História Amigos para Sempre:O Céu Bonito. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Exibições 17
Palavras 1.329
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Luta, Magia, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Super Power, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Spoilers, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Bom essa é a minha primeira Fanfic e eu pediria a compreensão de todos ao entender que sou inexperiente agora mas espero ser melhor no futuro,quando eu colocar as palavras caídas (vocês verão na história),será para expressar pensamento, ou se preferirem os bons parenteses por favor me avisem qual ficaria melhor.Toda a ajuda será bem vinda caso tiver algumas coisas que vocês acharem que precisa de Mudança.

Capítulo 1 - O Dia Em Que o Reencontrei.


Fanfic / Fanfiction Amigos para Sempre:O Céu Bonito. - Capítulo 1 - O Dia Em Que o Reencontrei.

Pensamentos inquietos,estava deitada sobre a cama com o diário ao seu lado,lendo e relendo velhas páginas de seu antigo companheiro de pensamentos e relembrara tempos de uma paixão de uma criança solitária, pensativa sobre  a situação em que se encontrava, Setsuna que logo estaria a completar 16 anos no dia 20 de abril,logo lembrara de seus estudos mas não conseguia se focar em tal assunto,apenas ficavam aqueles pensamentos de arrependimento,por que uma coisa tão antiga voltara à sua mente justo agora depois de sete anos praticamente,bom mas agora não era mais aquela garotinha de jeito infantil,agora pelo menos tinha um rosto mais afinado e seus olhos estavam mais violeta cintilante, seus cabelos brancos agora são tão macios e sedosos com o comprimento até o joelho formando uma ondulação e para cima era liso e seu cabelo tinha um estilo parecia orelhas de gato porque acima da franja,não seguia a gravidade e fazia um estilo de telhado de casinha em sua cabeça parecendo orelhas de gato e tinha isso desde criança,mas também era esse estilo de cabelo que a deixara ainda mais fofa e de aspecto gentil.Mas pensava nas possibilidades de nunca querer ter conhecido o amor de sua infância que ainda existira em sua mente nos dias de hoje.

-Por que,ainda penso nele?Por que ainda deveria de pensar nele?(essa é a escrita para expressar pensamento),essa paixão deveria ser passageira,mas de alguma forma ainda penso nisso,sendo que não nos falamos faz um bom tempo,depois que me mudei pra cá não recebi nenhuma ligação dele nesses anos todos nenhuma mensagem sequer,ou ao menos uma carta ,bom  eu não tenho seu número porque perdi quando troquei de telefone e não sei se seu endereço ainda é o mesmo de antes,por isso nunca mais nos falamos e se ele ligou para meus pais,não ligou, pois meus pais falariam se caso ele ligasse é claro!Mas é claro que ele não gostaria de ter amizade com uma garota do colegial,afinal ele já tem 21 anos,ele é 5 anos mais velho que eu. - Sakumo, um garoto ,agora um rapaz, tinha cabelos curtos da cor azul bebê,quase brancos,estavam sempre bagunçados e com um rabinho de cavalo atras e em baixo,olhos grandes e vermelhos cheios de brilho,seu físico sempre foi alto e magro com grandes pernas e mãos,sempre feliz e foi o único amigo de Setsuna até agora e também foi sua primeira e única paixão - O que aconteceria se nos encontrássemos hoje,bom agora nada mais adianta a se lamentar. -Como já estava tarde pois-se na cama pois teria aula no dia seguinte. 

Logo pela manhã foi para a aula,e mesmo sabendo que ninguém nunca falara com ela e que o amor de sua vida nunca se apaixonaria pela mesma,não se deixou abalar pois lembrava de seus pais e dos momentos felizes em que viveram e ainda estão vivendo,lembrava de que sua família nunca a abandonaria pois dariam sua própria vida para protege-la,porque a amavam e muito.

                                                                                                                  ****

Na saída da escola, a mãe de Setsuna,Ynuishiki Otonky (o nome está de trás para frente),liga para ela:

-Alô filha,bom como você está vindo pra casa,eu gostaria que fosse no mercado para aproveitar a viagem (ida pra casa) e aproveitar que estamos no meio da semana,mandarei a lista em msn pra você ok?
              -Ok mãe,sem problemas eu não ligo de ir no mercado,alias,tenho o mesmo pensamento que você temos que aproveitar e ir de uma vez só, e não ficar indo e vindo à toa,não se preocupe pode mandar a lista mas mande meio logo porque eu já estou quase chegando no mercado.Mas se é apenas isso então eu já estou indo pegar as compras para ir pra casa,ok então beijos mãe daqui a pouco estarei chegando em casa.
             -Então ta bom filha,estou esperando beijos e tchau. - Ambos desligaram os telefones e Setsuna foi ao mercado.

Ao chegar no mercado,ela estava fazendo as suas compras normalmente,foi quando,por um momento,estava com sua lista em seu telefone,distraída lendo, não percebeu que vinha alguém em sua frente com uma lista também (de papel/ tradicional),como estavam distraídos logo quando foram ao encontro do outro,ambos se esbarram:

-Boooooooom, baaaaaammmmmm, splackt, vulct - quando se esbarraram as coisas que estavam em suas certas de mercado,voaram e esparramaram no chão (ainda bem que nada quebradiço estava entre as suas compras), quando conseguem realmente prestar atenção um no outro, tem uma surpresa :

-Setsuna???É mesmo você??!!!
             -S-Sim! Ahh é você Sakumo??!!
             -Sim sou eu, nossa como você cresceu!!!! - Setsuna,morrendo de vergonha por ele ter notado o fato dela não ser mais aquela menina que ele conheceu à sete anos, ficou pensando como poderia te-lo encontrado assim tão derre pente  na cidade para onde tinha se mudado,mas agora ela se sentia envergonhada)

Quando acabaram as compras Sakumo leva Setsuna pra casa e no caminho conversam bastante:

                                                                                                                      **** 

-Setsuna eu tentava encontrar alguém que soubesse onde você estava para eu talvez te visitasse ou te mandasse cartas,ou encontrasse alguém que tivesse um número de celular ou telefone seu ,de sua casa ou de seus pais mas quando percebi já tinha passado todos esses anos longe de você,mas agora que a encontrei fico feliz!!!!!!!
              -Eu também estava preocupada com perder  a amizade com você já que eu perdi seu contato  e não consegui de maneira nenhuma falar com você,cartas, é claro que eu gostaria de te mandar, mas,eu não sabia se você ainda morava naquele endereço ou se tinha se mudado,por isso eu não mandei nenhuma carta.
              -Bom isso não importa mais nós nos encontramos de qualquer jeito.Bom essa é a sua nova casa,outro dia eu espero vim aqui pra te visitar e conhecer sua casa.
               -E-eu também gostaria de ir visitar sua casa agora que sei que você mora aqui nessa mesma cidade que eu,b-bom agora temos que nos despedir,minha mãe estará saindo pro trabalho daqui a pouco e não sei se vou poder convidar você pra entrar, sinto muito mesmo.
               -Não tem problema,eu entendo completamente,bom então até mais,foi muito bom te ver!!!!!!! Tchau Setsuna!!!!!!
               -I-igualmente em te ver,também fiquei contente em te achar e ver seu belo sorriso novamente!!Tchau Sakumo-kun!!........

Os estavam corados fortemente,pois estavam ambos com vergonha dos elogios que receberam quando se reencontraram novamente naqueles dias de mudança de estação.

                                                                                                                   ****

Mais uma vez saindo da escola vê Sakumo com outros alunos no portão e com muita vergonha pensa Ele deve ter vários amigos!.....Ela tenta passar sem ser percebida mas acaba que ele a vê e vai em sua direção:

-Setsuna,oiiii!
             -O-oi....
          -Eu não sabia que você estudava aqui, ontem eu vi que seu uniforme era familiar pra mim mas não pensei que fosse daqui,desse colégio!Ontem nós nos esquecemos de trocar os nossos números não é??? 
              -Ahh....Sim..... - trocaram os telefones e Setsuna já havia recebido uma mensagem  de Sakumo.
              -B-bom eu queria te convidar para uma festa os detalhes estão aí nessa msn, bom foi muito bom te ver e se não quiser ir eu respeito e se não quiser ser mais minha amiga e também entenderia e respeito as suas opiniões sobre mim,alias eu já sou adulto e você uma colegial imagino que não queira ser vista andando como uma pessoa como eu .......
             -Eu ainda gostaria de ser sua amiga fiquei todos aqueles anos apenas pensando na nossa amizade e...........Não gostaria de perder uma amizade tão boa como a sua ,mas ainda tenho que saber se eu posso ir na sua festa alias minha mãe ainda manda em mim e preciso ver se ela deixa em primeiro e se não for incomodo, gostaria de saber se você ainda aceitaria a minha amizade?????.......
             -O-o que você tá brincado é claro que ainda quero!!!!! -eufórico seu tom foi ficando mais tímido e seu rosto branco,começou a ficar rosa  - E-e-e eu não gostaria de perder uma amizade tão grande,importante e única como a sua.-os dois corados se despediram e seguiram seus caminhos para suas casas.

Chegando em casa Setsuna pergunta à sua mãe:

-Mãe posso ir numa festa na casa do Sakumo-kun?????


Notas Finais


Bom primeiro quero pedir pra que entendam que a foto que escolhi como capa (Kyou Fujibayashi do anime Clannad),foi por que ela era muito parecida com a Setsuna porque ela tem olhos violeta cabelos longos e cabelo parecendo o de gatinho,o uniforme também era muito parecido então ela foi a melhor personagem que se parecia com a Setsuna,bom sim, eu já fiz um desenho próprio da Setsuna e foi a muito tempo e espero em um capítulo colocar para vocês verem como ela é de verdade e um dia relembrei que a kyou era uma personagem com Setsuna (fisicamente) .Bom obrigado a todos que leram até aqui mais detalhes no meu twitter @MiraiTakanashi, e eu gostaria de saber a opinião de vocês se possível .Vlw ;3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...