunjun: E isso não dava para resolver apenas conversando? Ela poderia ter nos contado e nós a ajudávamos. - Disse meu pai quase perdendo a calma. 

 Namjoon: Pai, eu já expliquei que ela se sentia insegura é normal o ato dela. 

 Sunhee: Mas o que vamos fazer para ela se comportar melhor? Ela não pode continuar assim, se não vai piorar ainda mais. 

 Namjoon: Mãe, eu já tratei isso com ela, Yura vai para minha escola, lá é completamente diferente, vocês vão gostar. 

 Os dois se entreolharam e concordaram, logo ambos subiram os degraus indo até ao quarto de Yura. 

 Eu fui atrás deles e vi os três se abraçando, sorri, fui andando até os mesmos os abraçando também. 

------ Quebra de tempo ------ 

Terça-feira foi calma, Yura não falava muito, eu tentava a animar mas nada resultava. 

 Hoje nem eu e nem Yura fomos à escola, eu queria fazer companhia à mesma.

 Terça-feira também foi o tempo de nossos pais tratarem dos papéis da mudança de escola, e amanhã depois da escola Yura irá de ter de ir até á esquadra falar do acontecido de duas semanas atrás. 

 Hoje já era Quarta-feira, primeiro dia de aulas de Yura da nova escola. 

 Fui ao quarto da mesma a acordando e peguei em seu uniforme que estava em seu guarda-roupa. 

 Yura: Eu não quero ir para a escola.

 Namjoon: Você vai gostar, eu vou estar sempre aos seu lado. 

 Lhe entreguei a roupa, e a mesma foi até ao banheiro. 

Yura Pov On 

 Namjoon me entregou o meu uniforme e fui para o banheiro vesti-lo.

 Argh, porque as saias são sempre curtas? Eu não gosto de saias, são muito desconfortáveis, e não fazem o meu estilo.

 Coloquei o resto do uniforme e saí do banheiro de braços cruzados.

 Namjoon me viu e sorriu.

 Namjoon: Que saudades de ver você de saia. 

 Yura: Só vou assim porque é o primeiro dia de aulas. - Disse revirando os olhos. 

 Namjoon: Você nem sabe o que acontece se você for sem o uniforme.

 Yura: Vou me arrepender de perguntar mas.. O que acontece?

 Namjoon: Vão levar você para uma sala, tirar a sua roupa e depois você vai ter de usar roupas velhas.

 Yura: Mas.. 

 Namjoon: E... depois ficar limpando os banheiros do 2° andar.

 Yura: Argh tudo bem, vamos logo. - Disse ajeitando a saia, que era insuportável de estar em meu corpo.

 Namjoon me entregou a minha mochila da escola que o mesmo tinha arrumado tudo para mim. 

Saímos de casa logo indo em direção oposta de que eu fazia todos os dias. 

 Pouco depois chegámos à escola, e Namjoon disse: 

 Namjoon: Eu e você somos de turmas diferentes, mas a minha sala é ao lado da sua. 

 Eu bufei e o mesmo continuou.

 Namjoon: Não se preocupe, eu tenho dois amigos meus que são da sua sala, eu já os levei algumas vezes em nossa casa, você vai logo saber quem é, espero eu. 

 O toque da entrada da escola suou por todos os corredores e eu entrei em minha sala. 

 Mas logo eu fui puxada por alguém, era o professor e o mesmo falou: 

 Professor: Desculpe, você é a aluna nova ? 

Yura: Sim. - Disse seca.

 Peofessor: Por favor fique aí e entra para a sala quando eu a chamar ok ? -  Assenti, não sabia o porquê mas deixei para lá, eu até podia ficar aqui o dia inteiro.

 O professor entrou na sala e parei de ouvir os alunos lá dentro que segundos antes estavam gritando bem alto, e logo ouvi o professor falando:

 Professor: Hoje temos uma aluna nova, por favor entre.

 Eu espreitei para dentro da sala e o professor assentiu para que eu entrasse eu entrei na mesma e fui para o lado do professor.

 Professor: Por favor se apresente.  

Yura: Sou a Kim Yura e tenho 17 anos. - Depois de ter dito o meu nome ouvi vários sussurros vindo das pessoas dizendo:

 "Ela é bem bonita" ; "Ela é irmã do Namjoon oppa " ; " Ela no outro dia estava chorando ".

 Olhei para o professor, e ele fez sinal que eu continuasse, ignorando os alunos.

 Yura: Não à assim tanta coisa de interessante sobre a minha vida para contar- Disse dando um sorriso falso sem mostrar os dentes. 

 Tirando a parte que matei uma pessoa a algumas semanas atrás.

 Professor: Tudo bem então, sente-se ao lado de Suga.

 Yura: Ok mas.... quem é ele ?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...