História Amantético - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Haikyuu!!
Personagens Akaashi Keiji, Bokuto Koutarou
Tags Adjsub, Akaashi, Bokuaka, Bokuto, Extrafluff, Keiji, Keikou, Keitarou, Kouji, Koukei, Koutarou, Mattsuninja
Visualizações 102
Palavras 221
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Fluffy, Musical (Songfic), Slash, Universo Alternativo

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


yay!
adj.sub vai ser uma pequena série de ones que eu vou lançar esses dias. amanhã talvez eu fique um pouco off; eu irei escrever bastante, mas provavelmente postarei apenas na sexta. espero que gostem do que eu poste hoje!
uma bokuaka fresquinha para vocês!!!

Capítulo 1 - One - o teu exagero é o meu simples.


one | o teu exagero é o meu simples.

Eram muitos que se dirigiam ao moreno perguntando se não ficava cansativo cuidar de Bokuto. O rapaz realmente não entendia; sabia que o cinzento podia ser extremamente elétrico e irritante as vezes, mas de alguma forma também como lidar com o fato de maneira impressionante. Ele admirava o mais velho com todas as força que tinha porque tinha noção de que aquela personalidade barulhenta era apenas o jeito dele de demonstrar seu carinho, visto que ele não tinha ideia de como o fazer por meio de palavras.

Koutarou poderia parecer um garoto sem papas na língua, mas ele era exatamente o contrário. O cinzento nunca abria a boca sem pensar antes quando estava perto de Akaashi – a aura do de cabelos negros era poderosa sobre o maior, como se sussurrasse frases de calmaria e gentileza por telepatia (o que não era impossível se fossemos analisar a amizade dos dois). E então, quando o mais velho berrava o nome alheio, abraçava o menor em um pulo ou esfregava o nariz e as bochechas em seus fios escuros, tudo o que Keiji fazia era acarinhar as costas dele e murmurar “tudo bem, Bokuto-san” com um mínimo sorriso. Até porque ele amava aquele rapaz por mais exagerado e ridículo que o carinho dele pudesse ser.


Notas Finais


bem curtinha, só para distrair enquanto eu começo as novas e termino Frêmito!
se começar a roteirizar Tu e Eu hoje ainda, poderei atualizar na segunda. por favor, esperem!
obrigada por lerem!

https://www.youtube.com/watch?v=rlVx2Byjjh8


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...