História Amar-te - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Kai, Sehun
Tags Kaihun, Sekai
Exibições 43
Palavras 277
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabs, Drama (Tragédia), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá :)
Eu realmente não sei começar uma apresentação decente mas, depois de semanas pensando em escrever algo com eles, eu finalmente criei coragem e escrevi mesmo que tenha ficado curtinha <3

Boa leitura <3

Capítulo 1 - Obra sem mentor


Você podia ver, não tinha mais nenhuma novidade em meu corpo, nada mais que você pudesse fazer para deixá-lo melhor, pois meu criador não está aqui para aperfeiçoar-me. Acho que ele não tinha mais nenhuma utilidade, eu era apenas eu e não mais uma obra de arte.

Eu desejava tanto ser uma obra.

Uma obra feita por pincéis experientes, com técnica, feita por um artista que a cada nova cor beijava-me com uma paixão antes não vista por mim. Chamava-me de amor, dizia que eu sempre seria seu mais perfeito quadro, que jamais estaria farto de mim e que jamais deixaria que me leiloassem por valores ridículos. Ele me faria uma estrela mas eu seria visto apenas por ele e estaria exposto apenas para ele.

Sem nenhum olhar impuro sobre mim;

Para que nenhum maldito ousasse tocar em minhas cores, para que nenhum deixasse suas marcas, para que nenhum outro transformassem meus traços em dor. Eles não entendiam arte, você nunca fora doente, amor.

Eles nunca souberam o quanto Kim JongIn representava amor para mim.

Pois toda a arte contida em meu corpo fora graças a ele.

''Mas é errado o que ele faz, você não compreende pois não viveu o bastante''

Eu vivi o bastante para amá-lo, para descobrir que a melhor forma de amor é aquela que não depende de significados, a forma como amei foi pura, mas arrancada de mim. Pois meus pais não suportavam a ideia de que eu pudesse ter escolhas, acreditavam que não sabia me defender, eram devotos da minha inocência morta.

 

Se mataram meu amor, de certa forma mataram a mim também pois Oh Sehun não existe sem Kim JongIn.


Notas Finais


Bem, eu bem que pretendia fazer uma long(?) explicando tudo mas ainda não sei.
Mas o geral é simples, O Kim era um artista e na ''idade média'' artistas eram um pouco julgados e como o Sehun era um pouco mais novo, mataram o Kai. Simples :(

e: amar-te= amar+arte

Beijos <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...