História Amar e Nada Mais - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Will & Will
Personagens Personagens Originais
Tags Boy×boy, Romance Gay, Sexogay
Exibições 7
Palavras 1.579
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Genteeeee volteeeeeeeii , bom gente como o capitulo três e muito grande eu vou dividir em quantas partes der mais eu acho vão ser três partes apenas , obg pelos que estão acompanhando e valeu pela força ai lidoos e um beijão na bunda e outro na teta esquerda e boa leitura mulheeeerrr (Amo a Camilla de paixão ) 😍😍😍😍😍😍👍👍👍👍👍👍👍👍💖💖💖💖

Capítulo 3 - Dia dos Namorados part.1


 NARRADO POR CEDRIK

 

Acordo no outro dia bem humorado, mais também depois de uma noite daquelas . Olho pro lado e vejo meu bebê dormindo sereno calmo, ele é tão fofo dormindo, olho no relógio e vejo que já passa do meio dia .

- Nossa dormimos bastante - falo sozinho.

Vejo que também tenho que acordar meu bebê, viro pro lado e logo de cara já dou um beijo, Derek acorda e aprofunda nosso beijo, sua língua pede passagem e eu sem demora permito nosso beijo se aprofunda aponto de nós começar-mos a brincar com o pau um do outro mas eu paro o beijo com um selinho.

- Bom dia bebê - digo olhando os lindo olhos castanhos claros esverdeados dele.

- Ótimo dia loirinho, e me acorde assim sempre - disse Derek me dando aquele sorriso.

- Não sorri assim não se não eu agarro você aqui mesmo e agente passa o dia todo fazendo amor - digo com cara de sapeca.

- Então eu vou continuar sorrindo - ai gente aquele sorriso.

- Idiota - digo sorrindo -Você sabe que eu te amo né? -digo sorrindo feito bobo.

- E como eu sei, ontem você mostrou o quanto me ama na cama eu adorei a demonstração, demonstra de novo? - pedio com cara de cachorro sem dono.

- Claro que não, por que você acha que eu vou ... - começo a sentir ânsia de vómito - Vou vomitar - faço cara de nojo.

- Nossa foi tão nojento assim - diz Derek referindo-se à noite passada.

- Não idiota eu estou com ânsia de vômito me ajuda a chegar no banheiro - pedi segurando o vômito.

- Claro meu amor - diz Derek me pegando e me levando ao banheiro.

 

Chego ao banheiro e começo a vomitar. Derek fica atordoado ele senta no chão perto do vaso e me coloca sentado no colo dele(que fofinho��) duas horas depois eu estava novo em folha (estranho essa ânsia).Derek acessa seu e-mail e descobre que nosso hotel e em Siracusa (amo essa cidade).Saímos do quarto quase 5 horas da tarde fomos pra cozinha e encontramos Nina nossa cozinheira que trouxemos do Brasil (ela e nossa mãezona) preparando o jantar.

- Oi nina -falamos e uníssono.

- Oi meus filhos, isso são horas de dois homens feitos acordarem? -diz Nina chamado nossa atenção.

- Nina nos dois estamos acordado desde meio dia , mas acontece que o Cedrik teve ânsia de vômito e estava vomitando até agora - explicou Derek.

- Meu deus Cedrik! ! – diz Nina com cara de aflição -por que não me chamaram eu poderia ajudar.

- Não queríamos preocupar a senhora - digo com um misto de vergonha e timidez.

- Nina a gente vai se casar sabia - disse Derek mostrando nossas alianças.

- Que maravilha, e vocês vão usar a fazenda ou vai ser na igreja- pergunta Nina contente com enunciado.

- A fazenda Nina por que vai ser coisa simples, a e Nina contrate alguém do seu gosto pra te ajudar com a comida da festa - digo já sabendo que a Nina vai fazer tudo sozinha.

- Olha me filho eu trabalho melhor sozinha então nem adianta contratar ninguém por que eu não permito amadores na minha cozinha - disse Nina erguendo a cabeça.

- Nos já sabíamos Nina, você acha mesmo que alguém além de você vai cozinha pra gente, lógico que não - disse Derek com ar brincalhão.

- Assim espera meu filho

- Nina tem alguma coisa pra comer ? - Digo colocando a mão na barriga.

- Tem lasanha , vou esquentar pra vocês, vão pra sala de jantar que eu já vou servir vocês - disse Nina esquentando a lasanha.

- Não Nina vamos comer na aqui mesmo - Dissemos dando um beija nas bochecha de Nina um de cada lado ao mesmo tempo.

 

Nossa cozinha era toda de aço inox , a geladeira era de última geração o fogão era de touch a pia era se mármore e Inox tinha uma grande porta de vidro que dava pra área da piscina, à Nina fica louca quando a gente traz nossos amigos aqui e eles ficam passando todos molhados pela cozinha dela , ainda bem que todos sem exceção a consideram uma mãe e ela nos considera filhos . Quando eu e Derek brigamos e ele saiu de casa eu fui até a casa dela pedir conselhos e ela me aconselhou a ligar pra ele e pedir perdão pelo que eu tinha feito e tentar compreender o lado dele (minha segunda mãe mesmo já que a primeira não está mais entre nós ).

Sentamos no balcão que dividia a cozinha ao meio , Nina foi até o armário e pegou duas taça dois pratos duas facas e dois garfos.

- Nina eu ajudo - digo já pegando as taças e os pratos das mãos dela e colocando no balcão , logo em seguida pego a lasanha que foi esquentada numa travessa de vidro e coloco sobre o balcão.

- Eu pego o vinho - diz Derek saindo em direção a nossa adega de bebidas que ocupava um quarto nos fundos da cozinha . Minutos depois ele volta com um vinho chamado Cabernet Sauvignon

- Adoro vinho tinto - digo já pegando minha taça.

- Por isso que eu peguei meu amor - diz fazendo cara sexy.

- Nina olha que fofo que ele é - digo olhando pra Nina.

- Fofo não meu filho pegajoso isso sim - diz Nina me fazendo dar gargalhadas.

- Nina !! Você devia me apoiar -diz Derek tentando parecer sério mais já segurando um riso.

- Olha meu filho não fica bravo mais você e muito meloso - diz Nina dando leves gargalhadas. Derek não aguenta mais e cai na gargalhada.

- Tá bom Nina, pega uma taça e vem beber com agente - pede Derek fazendo aquela cara de pidão que a Nina não resiste.

- Tá bom - diz Nina pegando uma taça e Derek a serve de vinho - Ao Vosso casamento - diz Nina brindando.

- Nina , tire o final de semana de folga por que eu e Cedrik vamos passa esse final de semana na Itália - informou Derek - Não quer ir com a gente não Nina .

- Quer eu quero mais não posso por que vou esse final de semana comemorar minha segunda lua de mel com meu marido em cuba - disse Nina contente.

- Olha só, transem bastante Nina aproveita o maridão enquanto da - digo entusiasma.

- E você acha que eu estou indo só pra ficar de mãos dadas , ele que aguarde - diz Nina com cara de sapeca.

- Nina !! - dizemos em uníssono e rimos.

Terminamos de comer a lasanha e beber o vinho quando a empregada veio informar que as malas já estavam prontas.

- Nina nos já vamos - dizemos dando um beijo na Nina antes de sair.

- Tchau meus filhos - diz Nina como sempre.

Saímos de casa e resolvemos ir no mesmo carro, já na estrada rumo ao aeroporto , Derek estava muito sexy , ele esta com uma causa jeans colada o que realça suas pernas grossas e sua bunda grande, esta com uma camiseta devido ao calor aqui em Los Angeles sua camiseta e de malha transparente e mostra todo seu tanquinho e esta calçando uma bota coturno já eu estou usando uma causa swag com uma blusa transparente que mostra todo meu tanquinho digamos que eu também estou sexy , mais vamos combinar que ele tá mais.

- O que foi meu amor -diz Derek olhando pra minha cara de paisagem.

- Nada mozão , só pensando comigo “como meu noivo e gostoso meu deus “- disse limpando a baba que escorrera quedo ele sorriu pra mim.

- E você tem sorte por que só você pode usufruir de tudo isso - disse passando a mão no próprio corpo de forma sensual e dando uma apertada no pau por cima da causa.

- Isso foi golpe baixo , sabe que eu não resisto quando pega no seu pau desse jeito - ele apenas sorriu , e quando fui agarrar ele , o carro para.

- Droga ?! - digo nervoso.

- Que foi amor - diz Derek gargalhando por saber o motivo da minha raiva.

- No jato você não me escapa - digo com cara de sapeca.

- E quem disse que eu quero escapar - diz ele pegando minha mão e entrelaçando nossos dedos.

Fomos em direção ao nosso jato que já estava pronto pra decolar já que nossas malas vieram primeiro , entramos e eu já puxo Derek pro quarto no jato.

- Eu disse que você não vai escap... - Digo já vomitando - Droga !!.

- De novo , olha se você não fosse homem acharia que estava gravido - disse Derek rindo.

- Idiota como você pode rir numa hora dessas - digo indo a suíte e escovando os dentes, voltando e parando na frente de Derek fazendo biquinho.

- Me perdoa meu príncipe eu te amo - diz Derek beijando meu biquinho.

 

Aquela viagem não vi como passou por que eu estava muito ocupado com seu noivo se é que me entendem. Quando chegamos em Siracusa na Itália nos fomos guiado até o hotel. Essa noite usaríamos pra dormir agarradinhos já que estamos exaustos pela "viagem" . 

 

 


Notas Finais


E ai minha gente estão gostando do livro será que ele vai ser tendência, bom não sei até a próxima parte que já está pronta mais não vou postar ainda e só vou postar quando a terceira parte estiver pronta e eu já estou quase acabando de escrever então gente um beijo na bunda e outra na teta esquerda e tchau meus lindoooos e lindaaasss 👍👍👍👍💖💖💖👍👍👍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...